Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/345173
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Movimento autônomo secundarista de São Paulo : conflitos, processos sociais e formação política
Title Alternative: Autonomous movement of high school students of São Paulo state : conflicts, social processes and political formation
Author: Ramos, Rubia de Araujo, 1988-
Advisor: Bastos, Elide Rugai, 1937-
Abstract: Resumo: A pesquisa objetiva identificar processos sociais decorrentes da experiência de organização do movimento autônomo dos estudantes secundaristas de São Paulo no período entre 2015 e 2018. Para isso, busca analisar como os jovens se organizam e atuam a partir da construção de uma consciência coletiva sobre a relação entre a educação pública de qualidade e a construção de uma sociedade mais justa e democrática. Aponta aspectos sociais recentes, expressos na forma da organização autônoma e horizontal do movimento secundarista, nos permitindo tratar a questão da legitimidade na mobilização estudantil enquanto movimento social e manifestação de seu tempo. Para cumprir os objetivos propostos nesta pesquisa, considero a política educacional adotada pelo governo estadual paulista desde os anos de 1990; novas emergências dos movimentos sociais de 2013 que possam ter influenciado os secundaristas autônomos; a relação de conflito entre Estado e comunidade escolar; e processos de socialização por meio de novas tecnologias de informação e comunicação. A pesquisa parte da hipótese de que a organização dos secundaristas autônomos é, ela própria, um processo social relevante para ganhos políticos na direção da manutenção e intensificação da democracia no estado de São Paulo

Abstract: This research aims to identify the social processes inherent of the experience lived by the high school students when they organized the autonomous movement between 2015 and 2018. Thus, this thesis, seeks to analyze how the youth organizes and acts, starting from the construction of a collective consciousness about the relation between the qualified public education and the construction of a fairer and more democratic society. This thesis, discuss recent social aspects, expressed in the way of the autonomous organization and the high school students movement, allowing us to address the issue of legitimacy in student mobilization as a social movement, and, the manifestation of their time. I order to fulfill the objective of meeting this research proposal, I addressed the following aspects: the educational politics adopted by São Paulo State government since 1990s; on the 2013 new emergencies of the social movement which may have influenced the autonomous students in high school level; the relationship of conflict between State and school community; the socialization processes by means new information and communication technologies. This research is based on the hypothesis that the organization of autonomous high school students is, by itself, a relevant social process with political gains towards the maintenance and strengthening of São Paulo state democracy
Subject: Escolas - Organização e administração
Conflito social
Processo decisório
Resistência ao governo
São Paulo (SP) - Política e governo
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: RAMOS, Rubia de Araujo,. Movimento autônomo secundarista de São Paulo: conflitos, processos sociais e formação política. 2020. 1 recurso online ( 274 p.) Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Campinas, SP. Disponível em: http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/345173. Acesso em: 13 Jul. 2020.
Date Issue: 2020
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ramos_RubiaDeAraujo_D.pdf7.1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.