Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/347386
Type: Artigo
Title: Desempenho agronômico da cultura do milho sob diferentes arranjos espaciais no nordeste brasileiro
Title Alternative: Agronomic performance of corn culture under different space arrangements in northeast Brazil
Author: Pereira, Valberto Rômulo Feitosa
Chioderoli, Carlos Alessandro
Albiero, Daniel
Silva, Alexsandro Oliveira da
Nascimento, Elivania Maria Sousa
Santos, Paulo Ricardo Alves dos
Abstract: O objetivo com este trabalho foi avaliar o desempenho agronômico do milho em função da população de plantas e espaçamentos entre linhas em um Argissolo Vermelho Amarelo no nordeste brasileiro. O experimento foi realizado em área pertencente à Universidade Federal do Ceará, Fortaleza - CE, com delineamento em blocos casualizados no esquema fatorial 2 x 2, com 20 repetições, sendo os tratamentos constituídos por duas populações (45.000 e 65.000 plantas ha-1) e dois espaçamentos (0,45 e 0,90 m). Avaliou-se a produção por hectare, número de espigas por hectare, plantas por hectare, altura da planta, altura de inserção da 1ª espiga, massa seca total, número de grãos por fileiras, número de fileiras, emergência e diâmetro do colmo. Observou-se diferenças significativas entre a população e o espaçamento para a produção por hectare, espigas por hectare, plantas por hectare e emergência. A população de 65.000 plantas ha-1 no espaçamento de 0,90 m proporcionou incremento na produção por hectare, espiga por hectare e emergência, quando comparadas à população de 45.000 plantas ha-1 e espaçamentos entre linhas de 0,45 m.
metadata.dc.description.abstractalternative: The objective of this work was to evaluate the agronomic performance of maize as a function of the plant population and line spacings, in a Red Yellow Argisol in northeast Brazil. The experiment was carried out in an area belonging to the Federal University of Ceará, Fortaleza, Brazil, with a randomized complete block design in the 2 x 2 factorial scheme, with 20 replications, with two populations (45,000 and 65,000 plants ha-1) and two spacings (0.45 and 0.90 m). It was evaluated the yield per hectare, number of spikes per hectare, plants per hectare, height of the plant, height of insertion of the first spike, total dry mass, number of grains per row, number of rows, emergence and stem diameter. Significant differences were observed between population and spacing for yield per hectare, spikes per hectare, plants per hectare, and emergence. The population of 65,000 plants ha-1 in the 0.90 m spacing provided an increase in yield per hectare, spike per hectare and emergence, when compared to the population of 45,000 ha-1 plants and row spacings of 0.45 m.
Subject: Milho
Agricultura
Country: Brasil
Editor: Instituto de Pesquisa e Inovação na Agricultura Irrigada
Rights: Aberto
Identifier DOI: 10.7127/rbai.v12n500946
Address: http://www.inovagri.org.br/site/revista/index.php/rbai/article/view/946.html
Date Issue: 2018
Appears in Collections:FEAGRI - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
107127rbaiv12n500946.pdf242.49 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.