Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/335105
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Bambus nativos do Brasil : panorama das iniciativas para uma cadeia produtiva integrada à conservação
Title Alternative: Brazilian native bamboos : overview of initiatives for a supply chain integrating conservation and development
Author: Lima, Aline Lopes e, 1984-
Advisor: Seixas, Cristiana Simão, 1970-
Abstract: Resumo: No Brasil, políticas e incentivos para consolidar uma Cadeia Produtiva (CP) baseada em bambus têm sido criados visando inserções no mercado global. O país possui a maior riqueza de espécies e de endemismos de Bambusoideae das Américas, além de diversidade sociocultural que conferem oportunidades ao desenvolvimento socioeconômico alinhado à conservação da biodiversidade e dos ecossistemas de origem. Por meio do estudo das iniciativas relacionadas aos bambus nativos, esta pesquisa busca compreender quais fatores do recurso, do sistema de recursos e sociais favorecem ou limitam o desenvolvimento de CPs atreladas à conservação. As iniciativas que trabalham com bambus nativos e os principais fatores condicionantes para a atuação foram identificados e caracterizados em nível nacional a partir de levantamento de dados secundários, da cadeia de referência e de entrevistas semiestruturadas entre 2014 e 2016. Um estudo de caso foi desenvolvido em 2016 no Acre em função da diversidade de arranjos multissetoriais para o uso dos bambus amazônicos, Guadua spp. Foram identificadas 222 iniciativas no setor produtivo e de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, que além do Estado do Acre se concentram nas regiões Sudeste, especialmente no Estado de São Paulo, e Sul. O aproveitamento de espécies lenhosas ocorre em todas as regiões, predominantemente de forma artesanal e informal. Os usos e serviços levantados demonstram potencial para articular CPs com vista à Conservação e Desenvolvimento Integrados (CDI). No Acre, 23 iniciativas foram identificadas em relação aos objetivos, áreas, atores e formas de manejo. De forma geral, os principais fatores favoráveis às iniciativas foram: a) o estabelecimento de arranjos institucionais inovadores; b) interesse e apoio do Governo do Estado; c) experiência prévia em CPs de recursos nativos; d) motivação pessoal; e) oportunidade para reduzir lacunas do conhecimento; f) política pública nacional e estadual específica para bambu; e g) processos descomplicados para obtenção de registros e/ou autorizações para produção, extração e beneficiamento das espécies. Dentre os fatores limitantes, contrapondo-se em parte aos favoráveis, destacaram-se: a) falta de financiamento; b) projetos e ações pontuais de curta duração (descontinuidade); c) ausência ou pouco apoio ou incentivos do governo; d) pouco conhecimento agrotecnológico sobre bambus nativos e exóticos nos ecossistemas brasileiros; e) falta de valorização do recurso pela sociedade; f) restrições legais (burocracias) e operacionais (dificuldade de acesso) para autorizações para produção, extração e beneficiamento das espécies nativas; g) falta de clareza sobre normas relacionada a flora nativa; e h) deficiência em regulamentações e operação dos órgãos ambientais. As iniciativas com incentivos político-econômicos demonstram capacidade de interagir com organizações de diferentes níveis, maior apoio governamental federal e estadual e parcerias internacionais, e esforço à consolidação de uma CP industrial voltada à exportação. A análise de atores e relações sociais das iniciativas permitiu a identificação das falhas e potencialidades para as articulações iniciais a serem escalonadas às CPs voltadas à CDI. Atores centrais e intermediadores favorecem interações tanto com o nível internacional para financiamentos e pesquisas como com o nível local, para o estímulo da manufatura e o comércio. Há, contudo, um menor protagonismo dos atores locais, que estruturam em maior número a rede das iniciativas, e dos segmentos socioambientais e da conservação, que apresentam perspectivas, informações e possibilidades diferenciadas, inclusive tecnológicas e de agregação de valor à produção

Abstract: Specific policies and incentives to consolidate a Supply Chain (SC) based on bamboos have been created in Brazil aiming at new insertions in the global market. The country has the greatest species richness and endemism of bamboos in the Americas, as well as sociocultural diversity that provide opportunities for socioeconomic development aligned with conservation of native biodiversity and ecosystems. Through the study of initiatives related to Brazilian native bamboos, this research seeks to understand which factors favor or limit the development of SCs linked to biodiversity conservation. The initiatives and their main conditioning factors were identified and characterized at the national level from an assessment of secondary data, reference chain survey (snowball method) and semi-structured interviews, conducted from 2014 to 2016. For regional and local level evaluation, a case study was developed in Acre in 2016, due to the occurrence of long-term multisector arrangements focusing on Amazonian tabocas (Guadua spp). At the national level, 222 initiatives were identified in the productive sector and in research, development and innovation, concentrated mainly in the State of Acre, and in the Southeast and South regions. The use of woody species occurs all over the country, and is predominantly artisanal, informal or community-based. The uses and services assessed show potential for a SC of native bamboos for Integrating Conservation and Development (ICD). In Acre, 23 initiatives were categorized by their objectives, areas, actors and management practices. In general, the main factors favoring initiatives included: a) innovative institutional arrangements; b) interest and support by the state government of Acre; c) previous experience in SC of native resources; d) personal motivation; e) opportunity to reduce knowledge gaps f) national and state public policy specific to bamboo; and g) uncomplicated processes to obtain licenses and authorizations for the production, extraction and processing of bamboo species. The factors that constrained the initiatives included: a) lack of funding; b) short-term actions and projects (discontinuity); c) absence or little support or incentives by government; d)little agro-technological knowledge on native and exotic bamboos in Brazilian tropical ecosystems; e) native bamboos not being valued by society, f) legal restriction (bureaucracy) and operational restrictions (access difficulties) to apply for authorizations for production, extraction and processing of native species; g) lack of clarity about norms related to native flora; and f) deficiency in regulations and operation of environmental agencies. Those with greater political-economic incentives were capable of interacting with political and economic institutions at different levels and were distinguished by greater support from federal, state and international partnerships and by the effort to consolidate an export-oriented industrial SC. The analysis of actors and social relations of the initiatives allowed for identification of flaws and potentialities for articulating initial arrangements to be scaled up to SCs focused on ICD. Central actors and brokers favor institutional arrangements at the international level for funding and research, and at the local level, stimulate manufacturing and market. In general, there is less protagonism of local actors, who structure in large number the social network of initiatives working with bamboos, and of actors from socio-environmental and conservational sectors, who bring different perspectives, information and possibilities, including technological and value-added production
Subject: Recursos naturais comuns
Extrativismo
Produtos florestais não-madeireiros
Bambu
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: LIMA, Aline Lopes e. Bambus nativos do Brasil: panorama das iniciativas para uma cadeia produtiva integrada à conservação. 2019. 1 recurso online (375 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Campinas, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Lima_AlineLopesE_D.pdf9.06 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.