Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/335076
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: As estratégias de regulação motivacional de alunos do ensino médio
Title Alternative: The strategies of motivational regulation of high school students
Author: Ferreira, Valéria Maria Fusch, 1974-
Advisor: Boruchovitch, Evely, 1961-
Abstract: Resumo: A motivação para aprender é importante no ambiente educacional e está associada à autorregulação da aprendizagem. Entende-se por autorregulação da aprendizagem a capacidade do estudante em regular, monitorar e criar estratégias para motivar seu aprendizado. A motivação está relacionada às razões ou propósitos dos indivíduos que se engajam em uma atividade. Já a regulação motivacional refere-se às ações mediante as quais os sujeitos agem de forma intencional no sentido de iniciar, manter ou reforçar o seu nível de motivação, isto é, a sua determinação em se envolver e terminar uma tarefa escolar. É identificada como um componente fundamental da aprendizagem autorregulada, porém, pouco estudada. A presente pesquisa teve como objetivo identificar as estratégias de regulação motivacional relatadas por alunos do Ensino Médio. Fizeram parte do estudo 281 estudantes do 1º ao 3º ano do Ensino Médio de uma escola pública e de uma Organização da Sociedade Civil (OSC) do munícipio de Campinas - SP. Os dados foram coletados em sala de aula por meio de um questionário de informações demográficas e escolares e da aplicação da Escala de Avaliação das Estratégias de Regulação Motivacional para o Ensino Médio, na qual os alunos relataram sobre a utilização de estratégias de regulação motivacional. Neste estudo de caráter descritivo e correlacional, os dados coletados foram analisados de forma quantitativa, por intermédio de estatística descritiva e inferencial. Os resultados revelaram que os participantes desta pesquisa relataram utilizar as estratégias de regulação motivacional. Foram identificadas diferenças estatisticamente significativas entre as variáveis sexo, repetência e tipo de instituição. Estudantes do sexo feminino, não repetentes e que frequentam a Organização da Sociedade Civil (OSC) obtiveram média mais alta no relato de uso de estratégias de regulação motivacional comparadas aos discentes do sexo masculino, repetentes e que estudam na escola pública. Não houve diferenças estatisticamente significativas no relato de uso das estratégias de regulação motivacional de cada subescala, quando correlacionadas às variáveis idade e ano escolar. Espera-se que esta pesquisa possa contribuir para o desenvolvimento do conhecimento científico acerca da importância do uso de estratégias de regulação motivacional no contexto escolar do Ensino Médio no Brasil

Abstract: The motivation to learn is an important factor in the educational environment and it is associated with self-regulated learning. Self-regulated learning is understood as the students¿ ability to regulate, monitor, and create strategies to motivate their learning process. Motivation is related to the reasons and purposes of the individuals that are engaged in an activity. As for motivational regulation, it refers to the actions which cause a person to act intentionally to initiate, maintain or reinforce their level of motivation it is their determination to get involved in and end a school assignment. It is identified as a fundamental component of self-regulated learning, although it is little studied. This research aims at identifying the strategies of motivational regulation related by high school students. 281 students participated in this research, from the first to the last year of high school and from a public school as well as from a Civil Society Organization (CSO) in the city of Campinas, state of São Paulo, Brazil. The data was collected in classrooms via a questionnaire with demographic and educational information and the application of an Motivational Regulation Strategies Assessment Scale for High School, in which the students reported the use of motivational regulation strategies. In this descriptive and correlational study, the collected data was analyzed in a quantitative way, through descriptive and inferential statistics. The results revealed that the participants of this research admitted using motivational regulation strategies. Some significant statistic differences were identified among the following variables: gender, failure rate and type of institution. Female students who had not failed and go to Civil Society Organization (CSO) have achieved a higher average reporting the use of motivational regulation strategies when compared to the average achieved by male students who had failed and go to public schools. There were not statistically significant differences concerning the use of motivational regulation strategies of each subscale when correlated to the variables of age and school year. It is hoped that this research may contribute to the development of scientific knowledge about the importance of the use motivational regulation strategies in the high school context in Brazil
Subject: Regulação
Motivação para aprendizagem
Ensino médio
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: FERREIRA, Valéria Maria Fusch. As estratégias de regulação motivacional de alunos do ensino médio. 2018. 1 recurso online (80 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação, Campinas, SP.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ferreira_ValeriaMariaFusch_M.pdf1.46 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.