Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/361647
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Discursos sobre ecologia de ecossistemas em livros didáticos de biologia para o ensino médio do PNLD 2018 : Ecosystem ecology discourses in PNLD 2018 high school biology textbooks
Title Alternative: Ecosystem ecology discourses in PNLD 2018 high school biology textbooks
Author: Morais, Wanderson Rodrigues, 1991-
Advisor: Almeida, Maria José Pereira Monteiro de, 1944-
Abstract: Resumo: O objetivo desta pesquisa foi compreender como são enunciadas noções da ecologia de ecossistemas e o funcionamento discursivo de que os autores dos livros didáticos de biologia no PNLD de 2018 utilizam. Como suporte teórico-metodológico, nos apoiamos na Análise de Discurso materialista francesa de Michel Pêcheux e colaboradores, que versam sobre estudos da linguagem e do discurso, sendo este determinado historicamente na não-separação entre forma e conteúdo. Também trazemos algumas contribuições históricas e ontológicas de variados cientistas, ecólogos, filósofos e historiadores. Compreendemos que a ecologia teve seu reconhecimento como ciência tardiamente, apresentando desenvolvimento historiográfico e filosófico ainda recente. É um dos campos de estudos mais ativos no século XXI, com investigações do âmbito educacional ao científico e presença em discussões na arena política e em movimentos ambientalistas. Nosso foco está na ecologia de ecossistemas, em vista das influências que essa temática exerce no cenário político-social. No que diz respeito ao ensino de ciências, os livros didáticos se encontram em cenário de prestígio dos governantes, assim, aos livros é assegurada sua hegemonia e perpetuada representações de mundo e de conhecimentos científicos que muitas vezes apagam ou dissimulam suas raízes, agregando determinados valores por meio do discurso da tríade autores-editoras-Estado. Por meio da análise de três das obras didáticas do componente curricular de biologia mais adquiridas no PNLD de 2018, o funcionamento discursivo empregado pelos autores dos livros didáticos se faz pelo uso de pré-construídos e efeitos de sustentação que articulam aspectos da temática ambiental aos conceitos ecossistêmicos, caracterizando-se por uma "ecologização" dos fenômenos ambientais. Também é recorrente o emprego de efeitos encaixe e articulação de ordem mais conteudista, frequentemente presentes nos discursos escolares relativos à Ciência. Quanto ao aspecto historiográfico, a abordagem dos conceitos ecossistêmicos se faz predominantemente descolada de suas filiações teóricas, por uma espécie de apagamento histórico, por um efeito de silenciamento constitutivo. Além da contribuição de outros pesquisadores sobre esse tema, compreendemos que se faça necessário discutir aspectos filosóficos e sociológicos do campo de estudos da ecologia (de ecossistemas), compreendendo seus modos de ação, aplicações e limitações no livro didático.

Abstract: The objective of this research was to understand how notions of ecosystem ecology are enunciated and the discursive functioning that the authors of the elected biology textbooks in the PNLD 2018 use. As a theoretical and methodological support, we rely on the french materialist Discourse Analysis by Michel Pêcheux and collaborators, which deals with studies of language and discourse, this being historically determined in the non-separation between form and content. We also bring some historical and ontological contributions from various scientists, ecologists, philosophers and historians. We understand that ecology had its recognition as a late science, with historiographical and philosophical development still recent. It is one of the most active fields of study in the 21st century, with educational and scientific investigations and presence in the political arena and in environmental movements. Our focus is on the ecosystem ecology, in view of the influences that this theme has on the political-social scenario. Regarding to science teaching and in general, textbooks are in a scenario of prestige of the government, thus, books are guaranteed their hegemony and perpetuated representations of the world and scientific knowledge that often erase or hide their roots, adding values through the discourse of the authors-publishers-State triad. Through the analysis of three of the most biology textbooks acquired in the PNLD of 2018, the discursive functioning employed by the authors is made by the use of pre-built and sustaining effects that articulate aspects of the environmental theme to ecosystem concepts, characterized by a "ecologization" of environmental phenomena. The use of more contentious effects and articulation is also recurrent, frequently present in school discourses related to Science. As for the historiographical aspect, an approach to ecosystemic concepts is predominantly detached from its theoretical affiliations, by a kind of historical erasure, by a constitutive silencing effect. In addition to the contribution of other researchers on this topic, we understand that it is necessary to discuss philosophical and sociological aspects of the field of studies of (ecosystem) ecology, understanding their modes of action, applications and limitations in textbooks.
Subject: Ecossistema
Análise do discurso
Historiografia
Livros didáticos
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MORAIS, Wanderson Rodrigues. Discursos sobre ecologia de ecossistemas em livros didáticos de biologia para o ensino médio do PNLD 2018 : Ecosystem ecology discourses in PNLD 2018 high school biology textbooks. 2021. 1 recurso online ( 133 p.) Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Física Gleb Wataghin, Campinas, SP.
Date Issue: 2021
Appears in Collections:IFGW - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Morais_WandersonRodrigues_D .pdf3.1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.