Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/337243
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Modelo geoespacial para identificação de áreas com perigo de propagação de queimadas no Parque Nacional da Serra da Canastra - MG
Title Alternative: Geoespacial model for identification of area with fire propagation danger in the Serra da Canastra National Park - MG, Brazil
Author: Messias, Cassiano Gustavo, 1987-
Advisor: Ferreira, Marcos César, 1957-
Abstract: Resumo: Apesar de o fogo ser parte da dinâmica e evolução do Cerrado, queimadas de forma indiscriminada são um problema para a longevidade de Unidades de Conservação. O Parque Nacional da Serra da Canastra (PNSC), localizado a Sudoeste de Minas Gerais, Brasil, tem o fogo como uma das principais atividades conflitantes. Esta pesquisa tem como objetivo geral criar uma metodologia para a geração de um modelo de perigo potencial de propagação de queimadas, aplicado no PNSC. Para isto, realizou-se o mapeamento têmporo-espacial das queimadas no parque entre 1984 e 2015, a partir da interpretação visual de imagens Landsat TM, ETM+ e OLI, e, em seguida, foi calculado o índice de recorrência destes eventos. Para a modelagem do perigo, foram mapeadas variáveis geoambientais associadas à propagação do fogo, sendo elas: hipsometria, declividade, orientação das vertentes, efeito do vento nas encostas, índice de convexidade das vertentes, índice de vegetação, densidade de drenagem e densidade de vias. A dependência espacial entre as áreas de alta recorrência de queimadas e essas variáveis geoambientais foi avaliada pelo teste Kolmogorov-Smirnov, atribuindo-se pesos às variáveis; a modelagem espacial foi realizada empregando mapas probabilísticos fuzzy. Os resultados mostraram que as áreas críticas de recorrência de queimadas estão localizadas, em grande parte, no Chapadão da Babilônia (zona não regularizada) onde estão associadas a perigo potencial de propagação elevado. Contudo, no Chapadão da Canastra, por ser regularizado, mesmo apresentando perigo potencial elevado, as queimadas são menos recorrentes. Na zona de amortecimento o perigo de propagação é baixo, assim como, a recorrência de queimadas. O modelo foi validado, o que comprovou a eficiência desta metodologia

Abstract: Despite the fire being part of the dynamics and evolution of the Brazilian Savanna (Cerrado), indiscriminate forest fires are a problem for Conservation Units longevity. The Serra da Canastra National Park (SCNP) is located in southwest of Minas Gerais, Brazil, and it has the fire as one of the main conflicting activity. This research had as general aim to create a methodology for the generation of a potential danger model for fire propagation, which will be applied in the SCNP. For that, a spatial-temporal mapping of the forest fire in the park between 1984 and 2015 was performed from the visual interpretation of Landsat TM, ETM + and OLI images, and the recurrence index of these events was calculated. For the modeling of danger, geo-environmental variables associated with fire propagation were mapped: hypsometry, slope, aspect, wind surface effect, surface convexity index, vegetation index, drainage density and roads density. The spatial dependence among the areas of high fire recurrence and these geo-environmental variables was evaluated by Kolmogorov-Smirnov test, with weights associated with the variables, and the modeling was generated using Fuzzy probabilistic maps. The results showed that the critical areas of fire recurrence, which most part are located in Chapadão da Babilônia (not regularized zone) are the areas with high potential danger of fire propagation. However, the fires are less recurrent in the Chapadão da Canastra due to the regularization, even when it presents a high potential danger of fire propagation. The danger of propagation is lower in the buffer zone, as well as their fire recurrence. The model was validated, proving the method efficiency
Subject: Queimadas
Parques nacionais
Avaliação de riscos ambientais
Análise espacial
Testes de Kolmogorov-Smirnov
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MESSIAS, Cassiano Gustavo. Modelo geoespacial para identificação de áreas com perigo de propagação de queimadas no Parque Nacional da Serra da Canastra - MG. 2018. 1 recurso online (323 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências, Campinas, SP.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Messias_CassianoGustavo_D.pdf28.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.