Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/36101
Type: Artigo de periódico
Title: Atividade de cárie na dentição decídua, Indaiatuba, São Paulo, Brasil, 2004
Title Alternative: Dental caries activity in primary dentition, Indaiatuba, São Paulo, Brazil, 2004
Author: Rihs, Lilian Berta
Sousa, Maria da Luz Rosário de
Cypriano, Silvia
Abdalla, Nádja Moscoso
Guidini, Danielle Duo Ngatsuka
Amgarten, Carolina
Abstract: This study aimed to verify caries activity and analyze caries experience, treatment needs, and enamel defects in 5-year-old preschool children in Indaiatuba, São Paulo State, Brazil. 624 children were selected by systematic random sampling in 2004. WHO criteria were used to measure caries experience and treatment needs. Nyvad et al. diagnostic criteria were used to analyze caries activity. Mann-Whitney and qui-square tests were used to analyze the results, with 5% significance. 40.5% of schoolchildren displayed caries activity. The dfmt was 1.62 (95%CI: 1.35-1.89). Among children with dfmt > 0, the index was 3.81 (95%CI: 3.36-4.26), and 91.4% of these children presented caries activity. Care Index was 12.3%. These results suggest that treatment measures and health promotion should continue to be prioritized, since the control measures and caries interruption during the initial stages are well known. Dental care should especially target schoolchildren with more significant caries experience.
Os objetivos deste trabalho foram verificar a atividade de cárie, além de conhecer a experiência de cárie (ceod), necessidades de tratamento e defeitos de esmalte em pré-escolares de cinco anos de idade. Examinaram-se 624 crianças de Indaiatuba, São Paulo, Brasil, em 2004, selecionadas por meio de processo amostral aleatório sistemático. Para medir a experiência de cárie e necessidade de tratamento adotou-se os critérios da OMS. Para a atividade de cárie, optou-se por uma simplificação dos critérios de diagnóstico de Nyvad et al. Na análise estatística utilizaram-se os testes Mann Whitney e qui-quadrado com nível de significância de 5%. 40,5% dos pré-escolares apresentaram atividade de cárie. O ceod foi de 1,62 (IC95%: 1,35-1,89). Entre os doentes (ceod > 0) o ceod foi 3,81 (IC95%: 3,36-4,26), ainda neste grupo, 91,4% das crianças apresentaram atividade de cárie. O índice de cuidados foi de 12,3%. Sugere-se que medidas de prevenção e tratamento direcionadas a essa população continuem sendo priorizadas, uma vez que as medidas de controle e paralisação da cárie em seus estágios iniciais são bem conhecidas. Além disso, recomenda-se cuidado direcionado aos pré-escolares com maior experiência de cáries.
Subject: Cárie Dentária
Fluorose Dentária
Saúde Bucal
Pré-Escolar
Dental Caries
Dental Fluorosis
Oral Health
Preschool Child
Editor: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0102-311X2007000300018
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2007000300018
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2007000300018
Date Issue: 1-Mar-2007
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0102-311X2007000300018.pdf93.21 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.