Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/336951
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Compilação e análise de estacas moldadas "in loco" e cravadas tracionadas em solos porosos do interior do Estado de São Paulo
Title Alternative: Compilation and analysis of cast-in-place and pre-cast piles under uplift load in porous soils of São Paulo inner state
Author: Yaegashi, Marcos Hideki, 1980-
Advisor: Carvalho, David de, 1955-
Abstract: Resumo: São analisadas neste trabalho 43 estacas instaladas em solos porosos do interior do estado de São Paulo e submetidas a esforços verticais de tração por meio de provas de carga estáticas. Os tipos de estacas estudados são: apiloada, escavada, hélice contínua, ômega, perfil metálico, pré-moldada, raiz, strauss, trilho e tubulão sem alargamento de base. Essas estacas estão instaladas nos campos experimentais das universidades Unesp-Bauru-SP, Unesp-Ilha Solteira-SP, Unicamp-Campinas-SP e USP-São Carlos-SP. São também utilizados os dados de 34 estacas submetidas a provas de carga à compressão, permitindo 54 comparações entre as capacidades de carga de estacas à tração e à compressão. Essas comparações denotam equivalência entre a capacidade de carga por atrito lateral de estacas tracionadas e comprimidas. As cargas de ruptura determinadas através das provas de carga à tração são comparadas com os resultados de previsão de carga de ruptura dos métodos teórico da Universidade de Grenoble (BIAREZ e BARRAUD, 1968) e semiempíricos de Décourt (1996) e de Aoki & Velloso (1975). Os resultados de previsão de carga de ruptura à tração encontrados pelo método da Universidade de Grenoble mostraram-se, em geral, contra a segurança. Os métodos de Décourt (1996) e de Aoki & Velloso (1975) resultam em valores de previsão de carga de ruptura à tração que favorecem a segurança, mostrando-se, porém, em demasia conservadores. Admite-se, em ambos os casos, que a ruptura se dá na ligação estaca-solo. Fatores de correção para métodos semiempíricos aqui estudados são levantados considerando-se a camada de solo com comportamento laterítico, contudo os resultados são dispersos. Os dados levantados permitem que se faça aferição quanto à precisão do método de extrapolação da curva carga x deslocamento de Van der Veen modificado por Aoki (1976), quando se considera interrupção precoce da prova de carga à tração em estacas, demonstrando também que o método é válido para o caso das estacas tracionadas. O uso do método deve ser pautado por cautela, especialmente para provas de carga interrompidas prematuramente à ruptura. Por fim, são verificadas as curvas carga x deslocamento das provas de carga à tração em estacas quanto à porção do atrito lateral mobilizado para deslocamentos de 10, 15, 20 e 25 milímetros. Os resultados desta verificação demonstram que para 96% das estacas tracionadas há mobilização de 70% ou mais do atrito lateral máximo (equivalente à ruptura) para deslocamentos de 25 mm

Abstract: This study comprehends 43 piles installed in porous soils of inner State of São Paulo subjected to uplifting tensioning stress conveyed through static uplifting load test. The piles studied are of the types: pre-cast concrete, cast-in-place concrete (and its variations), and steel. These 43 piles are installed in experimental fields of the Universities of Unesp-Bauru-SP, Unesp-Ilha Solteira-SP, Unicamp-Campinas-SP and USP-São Carlos-SP. There are also considered in this work 34 piles subjected to compression stress conveyed through conventional static load test. These enable 54 comparisons of load capacity by lateral grip friction of compressed and tensioned piles. These comparisons demonstrate similar bearing capacity by lateral grip resistance between compressed and tensioned piles. The ultimate load of each static uplifting load test is compared to the result of ultimate load estimated by theoretical method of Grenoble University (BIAREZ and BARRAUD, 1968) and semi-empiric methods of Décourt (1996) and Aoki & Velloso (1975). The results of ultimate load capacity of piles under uplifting stress estimated by Grenoble University¿s method leads to exaggerated high results, which compromises safety. The results of ultimate load capacity of piles under uplifting stress estimated by methods of Décourt (1996) and Aoki & Velloso (1975) drive to safety, but largely underestimating piles¿ uplifting load capacity. For both cases it is a premise that the collapse occurs through pile-soil interface. The present work attempts to come out correction factors for the semi-empiric methods herewith studied, considering error is caused solely by lateritic soil layer. Nonetheless, these correction factors are largely dispersed. The data surveyed is useful to check how precise it is the method of static load test curve extrapolation of Van der Veen modified by Aoki (1976) whereas considering premature interruption of the test. The results of such method must be carefully considered by users, specially when related to static load test prematurely interrupted. Eventually, it is checked the amount of ultimate load that is mobilized for 10, 15, 20 and 25 millimiters upwards dislocations of piles. The results indicate that for 96% of the piles herewith studied 70% and above of total grip is mobilized for dislocations of 25 mm
Subject: Estacaria (Engenharia civil)
Solos - Porosidade
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: YAEGASHI, Marcos Hideki. Compilação e análise de estacas moldadas "in loco" e cravadas tracionadas em solos porosos do interior do Estado de São Paulo. 2019. 1 recurso online (384 p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo, Campinas, SP. Disponível em: http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/336951. Acesso em: 10 Dec. 2020.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:FEC - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Yaegashi_MarcosHideki_M.pdf42.98 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.