Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/335430
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Expressão gênica do CHRNA7 e CHRFAM7A e sua modulação pelo exercício físico em sujeitos com e sem diabetes mellitus tipo 2 : estudo da ativação da via anti-inflamatória colinérgica
Title Alternative: CHRNA7 and CHRFAM7A expression of and their modulation for physical exercise in subjects with or without type 2 diabetes mellitus : study of Colinergic Antiinflamatory Pathway activation
Author: Mateus, Keryma Chaves da Silva, 1992-
Advisor: Cavaglieri, Claudia Regina, 1963-
Abstract: Resumo: A redução da atividade da via anti-inflamatória colinérgica (VAC) na Diabetes Mellitus tipo 2 (DM2) associada à obesidade parece ser um dos mecanismos coadjuvantes para o agravamento do quadro de inflamação crônica característico desta condição. O principal envolvido com a ativação da VAC é o receptor nicotínico de acetilcolina de subunidade 'alfa'7 ('alfa'7nAChR), o qual é expresso pelo gene CHRNA7 e parece estar reduzido em obesos. Este gene é regulado pelo gene CHRFAM7A que em condições inflamatórias crônicas tem demonstrado aumento de sua expressão. Por outro lado, há evidências de que o exercício físico possa ser capaz de ativar a VAC, porém pouco ainda é sabido sobre o efeito de uma sessão de exercício físico sobre a expressão gênica do CHRNA7 e CHRFAM7A em indivíduos obesos com DM2. Desta forma, o objetivo do presente estudo foi investigar a expressão gênica do CHRNA7 e CHRFAM7A em leucócitos circulantes de sujeitos obesos com DM2 e eutróficos sem DM2 no basal e após três diferentes sessões de exercício físico e ainda correlacionar esses dados com a modulação autonômica e expressão gênica do Fator de Necrose Tumoral-'alfa' (TNF- 'alfa'). Para tanto foram selecionados entre homens e mulheres: 15 sujeitos obesos com DM2 (ODM2 - IMC: 30,45±3,61; idade 52±4,14) e 13 sujeitos eutróficos sem DM2 (ESDM2 - IMC: 24,42±1,87; idade 50±6,2). Foram realizadas avaliações das capacidades funcionais [consumo pico de oxigênio (VO2pico), teste de 1 repetição máxima (1RM) e teste de 12 repetições máximas (12RM)], composição corporal (antropometria e plestimografia) e clínicos (glicemia e perfil lipídico) para caracterização da amostra e/ou prescrição das sessões agudas. Nos momentos pré e pós 60 minutos do término da sessão foram coletadas amostras de sangue para análise de expressão gênica do CHRFAM7A, CHRNA7 e TNF-'alfa' por Real-time Polymerase Chain Reaction, bem como, coleta de variabilidade da frequência cardíaca. Os indivíduos realizaram sessão aguda de exercício aeróbio (SA, 50': 40-55% VO2pico); exercício de força (SF, 50': 9 exercícios, 3x12 RM, P.1') e exercício combinado (SC, 25': 40-55% VO2pico e 25': 7 exercícios, 2x12 RM, P.1'). Os resultados obtidos mostraram que apenas 20% do grupo ODM2 demonstraram níveis detectáveis de CHRNA7, enquanto a média do grupo apresentou maior expressão gênica basal de CHRFAM7A e TNF-'alfa' quando comparado ao ESDM2 (p=0,01 e p=0,00, respectivamente). Adicionalmente, não observamos diferença significativa na modulação autonômica entre ambos os grupos estudados. Não foi observada alteração significativa dos níveis de CHRNA7 e CHRFAM7A após as três sessões de exercício físico. Adicionalmente, observamos aumento do SDNN para a SC quando comparado a SA do grupo ODM2 (p=0,01) e também quando comparada a SC do grupo ESDM2 (p=0,02). Por fim, observamos que em ambos os grupos, houve redução significativa da expressão gênica do TNF-'alfa' para a SF, ao passo que houve aumento significativo para a SA (p=0,02). Desta forma, os nossos resultados apontam para a redução da VAC no grupo ODM2 quando comparado ao grupo ESDM2, ao passo que uma sessão de exercício físico parece não ser capaz de aumentar a atividade da VAC em sujeitos obesos com DM2

