Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/84171
Type: Artigo de periódico
Title: A formação do pós-graduando no mundo contemporâneo no cotidiano da pesquisa
Title Alternative: The postgraduate student's education in the contemporary world in the daily routine of research
Author: Barros, Nelson Filice de
Spadacio, Cristiane
Abstract: The goal of this paper is to present a synthesis of the debate of II Encontro Paulista de Ciências Sociais e Humanas em Saúde (II São Paulo's Meeting of Social and Human Sciences in Health), based on the presentation The postgraduate student's education in the contemporary world in the daily routine of research, organized by the concepts of praxis, field and epistemological ruptures, and developed through principles of the Social Sciences. It is known that: the contemporary world invites us to pass from an information society to a knowledge society; the Social and Human Sciences in Health (SHSH) are part of the Public Health knowledge, institutionalized in the interface between the Social and Human Sciences and the Health Sciences; the project of the SHSH does not reach all peoples at all times, although its dialogue promotes a potential way for the construction of universalizing meanings; there is a third generation of social scientists in the field of health in Brazil; SHSH is part of a field that consumes sciences to manage Brazil's National Health System; our efforts and opinions, though they are driven by the fact that we do not know the outcome, enable us to maximize the human nature and spirit towards a better life. Thus, it is concluded that it is essential to produce, with postgraduate students, information, feelings, processes, actions and meanings, which explain fluid, flexible and reflexible narratives on how people interpret their social worlds.
O objetivo deste artigo é apresentar uma síntese do debate do II Encontro Paulista de Ciências Sociais e Humanas em Saúde, a partir da apresentação A formação do pós-graduando no mundo contemporâneo no cotidiano da pesquisa, organizada pelos conceitos de práxis, campo e rupturas epistemológicas e desenvolvida por meio de princípios das Ciências Sociais. Sabe-se que: o mundo contemporâneo convida à passagem de uma sociedade da informação para uma sociedade do conhecimento; as Ciências Sociais e Humanas em Saúde (CSHS) são um corpo no campo da Saúde Coletiva, que se institucionaliza na interface das Ciências Sociais e Humanas e Ciências da Saúde; o projeto das CSHS não alcança a todos os povos, a todos os tempos, mas seu diálogo promove um potencial para a construção de sentidos universalizantes; existe uma terceira geração de cientistas sociais no campo da saúde brasileira; as CSHS são uma aplicação em um campo que consome ciências para gerir o Sistema Único de Saúde; os nossos esforços e posicionamentos no presente, ainda que dirigidos pelo fato de não conhecermos o desfecho, permitem-nos potencializar a natureza e o espírito humanos para uma vida melhor. Assim, compreendemos, conclusivamente, que é fundamental produzir com os pós-graduandos informações, sentimentos, processos, ações e significados, que explicitem narrativas fluidas, flexíveis e reflexíveis sobre como as pessoas interpretam seus mundos sociais.
Subject: Ciências Sociais e Humanas em Saúde
Sociologia da Saúde
Ensino
Pesquisa
Formação Profissional
Social and Human Sciences in Health
Sociology of Health
Teaching
Research
Education
Editor: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.Associação Paulista de Saúde Pública.
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0104-12902011000100007
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-12902011000100007
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12902011000100007
Date Issue: 1-Mar-2011
Appears in Collections:Unicamp - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0104-12902011000100007.pdf79.8 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.