Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/340151
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: A inserção da agricultura familiar na cadeia produtiva do biodiesel
Title Alternative: The insertion of family farming in the biodiesel production chain
Author: Cavalcante Filho, Pedro Gilberto, 1994-
Advisor: Buainain, Antônio Márcio, 1954-
Abstract: Resumo: O Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel (PNPB) foi lançado em 2004 com objetivos ambiciosos de promover o desenvolvimento regional nas regiões periféricas e a inclusão produtiva da agricultura familiar em uma cadeia produtiva com potencial de promover a melhoria de vida de pelo menos 120 mil famílias de pequenos produtores. Entre 2005 e 2019 a produção de biodiesel passou de 736 m³ para 5,3 milhões de m³. No entanto, diferentemente do anunciado nos planos iniciais e discursos oficiais, as duas principais matérias-primas utilizadas para a produção do biodiesel são a soja e a gordura animal, e não as fontes alternativas de matérias-primas que deveriam ser produzidas pela agricultura familiar. O PNPB utiliza o Selo de Combustível Social (SCS) para estimular a aquisição de matéria-prima produzida pela agricultura familiar. Não está claro em que medida este selo está de fato beneficiando os agricultores familiares e contribuindo para o desenvolvimento local. O objetivo deste trabalho é avaliar a experiência da inserção da agricultura familiar na cadeia produtiva do biodiesel no Brasil, identificando os impactos da produção do biocombustível na agricultura familiar e na economia brasileira, tomando como exemplos dois estados que se destacam como os maiores produtores de biodiesel, Rio Grande do Sul e Mato Grosso, com configurações sociais e produtivas bastante diferenciadas. No Rio Grande do Sul, a agricultura familiar tem um grande peso no setor agropecuário, incluindo a produção de soja. Em Mato Grosso a produção é predominantemente em larga escala, dominada por grandes produtores com áreas de cultivo superiores a 1.000 hectares. A comparação permitirá, portanto, identificar os possíveis impactos diferenciados nas economias locais, associados à presença de agricultores familiares. A análise utiliza a metodologia de Insumo-Produto, acompanhado do levantamento de dados secundários e complementares para entender a estrutura da cadeia do biodiesel e da agricultura familiar nestes estados. A pesquisa feita mostra que a produção de biodiesel via agricultura familiar no Rio Grande do Sul é 66 vezes maior que a produção no Mato Grosso, gerando aproximadamente 19 mil empregos, que é explicado pelo maior desenvolvimento do setor agrícola gaúcho. Entre outros resultados, na comparação com o diesel fóssil, um milhão de barris equivalentes de petróleo (bep) de biodiesel familiar no Rio Grande do Sul gera 7,7 mil empregos e no Mato Grosso 5,2 mil empregos, enquanto que a rota fóssil gera 1,6 mil ocupações. Em termos de geração de riqueza, o maior impacto da produção de biodiesel no Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro é justificado pelo seu preço ser mais elevado que o óleo diesel mineral

Abstract: The National Program for the Production and Use of Biodiesel (PNPB) was launched in 2004 with ambitious objectives to promote regional development in peripheral regions and the productive inclusion of family farming in a production chain with the potential to promote the improvement of life of at least 120 thousand families of small producers. Between 2005 and 2019, biodiesel production went from 736 m³ to 5.3 million m³. However, unlike what was announced in the initial plans and official speeches, the two main raw materials used for the production of biodiesel are soy and animal fat, and not the alternative sources of raw materials - palm oil, castor oil etc. - which should be produced by family farming. The PNPB uses the Social Fuel Seal (SCS) to stimulate the acquisition of raw material produced by family farming. It is not clear to what extent this seal is in fact benefiting family farmers and contributing to local development, and the objective of this work is to evaluate and compare the different socioeconomic impacts of the biodiesel sector on family agriculture and other sectors of the economy, taking as examples two states that stand out as the biggest biodiesel producers, Rio Grande do Sul and Mato Grosso, with very different social and productive configurations. In Rio Grande do Sul, family farming plays a major role in the agricultural sector, including soybean production, and in Mato Grosso, production is predominantly large-scale, dominated by large producers with cultivated areas of more than 1,000 hectares. The comparison will therefore allow to identify the possible different impacts on local economies associated with the presence of family farmers. The analysis uses the Input-Product methodology, accompanied by the collection of secondary and complementary data to understand the structure of the biodiesel chain and family farming in these states. The research done shows that the production of biodiesel via family farming in Rio Grande do Sul is 66 times greater than the production in Mato Grosso, generating approximately 19 thousand jobs, which is explained by the greater development of the agricultural sector in Rio Grande do Sul. Among other results, in comparison with fossil diesel, one million barrels of oil (bep) of family biodiesel in Rio Grande do Sul generates 7.7 thousand jobs and in Mato Grosso 5.2 thousand jobs, while in the fossil route it generates 1,600 occupations. In terms of wealth generation, the greater impact of biodiesel production on the Brazilian Gross Domestic Product (GDP) is justified by its price being higher than mineral diesel
Subject: Desenvolvimento rural
Cadeias produtivas
Biodiesel
Agricultura familiar
Relações intersetoriais
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: CAVALCANTE FILHO, Pedro Gilberto. A inserção da agricultura familiar na cadeia produtiva do biodiesel. 2020. 1 recurso online (164 p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Economia, Campinas, SP.
Date Issue: 2020
Appears in Collections:IE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
CavalcanteFilho_PedroGilberto_M.pdf1.64 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.