Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/35393
Type: Artigo de periódico
Title: Identificação das áreas susceptíveis aos processos erosivos em duas bacias do Sistema Cantareira por meio de diferentes cenários
Title Alternative: Identifying susceptible areas to erosive processes in the Cantareira System, based on different scenarios
Author: Pereira, Vânia Rosa
Teixeira Filho, José
Abstract: This research work presents, based on geoprocessing and field surveys, erosion-susceptible areas in the Atibaia headwater stream watershed: Cachoeira and Atibainha upstream Cantareira System dams. In addition to slope characteristics, water-saturated areas also intervene in the surface runoff process, being considered, therefore, erosion-susceptible areas. Thus, relief information such as slope and water-saturated areas, land use in two scenarios, in 1986 and 2005, and their respective procedures, were crossed. The results indicated that in 1986 and 2005, land use was represented by native forest, pasture and forestry, with a transition: pasture and native forest are being replaced by forestry. In the studied area, medium wavy relief is predominant, i. e., 20 to 32.5% slope, and water-saturated areas represent 25% of total area. The highly erosion-susceptible areas evolved during the 19-year interval, and the Atibainha watershed presented the highest indices. The identification of erosion-susceptible areas using historical series provides data useful in assisting the recognition of the region's reality, pointing ways for agriculture-environment planning.
Neste trabalho, com base em Geoprocessamento e pesquisas de campo, o objetivo é identificar áreas susceptíveis à erosão na cabeceira da bacia do rio Atibaia, ou seja, as bacias dos rios Cachoeira e Atibainha a montante das barragens do Sistema Cantareira. Em relação ao relevo, além das características de declive, as áreas saturadas de água também interferem no escoamento superficial das vertentes, sendo consideradas, portanto, áreas susceptíveis à erosão. Cruzaram-se informações de relevo (declividades e áreas saturadas), uso e ocupação das terras e seus respectivos procedimentos em dois cenários: os dos anos de 1986 e 2005. Os resultados indicaram que, em 1986 e 2005, o uso e ocupação são mata nativa, pastagem e silvicultura e que está ocorrendo uma transição: pastagem e mata nativa estão sendo substituídas por silvicultura. Na área estudada, predomina o relevo ondulado médio (20 a 32,5% de declive) e as áreas de acumulação de água consistem em 25% da área total. As áreas altamente susceptíveis à erosão evoluíram no intervalo de 19 anos e a bacia do Atibainha apresentou os maiores índices. A identificação das áreas susceptíveis à erosão, utilizando série histórica, disponibiliza material que auxilia no reconhecimento da realidade da região, apresentando caminhos para ações de planejamento agroambiental.
Subject: manejo de bacia hidrográfica
susceptibilidade à erosão hídrica
geoprocessamento
watershed management
hydric erosion susceptibility
geoprocessing
Editor: Editora da Universidade Estadual de Maringá - EDUEM
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.4025/actasciagron.v31i1.6643
Address: http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v31i1.6643
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1807-86212009000100023
Date Issue: 1-Mar-2009
Appears in Collections:Unicamp - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0104-07072011000300009.pdf276.28 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.