Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/343536
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Comparação da sobrevida entre os responderes completos e os não-respondedores à quimioradioterapia neoadjuvante no carcinoma espinocelular de esôfago localmente avançado após ressecção cirúrgica
Title Alternative: Comparison of survival between complete responders and non-responders to neoadjuvant chemoradiotherapy in locally advanced esophageal squamous cell carcinoma after surgical resection
Author: Alves, Iuri Pedreira Filardi, 1985-
Advisor: Andreollo, Nelson Adami, 1951-
Abstract: Resumo: O câncer de esôfago é um dos cânceres com maior taxa de mortalidade, em vários países, e o tratamento é cirúrgico. Mesmo após a ressecção com intenção curativa, a sobrevida média em 5 anos, segundo várias publicações, é cerca de 25%. A terapia multimodal é necessária, uma vez que na maioria dos casos a cirurgia não oferece a cura completa da doença. Atualmente, a quimioterapia e a radioterapia neoadjuvantes são condutas mundialmente indicadas, na tentativa de melhorar a sobrevida de doentes com doença localmente avançada, no entanto, os resultados são variáveis. Muitos estudos têm demonstrado maior sobrevida para aqueles que se submetem ao tratamento neoadjuvante, seguido da cirurgia, em comparação àqueles que realizaram apenas o tratamento cirúrgico. Apesar disso, tal benefício não pode ser aplicado a todos os casos que receberam esse tratamento. Tem-se observado que os doentes com resposta completa ao tratamento neoadjuvante, evoluem com maior sobrevida global, além de maior sobrevida livre de doença em comparação àqueles com resposta incompleta. O objetivo desse estudo é de comparar os resultados tanto de sobrevida global quanto de sobrevida livre de doença entre os doentes não-respondedores e os respondedores submetidos à quimioradioterapia neoadjuvante, em portadores de carcinoma de células escamosas do esôfago. Para isso, foi realizado um estudo retrospectivo, analisando as informações obtidas dos prontuários dos doentes do Hospital de Clínicas da Universidade Estadual de Campinas, incluindo a análise dos laudos anatomopatológicos de peças cirúrgicas obtidas após a esofagectomia, no período de 2005 a 2012. O estudo recebeu aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade. Na análise dos resultados, os grupos não diferem significativamente quanto ao sexo, raça, idade, complicações pós-operatórias, sobrevida livre de doença e sobrevida global. Entretanto, em relação as respostas patológicas completas à neoadjuvância, para os doentes que fizeram o uso do esquema quimioterápico com Paclitaxel e Carboplatina, os grupos diferem significativamente. As conclusões mostram que não houve diferença significativa na sobrevida global após a terapia neoadjuvante mais cirurgia ao comparar respondedores livres da doença com não respondedores. Além disso, o regime terapêutico com paclitaxel e carboplastina mostrou resposta patológica completa significativamente melhor

Abstract: Esophageal cancer is one of cancer with highest mortality in many countries, and the treatment is surgical. Even after curative resection, the average 5-year survival, according to various publications, is about 25%. Multimodal therapy is necessary, because in most cases surgery does not offer complete cure of the disease. Currently, neoadjuvant chemotherapy and radiotherapy are indicated worldwide, in an attempt to improve the survival of patients with locally advanced disease, however, the results are variable. Many studies have shown longer survival for those undergoing neoadjuvant treatment followed by surgery compared to those who underwent surgical treatment alone. Nevertheless, such a benefit cannot be applied to all cases receiving this treatment. Patients with complete response to neoadjuvant treatment have been found to have longer overall survival and greater disease-free survival compared to those with incomplete response. The objective of this study is to compare the results of both overall and disease-free survival between non-responders and responders undergoing neoadjuvant chemoradiotherapy in patients with esophageal squamous cell carcinoma. A retrospective study was carried out, analyzing the information obtained from the medical records of patients of the University Hospital of the State University of Campinas, including the analysis of anatomopathological records of surgical specimens obtained after transhiatal esophagectomy, from 2005 to 2012. The study received approval from the University Research Ethics Committee. The results show that the groups did not differ significantly regarding gender, race, age, postoperative complications, disease-free survival and overall survival. However, in relationship to the complete pathological responses to neoadjuvant therapy, for patients who used the paclitaxel and carboplatin chemotherapy regimen, the groups differ significantly. Conclusions show that there was no significant difference in overall survival after neoadjuvant therapy plus surgery when comparing disease-free responders with non-responders. In addition, the therapeutic regimen with paclitaxel and carboplastin showed significantly better complete pathological response
Subject: Esofagectomia
Carcinoma de células escamosas
Terapia neoadjuvante
Radioterapia
Quimioterapia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: ALVES, Iuri Pedreira Filardi. Comparação da sobrevida entre os responderes completos e os não-respondedores à quimioradioterapia neoadjuvante no carcinoma espinocelular de esôfago localmente avançado após ressecção cirúrgica. 2020. 1 recurso online (95 p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP.
Date Issue: 2020
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Alves_IuriPedreiraFilardi_M.pdf3.15 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.