Abstract: The reduction of activity of the cholinergic anti-inflammatory pathway (CAP) in type 2 diabetes mellitus (T2DM) associated to obesity seems to be one of the supporting mechanisms for the worsening of low-grade systemic inflammation, which is characteristic of this condition. The main agent for the activation of the CAP is the 'alpha'7 nicotinic acetylcholine receptor ('alpha'7nAChR), which is expressed by the gene CHRNA7 and appears to be reduced in obese individuals. This gene is regulated by the gene CHRFAM7A, which in chronic inflammatory conditions has demonstrated elevated expression. On the other hand, there is demonstrable evidence that physical activity might be capable of activating CAP, however little is known still about the effect of a exercise session on the expression of CHRNA7 and CHRFAM7A in obese individuals with T2DM. In the light of this, the object of the present study was to investigate the expression of CHRNA7 and CHRFAM7A in circulating leucocytes of obese subjects with T2DM and eutrophic individuals without T2DM and after three distinct sessions of physical exercise, then to correlate this data with the autonomic modulation and expression of the Factor of Tumoral Necrosis-'alpha' (TNF-'alpha'). For such intent, a group was selected among men and women: 15 obese subjects with T2DM (OT2DM - BMI: 30,45±3,61; age 52±4,14) and 13 eutrophic subjects without T2DM (EST2DM - BMI: 24,42±1,87; age 50±6,2). The following evaluations and assessments were carried out: evaluations of functional capacities [peak consumption of oxygen (VO2peak), test of 1 maximum repetition (1MR) and test of 12 maximum repetitions (12RM)], body composition (anthropometry and plethysmography) and clinical (glycemic index and lipid profile) for characterization of the sample and/or prescription of the acute sessions. In the moments pre- and post-training session, in the following 60 minutes, blood samples were collected for analysis of the expression of CHRFAM7A, CHRNA7 and TNF-'alpha' through Real-time Polymerase Chain Reaction, as well as a collection of the variability of the heart rate. The subjects underwent an acute session of aerobic exercise (SA, 50': 40-55% VO2peak); strength training (SF, 50': 9 exercises, 3x12RM, P.1') and combined exercise (SC, 25': 40-55% VO2peak and 25': 7 exercises, 2x12RM, P.1'). The obtained results disclose that only 20% of the OT2DM group demonstrated detectable levels of CHRNA7, while the group average manifested greater basal expression of CHRFAM7A and TNF-'alpha' when compared to EST2DM (p=0,01 and p=0,00, respectively). Additionally, no significant difference was observed in the autonomic modulation between the studied groups. No significant alteration of CHRNA7 and CHRFAM7A was observed after three sessions of physical exercise. In addition, we observed an increase of SDNN for SC when compared to the SA of the group OT2DM (p=0,01) and also when compared to the SC of the group EST2DM (p=0,02). Lastly, it was observed that in both groups, there was a significant reduction of TNF-'alpha' expression for SF, simultaneously with a significant increase in SA (p=0,02). In this manner, our results point to the reduction of the CAP in the OT2DM group when compared to the EST2DM group, while a physical exercise session appears to be unable to increase the CAP activity in obese subjects with T2DM
Subject: Obesidade
Diabetes mellitus tipo 2
Via anti-inflamatória colinérgica
Exercícios físicos
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MATEUS, Keryma Chaves da Silva. Expressão gênica do CHRNA7 e CHRFAM7A e sua modulação pelo exercício físico em sujeitos com e sem diabetes mellitus tipo 2: estudo da ativação da via anti-inflamatória colinérgica. 2018. 1 recurso online (99 p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação Física, Campinas, SP. Disponível em: http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/335430. Acesso em: 15 Jan. 2021.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:FEF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Mateus_KerymaChavesDaSilva_M.pdf2.8 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.