Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/343526
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Perfil epidemiológico, vias de encaminhamento e acurácia da detecção de colangite aguda em indivíduos com icterícia obstrutiva atendidos em serviço de referência : elaboração de um manual institucional de condutas
Title Alternative: Epidemiological profile, routes of referral and accuracy of acute cholangitis diagnosis in individuals with obstructive jaundice admitted at a tertiary university hospital : development of an institutional guideline
Author: Soares, Pedro França da Costa, 1988-
Advisor: Cazzo, Everton, 1979-
Abstract: Resumo: Introdução: O sinal clínico de icterícia apresenta um amplo espectro de etiologias, bem como de gravidade, sendo um grupo heterogêneo de pacientes, incluindo desde assintomáticos sem necessidade de intervenção até outros com risco de morte iminente. Objetivo: Analisar criticamente os encaminhamentos de pacientes com icterícia obstrutiva tratados por colangiopancreatografia retrógrada endoscópica (CPRE) ou cirurgia no Hospital de Clínicas da Unicamp. Criar Manual de Condutas para condução destes casos. Metodologia: Estudo transversal, retrospectivo e descritivo, avaliando os pacientes com icterícia obstrutiva atendidos no Hospital de Clínicas ¿ Unicamp tratados posteriormente por CPRE ou cirurgias de ressecção e/ou derivações biliares entre os períodos de setembro de 2017 a julho de 2018. Produção de Manual de condutas com revisão não sistemática da literatura e baseado em protocolo institucional vigente. Resultados: A presente casuística, 91 pacientes, apresentou predominância de pacientes do sexo feminino (58%), com idade a partir da quinta década (média de 56 anos ± 16,3 anos), sendo as etiologias benignas discretamente mais prevalentes (52% dos casos). O nível de bilirrubina média dos pacientes encaminhados foi de 15,8 mg/dL. Houve o registro em prontuário de 9,9% de colangite nos casos de icterícia obstrutiva, contudo a revisão dos casos com aplicação dos critérios de Tóquio 2018 mostrou uma prevalência de, aproximadamente, 43%. A acurácia global do diagnóstico clínico de colangite à admissão foi estimada em 67%, com sensibilidade de 23% e especificidade de 100%. Quanto às vias de encaminhamento dos pacientes com icterícia obstrutiva, a principal via foi o contato direto (31,8%) e a UER (29,7%). O encaminhamento via regulação CROSS/DRS representou 17,6% dos casos e o encaminhamento interno de outras especialidades, 20%. A via de encaminhamento extraoficial por contato direto foi a mais importante para os casos de etiologia neoplásica (p<0,01) e a mais rápida (p<0,01), contudo não houve diferença estatística nos níveis de bilirrubina entre as vias de encaminhamento. O Manual de condutas firma definições e cria algoritmos para condução e priorização de paciente com icterícia obstrutiva em atendimentos pré-hospitalar, Pronto Atendimento e em ambulatório da especialidade. Conclusões: Há uma deficiência nas vias oficiais de encaminhamento de pacientes com icterícia obstrutiva, uma vez que apenas 17% dos pacientes chegam através do sistema de regulação. Essa deficiência não impacta significativamente sobre o tempo e os níveis de bilirrubina dos pacientes devido à existência de vias alternativas e atendimentos de urgência. A frequência de encaminhamento por causas neoplásicas e não-neoplásicas é similar. A acurácia do diagnóstico clínico de Colangite Aguda é precária e a maior difusão dos critérios do Protocolo de Tóquio é essencial. A elaboração de um manual institucional de condutas foi efetivada baseada nos achados do presente estudo

Abstract: Background: The clinical sign of jaundice presents a broad spectrum of etiologies, as well as severity, being a heterogeneous group of patients, ranging from asymptomatic ones without intervention to others even imminent death risk. Objective: To critically analyze the referrals of patients with obstructive jaundice treated by endoscopic retrograde cholangiopancreatography (ERCP) or surgery at Unicamp Hospital de Clínicas. Methods: Cross-sectional, retrospective and descriptive study evaluating patients with obstructive jaundice treated at Hospital de Clínicas - Unicamp, who were treated by ERCP or resection and/or surgical biliary drainage from September 2017 through July 2018. Results: There was 91 patients, a predominance of female patients (58%), with an average age of 56 ± 16,3 years; benign etiologies were slightly more prevalent (52% of cases). The mean bilirubin level of patients referred was 15.8 mg/dL. Acute cholangitis was detected in 9.9% of the individuals, but the review of the cases with the application of the Tokyo criteria showed a real prevalence of approximately 43%. Regarding the routes of referral of patients with obstructive jaundice, the main route was direct contact (31.8%) and urgency (29.7%). Routing via the official regulation represented 17.6% of the cases and internal referral from other specialties, 20%. The direct route of unofficial referral was the most important for cases of neoplastic etiology (p <0.01) and the fastest route (p <0.01); however, there was no statistical difference in bilirubin levels between the routing. Conclusions: There is a deficiency in the official routes of referral of patients with obstructive jaundice, since only 17% of patients arrive through the regulation system. This deficiency does not significantly impact the time and bilirubin levels of patients due to the existence of alternative routes and emergency care. The frequency of referral for neoplastic and non-neoplastic causes is close. The accuracy of the clinical diagnosis of Acute Cholangitis is precarious and a greater diffusion of the criteria of the Tokyo protocol is essential. An institutional guideline was created based on the findings of the current study
Subject: Colangite
Icterícia
Colestase
Colangiopancreatografia retrógrada endoscópica
Coledocolitíase
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: SOARES, Pedro França da Costa. Perfil epidemiológico, vias de encaminhamento e acurácia da detecção de colangite aguda em indivíduos com icterícia obstrutiva atendidos em serviço de referência: elaboração de um manual institucional de condutas. 2020. 1 recurso online ( 90p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP. Disponível em: http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/343526. Acesso em: 16 Dec. 2020.
Date Issue: 2020
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Soares_PedroFrancaDaCosta_M.pdf19.77 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.