Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/355456
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Physical and psychological aspects of Brazilian Sitting volleyball players : Aspectos físicos e psicológicos de jogadores brasileiros de voleibol sentado
Title Alternative: Aspectos físicos e psicológicos de jogadores brasileiros de voleibol sentado
Author: Ahmadi, Shirko, 1985-
Advisor: Gutierrez, Gustavo Luis, 1958-
Abstract: Resumo: O ponto de partida do Voleibol Sentado (VS) foi realizado na Holanda em 1956 e também foi aprovado como jogo paralímpico oficial em 1980. No Brasil, o VS é um esporte novo e foi lançado no final de 2002. Atualmente, o brasileiro masculino e o feminino As equipes VS no Ranking Mundial ParaVolley estão no segundo e terceiro lugares, respectivamente. O VS é uma grande simplicidade que mostra um exemplo real de adaptação e implementação de grandes esportes coletivos. Este trabalho está estruturado com base no formato de três capítulos, bem como nas seções de introdução e conclusão. No primeiro capítulo, "Aspectos do desempenho físico", apresentamos comparações entre agilidade, resistência, potência, velocidade e fatores de força de jogadores masculinos e femininos de elite brasileiros em VS. Houve valores estatisticamente mais altos para males em fatores de agilidade, velocidade, resistência e poder do que jogadores do sexo feminino, mas não houve diferença significativa entre os jogadores no desempenho da preensão manual (força). Além disso, de acordo com o teste do dinamômetro isocinético, os jogadores de VS masculinos e femininos apresentaram força rotacional assimétrica no ombro, preferência pelo lado dominante nos dois grupos. No segundo capítulo, "Antropometria e aspectos da composição corporal", descrevemos a composição corporal de jogadores brasileiros de VS, altamente treinados, masculinos e femininos, e também comparamos os valores obtidos com esses jogadores por Métodos de dobras cutâneas (DC) e pletismografia de deslocamento aéreo (PDA). Não houve diferenças significativas entre os valores médios dos jogadores que mediram por PDA e DC para porcentagem de gordura corporal (% GC) e densidade corporal (DC). A análise de% GC e DC para todos os jogadores comparando PDA a DC melhorou sem viés sistemático significativo. Também foi encontrado um alto grau de confiabilidade entre as medidas PDA e DC de% GC e DC. Houve correlações positivas estatisticamente significantes entre% GC e DC em todos os valores para ambos os métodos. No terceiro capítulo, "Aspectos psicológicos", analisamos os aspectos de qualidade de vida (QV), estilo de vida e humor de jogadores brasileiros de VS masculinos e femininos de elite. Os resultados deste estudo demonstraram que não houve diferenças significativas nos aspectos psicológicos entre jogadores masculinos e femininos. Esses capítulos forneceram uma visão geral dos jogadores brasileiros de elite de VS em aspectos físicos e psicológicos, nos quais foram consideradas diferenças de gênero nessa população em todos os aspectos. Na perspectiva da implicação clínica, a presente pesquisa pode ser vista como um primeiro passo no estabelecimento de uma base de referência sobre aspectos físicos e psicológicos nessa população específica de para-atletas. Além disso, essa base de referência pode ajudar treinadores paraolímpicos, fisioterapeutas e médicos paradesportivos na avaliação de jogadores de VS

Abstract: Start point of the Sitting volleyball (SV) was in the Netherlands in 1956 and also approved as an official Paralympic game in 1980. In Brazil, SV is a new sport and it was launched at the end of 2002. Nowadays, male's and female's Brazilian SV teams in World ParaVolley Ranking are on the second and third place, respectively. SV is a big simplicity that shows a real example of adaptation and implementation of a major team sports. This work is structured on the basis of three-chapter format, as well as introduction and conclusion sections. In the first chapter, "Physical performance aspects", we presented comparisons among the agility, endurance, power, speed, and strength factors of male and female Brazilian elite SV players. There were statistically significant higher values for males in agility, speed, endurance, and power factors than female players, but there was no significant difference between players in handgrip performance (strength). In addition, according to isokinetic dynamometer test, the male and female SV players had an asymmetrical rotational strength in their shoulder, preference for the dominant side in both groups. In the second chapter, "Anthropometry and body composition aspects", we described the body composition of male and female highlytrained Brazilian SV players and also compared the values obtained of this players by Skinfolds (SF) and Air-displacement plethysmography (ADP) methods. There were no significant differences between the mean values of players which measured by ADP and SF for body fat percentage (BF%) and body density (BD). The analysis of BF% and BD for all players comparing ADP to SF resulted in no significant systematic bias. Also a high degree of reliability was found between ADP and SF measures of BF% and BD. There were statistically significant positive correlations between BF% and BD in all values for both methods. In the third chapter, "Psychological aspects", we analysed the quality of life (QOL), lifestyle, and mood aspects of male and female elite Brazilian SV players. The results of this study demonstrated there were not significant differences in the psychological aspects between the male and female players. These chapters provided an overview of the elite Brazilian SV players in physical, and psychological aspects, in which in all aspects gender differences of this population were considered. In clinical implication perspective, the present research can be seen as a first step in establishing a reference base concerning physical and psychological aspects in this specific para-athlete population. Also, this reference base could help Paralympic coaches, physiotherapists and Para-sports physicians in the evaluation of SV players
Subject: Esportes paraolímpicos
Atividade física
Composição corporal
Psicologia
Relações de gênero
Language: Multilíngua
Editor: [s.n.]
Citation: AHMADI, Shirko. Physical and psychological aspects of Brazilian Sitting volleyball players: Aspectos físicos e psicológicos de jogadores brasileiros de voleibol sentado. 2020. 1 recurso online ( 81 p.) Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação Física, Campinas, SP. Disponível em: http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/355456. Acesso em: 24 ago. 2021.
Date Issue: 2020
Appears in Collections:FEF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
AhmadiShirko_D.pdf1.14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.