Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/355159
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Efeito da matriz extracelular nas células musculares lisas prostática "in vitro"
Title Alternative: Effect of extracellular matrix in prostatic smooth muscle cells "in vitro"
Author: Osorio Rodríguez, Daniel Andrés, 1986-
Advisor: Carvalho, Hernandes Faustino de, 1965-
Abstract: Resumo: A próstata é uma glândula acessória do trato reprodutor masculino responsável pela produção e armazenamento do líquido prostático. Esta glândula é alvo de várias afecções como prostatite, hiperplasia e câncer, doenças que comprometem a saúde e bem-estar do homem e são responsáveis por grande número de mortes. A nível histológico podem ser identificados três compartimentos nesta glândula: o epitelio, o lúmen e o estroma. As células musculares lisas (CMLs) são o principal componente do estroma e apresentam uma modulação fenotípica dependendo de diferentes fatores, sendo que um deles é a matriz extracelular (MEC). Neste trabalho avaliamos o efeito de diferentes componentes de MEC (colágeno, fibrina e Matrigel) na adesão, morfologia, fenótipo e localização da quinase de adesão focal (FAK) nas CMLs de próstata. Os resultados preliminares nos levaram estudar a adesão das células no colágeno e o posterior bloqueio das proteínas Rho GTPases. Por último, estudamos o efeito do TGF'alfa' e TGF'beta' na migração celular. Os resultados mostram que o colágeno favorece uma rápida adesão das CMLs, que fibrina é degradada na presença destas e que no Matrigel elas se agrupam. No colágeno, o citoesqueleto de actina se organiza em grandes fibras de estresse, que não são observadas na fibrina nem no Matrigel. A FAK apresentou uma localização nuclear nas células semeadas no colágeno. Na fibrina e no Matrigel a marcação nuclear estava ausente e sua distribuição no citoplasma estava em forma de agregados. A forma fosforilada da FAK na tirosina 925 apresenta uma maior co-localização com a cadeia pesada da miosina (MYH11) no colágeno. As CMLs na fibrina e no Matrigel apresentaram diminuição nos marcadores do fenótipo contrátil, sugerindo que esses componentes de MEC favorecem o fenótipo sintético. Enquanto aos efeitos da inibição das proteínas Rho GTPases na adesão das CMLs sobre o colágeno, Rac1, Rac3 e Cdc42 são importantes para a adesão das células, enquanto a inibição de ROCK não inibiu a adesão das CMLs ao colágeno e, posteriormente, permitiu a migração ? evento que não acontecia quando as CMLs estavam somente sobre o colágeno. A exposição ao inibidor de ROCK nas CMLs desencadeou alterações na morfologia celular, no citoesqueleto de actina, na distribuição de ?-actinina e na diminuição da expressão de SM-actina e MYH11. Finalmente observamos que o TGF? estimula a migração das CMLs, mesmo em concentrações baixas. Os resultados aqui apresentados demostram que a MEC influencia o comportamento e o fenótipo das CMLs de próstata. As GTPases Rac e Cdc42 são importantes para a adesão das células enquanto que ROCK tem efeito na manutenção do fenótipo contrátil

Abstract: The prostate is an accessory gland of the male reproductive tract and is responsible for the production and storage of prostate fluid. This gland is affected by numerous diseases such as prostatitis, hyperplasia and cancer. These diseases compromise men¿s health and well being and are responsible for a large number of deaths, worsening with the advanced age. At histological level three compartments can be identified: epithelium, lumen and stroma. Smooth muscle cells (SMCs) are the main component of the stroma and showing a phenotypic modulation depending on different factors, one of them being the extracellular matrix (ECM). In this work we evaluated the effect of different components of ECM (collagen, fibrin and Matrigel) on adhesion, morphology, phenotype and focal adhesion kinase (FAK) localization in prostate SMCs. Preliminary results led us to study cell adhesion in collagen and subsequent blockade of Rho GTPases proteins. Finally, we study the effect of TGF'alfa' and TGF'beta' on cell migration. The results show that collagen promote a fast adhesion of SMCs, whereas, fibrin is degraded by the cells and that on Matrigel they formed cell clusters. In collagen, the actin cytoskeleton organizes into large stress fibers, which are not observed in fibrin or Matrigel. FAK had a nuclear localization in the cells seeded on collagen. On fibrin and Matrigel nuclear labeling was absent and its distribution in the cytoplasm was in as aggregates. The phosphorylated form of FAK on tyrosine 925 shows a greater co-location with the myosin heavy chain (MYH11) on collagen. SMCs on fibrin and Matrigel decreased markers of contractile phenotype, suggesting that these components of ECM favor the synthetic phenotype. The effects of inhibition of Rho GTPases proteins on the adhesion of CMLs on collagen, Rac1, Rac3 and Cdc42 are important for cell adhesion, while ROCK inhibition did not inhibit adhesion of SMCs to collagen and subsequently allowed migration - an event that did not happen when SMCs were only on collagen. Exposure to ROCK inhibitor triggered changes in cell morphology, actin cytoskeleton, ?-actinin distribution, and decreased expression of SM-actin and MYH11. Finally, we observed that TGF? stimulates the migration of CMLs, even at low concentrations. The results presented here demonstrate that ECM influences the behavior and phenotype of prostate CMLs. Rac and Cdc42 GTPases are important for cell adhesion while ROCK has an effect on the maintenance of contractile phenotype
Subject: Próstata
Miócitos de músculo liso
Proteína-tirosina quinases de adesão focal
Matriz extracelular
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: OSORIO RODRÍGUEZ, Daniel Andrés. Efeito da matriz extracelular nas células musculares lisas prostática "in vitro". 2019. 1 recurso online (97 p.) Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia, Campinas, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:IB - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
OsorioRodriguez_DanielAndres_D.pdf5.54 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.