Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/352270
Type: Artigo
Title: Is there an association between body composition, basal metabolic rate, and sleep in elderly patients with and without obstructive sleep apnea?
Title Alternative: Existe associação entre a composição corporal, taxa metabólica basal e sono em pacientes idosos com e sem apneia obstrutiva do sono?
Author: Boscolo, Rita Aurélia
Esteves, Andrea Maculano
Santana, Marcos Gonçalves de
Viana, Valter Antonio Rocha
Grassmann, Viviane
Tufik, Sergio
Mello, Marco Túlio de
Abstract: Objectives: Aging is associated with morphological, functional, biochemical, and psychological alterations. The aim of this study was to verify whether basal metabolic rate (BMR) is associated with body composition and sleep in elderly men with or without obstructive sleep apnea (OSA). Methods: We evaluated 95 elderly men (69.1 ± 3.4 years old) divided into OSA and non-OSA groups. The protocol included polysomnography, BMR (performed the morning after polysomnography) and body composition evaluations. Results: The results showed that body mass index (BMI) and REM sleep percentage were positively correlated with BMR and negatively related to stage 1 sleep percentage. This model can explain 40% of the BMR variation observed. BMR was positively correlated with morphologic variables and sleep efficiency. In addition, we observed negative correlations of BMR with sleep latency and wake after sleep onset. When comparing the groups, the OSA group had higher values for weight, fat mass, arousals, and apnea-hypopnea index. The OSA group had lower percentage of REM sleep and levels of fat-free mass. Conclusion: This study identified significant associations among BMR, BMI and some sleep variables (stage 1 and REM). Despite the differences between groups in AHI, arousals some sleep parameters, weight and fat mass, BMR was not different between the OSA and non-OSA group
metadata.dc.description.abstractalternative: Objetivos: O envelhecimento está associado a alterações morfológicas, funcionais, bioquímicas e psicológicas. O objetivo deste estudo foi verificar se a taxa metabólica basal (TMB) está associada com a composição corporal e o sono em homens idosos, com ou sem apnéia obstrutiva do sono (AOS). Métodos: Foram avaliados 95 homens idosos (69,1 ± 3,4 anos de idade), distribuídos em grupos de AOS e não-AOS. O protocolo incluiu polissonografia, TMB (realizada pela manhã, após a polissonografia) e avaliações de composição corporal. Resultados: Os resultados mostraram que o índice de massa corporal (IMC) e percentualde sono REM foi positivamente correlacionado com a TMB e negativamente relacionado com a porcentagem do estágio 1 do sono. Este modelo pode explicar 40% da variação observada na TMB. A TMB foi positivamente correlacionada com as variáveis morfológicas e eficiência do sono. Além disso, observou-se correlações negativas da TMB com a latência do sono e a vigília após o início do sono. Ao comparar os grupos, o grupo AOS apresentou valores mais elevados de peso, massa gorda, despertares e índice de apnéia e hipopnéia. O grupo OSA apresentou menor porcentagem de sono REM e os níveis de massa livre de gordura. Conclusão: Este estudo identificou associações significativas entre a TMB, IMC e algumas variáveis do sono (estágio 1 e REM). Apesar das diferenças entre os grupos em IAH, despertares, alguns parâmetros do sono, peso e massa gorda, a TMB não foi diferente entre o OSA e grupo de não-OSA
Subject: Apneia do sono tipo obstrutiva
Country: Brasil
Editor: Associação Brasileira do Sono
Rights: Fechado
Address: https://sleepscience.org.br/details/5/en-US/is-there-an-association-between-body-composition--basal-metabolic-rate--and-sleep-in-elderly-patients-with-and-without-obstructive-sleep-apnea-#:~:text=RESULTS%3A%20The%20results%20showed%20that,morphologic%20variables%20and%20sleep%20efficiency.
Date Issue: 2013
Appears in Collections:FCA - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.