Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/343764
Type: Artigo
Title: Fossa séptica biodigestora: avaliação crítica da eficiência da tecnologia, da necessidade da adição de esterco e dos potenciais riscos à saúde pública
Title Alternative: Biodigester septic tank: critical assessment of technology efficiency, the need to use manure and potential risks to public health
Author: Figueiredo, Isabel Campos Salles
Coasaca, Raúl Lima
Duarte, Natália Cangussu
Miyazaki, Caroline Kimie
Leonel, Lays Paulino
Schneider, Jerusa
Tonetti, Adriano Luiz
Abstract: A Fossa Séptica Biodigestora (FSB) vem sendo divulgada como uma das melhores soluções para o problema do saneamento rural no Brasil. Diversos estudos indicam que o uso de esterco no sistema aumenta seu desempenho e minimiza a produção de lodo, porém muitos desses estudos estão baseados em dados pontuais. Na presente pesquisa foi analisado seu uso em uma área rural do município de Campinas (SP). O sistema foi avaliado sob dois regimes distintos: sem adição de esterco e com adição de esterco. Foi constatado que a adição de esterco não promove melhoria no desempenho no tocante à remoção de DBO, DQO, nutrientes e organismos indicadores de contaminação fecal. Além disso, o efluente final apresentou uma elevada salinidade e alta concentração de coliformes totais e E. coli, sugerindo que seu uso como biofertilizante pode não ser seguro para os moradores que adotam a tecnologia para o tratamento de esgoto
metadata.dc.description.abstractalternative: The Biodigester Septic Tank (BST) has been disseminated as one of the best technical solutions for rural sanitation in Brazil. Numerous studies indicate that the use of manure in the system promotes a significant increase in the system’s performance and prevents the production of septic tank sludge, but many of these studies are based in small datasets. This research assessed the use of the BST in a rural area of Campinas (SP/Brazil). The system was evaluated for eight months, under two operational settings: without manure addition and with manure addition. The characterization of the final effluent indicated that the addiction of manure did not contribute to the removal of BOD, nutrients or indicators of faecal contamination. Furthermore, the final effluent presented high salinity and high concentration of total coliforms and E. coli, which suggests that its use as a biofertilizer may not be safe for residents who adopt this technology
Subject: Fossas sépticas
Saneamento rural
Country: Brasil
Editor: Sao Paulo Companhia de Saneamento Basico do Estado de Sao Paulo
Rights: Aberto
Identifier DOI: 10.4322/dae.2019.058
Address: https://doi.org/10.4322/dae.2019.058
Date Issue: 2019
Appears in Collections:FEC - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.