Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/335125
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Estudo sobre absenteísmo em ambulatórios médicos especializados no interior de São Paulo
Title Alternative: Study on absenteeism in specialized outpatient clinics in the interior of São Paulo
Author: Campoville, Jussara Moraes Hatae, 1977-
Advisor: Bulgareli, Jaqueline Vilela, 1980-
Abstract: Resumo: A regionalização da saúde insere-se no contexto das políticas de redemocratização que o país vivencia desde a Constituição Federal de 1988. O sistema foi democratizado com o aumento dos mecanismos de participação social e a ampliação da descentralização nos processos decisórios; simultaneamente, cresceu o acesso dos usuários às ações e serviços de saúde devido à expansão da cobertura assistencial de atenção básica e de serviços mais complexos. No entanto existe um contrassenso que se apresenta pelas dificuldades de acesso em algumas ações de maior complexidade por um lado, por outro serviços com número elevado de falta de usuários. Foi considerado neste estudo como absenteísmo o ato do usuário não comparecer ao serviço para realização do procedimento agendado. O objetivo deste trabalho foi analisar o absenteísmo de exames e consultas e os motivos do absenteísmo nos Ambulatórios Médicos Especializados (AMES) a partir da percepção dos gestores de saúde. A primeira fase compreendeu um estudo observacional descritivo com dados secundários analisados no período de 2014 a 2017, fornecidos do sistema de informação da CROSS (Sistema da Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde). O parâmetro de absenteísmo estabelecido pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) de São Paulo é até 15 %. Foi realizada uma análise descritiva dos dados e apresentados por meio de tabelas e gráficos. Na segunda fase foi realizada um estudo quanti qualitativo a partir de roteiro semiestruturado com entrevistas com 24 gestores de saúde no ano de 2016, selecionada a questão que investigou os motivos de absenteísmo dos usuários nos AMES. Foi utilizada a análise pela teoria do Discurso do Sujeito Coletivo. Os resultados demonstraram que as perdas primárias de exames variou de 5,24% a 16,73 %, e de consultas entre 0,19% a 1,37%. O absenteísmo de 15,97% a 19,43% nos exames e 15,45% a 19,52% em consultas. Os principais motivos do absenteísmo levantados a partir da percepção dos gestores foram: responsabilização do paciente, melhora do quadro de saúde e tempo na fila de espera. O desperdício de consultas e exames causam prejuízos de ordem financeiros e da gestão do cuidado ao usuário na rede de saúde pública. O gestor de saúde tem um papel protagonista na organização das ações e serviços dos usuários sob sua responsabilidade. Concluiu se que o percentual de perdas primárias e absenteísmo nos AMES do estudo estão acima do estabelecido pela SES/SP, sugerindo necessidade de aprimoramento da gestão dos fluxos de referência e contra referência, programação do serviço considerando as necessidades das regiões de saúde, discussão dos motivos do absenteísmo a fim de promover estratégias para sua redução

Abstract: The regionalization of health is inserted in the context of the policies of redemocratization that the country has been experiencing since the Federal Constitution of 1988. The system was democratized with the increase of mechanisms of social participation and the expansion of decentralization in decision making processes; At the same time, users' access to health actions and services has grown due to the expansion of primary care coverage and more complex services. However, there is a consensus that is presented by the difficulties of access in some actions of greater complexity on the one hand, on the other services with high number of users. It was considered in this study as absenteeism the act of the user not attending the service to perform the scheduled procedure. The objective of this study was to analyze absenteeism from examinations and consultations and the reasons for absenteeism in Specialized Medical Outpatient Clinics (AMES) from the perception of health managers. The first phase comprised a descriptive observational study with secondary data analyzed from 2014 to 2017, provided from the CROSS (Health Service Offering Regulation System) information system. The absenteeism parameter established by the State Department of Health (SES) of São Paulo is up to 15%. A descriptive analysis of the data was performed and presented through tables and graphs. In the second phase, a quantitative and qualitative study was conducted based on a semi-structured script with interviews with 24 health managers in 2016, selecting the question that investigated the absenteeism reasons of users in the AMES. The analysis by the Collective Subject Discourse theory was used. The results showed that primary exam losses ranged from 5.24% to 16.73%, and consultation losses from 0.19% to 1.37%. Absenteeism from 15.97% to 19.43% in examinations and 15.45% to 19.52% in consultations. The main reasons for absenteeism raised from the managers' perception were: patient accountability, improved health status and waiting time. Waste of consultations and examinations cause financial damages and the management of user care in the public health network. The health manager has a leading role in organizing the actions and services of users under their responsibility. It was concluded that the percentage of primary losses and absenteeism in the AMES of the study are higher than the established by SES / SP, suggesting the need to improve the management of reference and counter-referral flows, service programming considering the needs of health regions, discussion of reasons for absenteeism in order to promote strategies for its reduction
Subject: Absenteismo
Atenção a saúde
Regionalização
Gestão em saúde
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: CAMPOVILLE, Jussara Moraes Hatae. Estudo sobre absenteísmo em ambulatórios médicos especializados no interior de São Paulo. 2019. 1 recurso online (47 p.). Dissertação (mestrado profissional) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Campoville_JussaraMoraesHatae_M.pdf1.38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.