Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/82502
Type: Artigo de periódico
Title: Propagação de mudas de helicônia em biorreator de imersão temporária
Title Alternative: Propagation of heliconia plantlets in temporarily immersion bioreactor
Author: Rodrigues, Paulo Hercílio Viegas
Teixeira, Fabiano Moura
Lima, Ana Maria Liner Pereira
Ambrosano, Gláucia Maria Bovi
Abstract: Novel micropropagation techniques have been studied aiming the optimization of production and cost reduction. Among these micropropagation using temporarily immersion in a bioreactor is a technique that uses liquid medium in an automatzed system. This research evaluated the efficacy of a handcraft temporarily immersion system, using explants of Heliconia champneiana Griggs cv. Splash. These were submitted to three subcultures with fifteen minutes of immersion in intervals of one hour (T1), four hours (T4), six hours (T6) and eight hours (T8). Weight of the fresh mass, number of plantlets, individual weight, final volume of culture media, pH final and the overall functionality were evaluated. In evaluations between the treatments of temporarily immersion, the best performance occurred in treatment T1, being impracticable the T8 treatment for this type culture. In comparison to a conventional method (C) the treatments T1 and T4 had superior performance, demonstrating higher efficiency of the temporarily immersion for the production of plantlets. The prototype of the bioreactor of temporary immersion had good performance, presenting itself functional, of easy handling and able to be used in the study of other cultures.
Novas técnicas de micropropagação têm sido estudadas visando à otimização da produção e redução dos custos de produção. Dentre elas, a técnica de micropropagação em biorreator de imersão temporária destaca-se pela utilização do meio de cultivo líquido em um sistema automatizado. Neste experimento avaliou-se, em três repetições, um biorreator artesanal de imersão temporária, utilizando explantes de Heliconia champneiana Griggs cv. Splash, submetidos a três subcultivos com quinze minutos de imersão em intervalos de uma hora (T1), quatro horas (T4), seis horas (T6) e oito horas (T8), em que foram avaliados o volume final de meio de cultivo, pH final, número de brotações, massa da matéria fresca, massa unitária e a funcionalidade do sistema. Resultados das avaliações entre os tratamentos de imersão temporária demonstraram que o melhor desempenho ocorreu no tratamento T1, sendo inviável o tratamento T8 para esse tipo de cultura. Na comparação com o método convencional (C), os tratamentos T1 e T4 foram superiores, demonstrando melhor eficiência da imersão temporária na produção de brotos. O protótipo do biorreator de imersão temporária teve bom desempenho, sendo funcional, de fácil manuseio e podendo ser utilizado no estudo de outras culturas.
Subject: micropropagação
meio líquido
floricultura
micropropagation
liquid medium
flower culture
Editor: Instituto Agronômico de Campinas
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0006-87052006000100005
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87052006000100005
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052006000100005
Date Issue: 1-Jan-2006
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0006-87052006000100005.pdf214.73 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.