Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/33758
Type: Artigo de periódico
Title: Os países desenvolvidos e a desigualdade econômica
Title Alternative: The developed countries and economic inequality
Author: Dedecca, Claudio Salvadori
Abstract: This essay debates the theme of economic inequality from the distribution of disposable income and wealth in developed countries and especially in the United States. The analysis explores the increase in inequality as a result of the transformation of capitalist society have occurred over the past forty years, which led to a devaluation of wages accompanied by greater financialization of income linked to the dynamics of wealth, i.e. the assets held by certain portions of the populations these countries. It adopts an analytical perspective of structural nature, meaning that the increase in inequality that can load the current crisis should be seen as part of its expansion produced by the transformations in capitalist society developed over the past forty years. Over this period, developed capitalism experienced a systematic process of reorganizing the economic, social and politics of their productive structures, institutions of representation and regulation, and the dynamics of capital accumulation. The inequality must be understood as the transformation that took financialization as a relevant instrument for the change in income distribution.
O objetivo deste ensaio é explorar o tema da desigualdade econômica a partir das distribuições de renda disponível e de patrimônio nos países desenvolvidos e, de modo mais detalhado, nos Estados Unidos. A análise explora o aumento da desigualdade enquanto resultado das transformações da sociedade capitalista ocorridas nos últimos quase 40 anos, que provocaram uma desvalorização dos salários acompanhada de uma maior financeirização da renda associada à dinâmica da riqueza, isto é, do patrimônio detido por certas parcelas das populações desses países. Ele adota uma perspectiva de análise de natureza estrutural, entendendo que o aumento da desigualdade que a crise atual poderá carregar deve ser visto como parte do processo de sua ampliação produzida pelas transformações ocorridas na sociedade capitalista desenvolvida ao longo dos últimos quase 40 anos. Nestes últimos 40 anos, o capitalismo desenvolvido conheceu um processo de sistemática reorganização econômica, social e política de suas estruturas produtivas, das instituições de representação e regulação e da dinâmica da acumulação de capital. A desigualdade deve ser entendida como transformação, que teve a financeirização como instrumento relevante para a modificação da distribuição de renda.
Subject: Desigualdade
Distribuição de renda
Desenvolvimento capitalista
Países desenvolvidos
Regulação social
Inequality
Income distribution
Development capitalist
Developed countries
Social regulation
Editor: Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0104-06182012000300001
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-06182012000300001
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-06182012000300001
Date Issue: 1-Dec-2012
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0104-06182012000300001.pdf1.06 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.