Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/349381
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: A política de inovação transformativa na Colômbia : uma análise a partir do nível regional = La política de innovación transformativa en Colombia: un análisis desde el nivel regional
Title Alternative: La política de innovación transformativa en Colombia : un análisis desde el nivel regional
Author: Garzón Rodríguez, Nicolás, 1992-
Advisor: Costa, Janaina Oliveira Pamplona da, 1973-
Abstract: Resumo: No panorama internacional uma nova geração de políticas de ciência tecnologia e inovação (CT&I) procura orientar os esforços deste campo para a superação dos grandes desafios sociais e ambientais contemporâneos. O marco de inovação transformativa representa um arcabouço teórico e normativo para a mudança dos sistemas socio-técnicos para configurações baseadas na inclusão e a sustentabilidade. Portanto, pretende uma sobreposição dos três marcos de política de inovação, estruturados a partir da promoção das ciências básicas como fonte do progresso tecnológico e a inovação, com externalidades no crescimento econômico e na sociedade (marco de inovação linear), bem como na construção de sistemas nacionais de inovação para a competitividade (marco de inovação interativo). Baseado no modelo multi-nível de inovação, o marco transformativo propõe a configuração e escalamento de nichos com potencial de transformação do regime socio-técnico. O Consórcio de Política de Inovação Transformativa (TIPC), uma iniciativa internacional liderada pelo Science Policy Research Unit (SPRU, Reino Unido) e agências de políticas de CT&I de alguns países para experimentar o marco transformativo, representou um ponto de partida durante o processo de internalização do marco no contexto colombiano, como base para a política regional do país. No entanto, desconhece-se como o processo de transferência deste marco foi interpretado e aplicado pelos atores da política de CT&I na Colômbia. O objetivo principal é discutir o processo de internalização do marco de inovação transformativa pelos atores da política de CT&I no nível regional na Colômbia durante o período 2016-2019. Em termos metodológicos, realizou-se um estudo de caso baseado em uma revisão de literatura e de antecedentes da política do país, bem como uma análise qualitativa a partir da teoria fundamentada, através de 31 entrevistas realizadas com atores da política, tais como: funcionários do governo, acadêmicos e representantes da sociedade civil. Como resultado encontrou-se que o marco transformativo foi interpretado como uma experiência previa, teórica e de política pública, já que os princípios normativos do marco, principalmente, a participação e inclusão da sociedade, tinham como antecedente as contribuições acadêmicas do pensamento latino-americano em ciência, tecnologia e sociedade, bem como experiências de política de inovação inclusiva mais recentes. Assim internalizado, a possibilidade da inovação transformativa é viável em territórios com trajetórias de mobilização social e ação coletiva, embora limitada pelas relações clientelistas no sistema político colombiano que mantém o centralismo do Estado. O território hierarquizado também é relevante no processo de apropriação, experimentação e uso da CT&I no nível regional. Em conclusão, ainda que haja a transferência do marco transformativo no contexto colombiano, no meio de uma política implícita caracterizada pelas condições estruturais do país, abre-se uma janela de oportunidade para a experimentação de políticas inclusivas no nível regional, historicamente negligenciadas. Futuras pesquisas serão relevantes para estabelecer como os nichos transformativos se configuram no nível regional no contexto colombiano e escalam para transformações do regime socio-técnico, bem como o papel da política pública neste processo

Abstract: A new generation of science, technology and innovation (STI) policies has been taking place aiming to overcome the contemporary social and environmental challenges. The concept of transformative innovation represents a theoretical and normative framework for changing sociotechnical systems to configurations based on inclusion and sustainability. Therefore, it aims to combine the three innovation policy frameworks, structured from the promotion of basic sciences as source of technological progress and innovation, with externalities in economic growth and society (linear innovation framework), as well as in the creation of national innovation systems for competitiveness (interactive innovation framework). Based on the multi-level model of innovation, the transformative framework proposes the configuration and scaling up of niches with potential transformation of the socio-technical regime. The Transformative Innovation Policy Consortium (TIPC), an international initiative led by the Science Policy Research Unit (SPRU, UK) in which some STI policy agencies from different countries participate, proposes the experimentation of the transformative framework. Colombia is part of this Consortium and has started to implement initiatives based on the transformative framework, as a basis for the country's regional innovation policy. However, it is still unknown how this framework was interpreted and applied by local STI policy actors in Colombia. The aim of this study is to investigate the process of internalization of the transformative innovation framework by Colombian STI actors at the regional level during the period 2016-2019. The methodology applied a case study of Colombia based on original data collected through 31 semi-structured interviews with policy actors, such as, government officials, academics and civil society representatives. We found that the transformative framework in Colombia was recognised as being present in previous theoretical and public policy experiences. This is because the normative principles of the framework, mainly the participation and inclusion of society, has been historically present in the Latin American academic contribution in Science, Technology and Society. Once the framework is internalised, it may make transformative innovation possible in territories with trajectories of social mobilization and collective action, although this may be limited by clientelist relations in the Colombian political system, that have been supporting the centralism of the Colombian State. The hierarchised territory is also relevant in the process of appropriation, experimentation and use of STI at the regional level. In conclusion, although the transfer of the transformative framework in the Colombian context face an implicit policy embedded in the country's structural conditions, opportunities are opened for the experimentation of inclusive policies at the regional level, which were historically neglected. Future research will be relevant to explain, in the Colombian context, how transformative niches are configured at the regional level and whether they will be scaled up to new socio-technical regimes, as well as the role of public policy in this process
Subject: Politica de ciência e tecnologia
Areas subdesenvolvidas - Inovações tecnológicas
Descentralização
Governança
Politicas públicas - Colômbia
Language: Espanhol
Editor: [s.n.]
Citation: GARZÓN RODRÍGUEZ, Nicolás. A política de inovação transformativa na Colômbia: uma análise a partir do nível regional = La política de innovación transformativa en Colombia: un análisis desde el nivel regional. 2020. 1 recurso online (159 p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências, Campinas, SP.
Date Issue: 2020
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
GarzonRodriguez_Nicolas_M.pdf2.77 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.