Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/334865
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Aplicabilidade de métodos de estimativa de idade para uma amostra brasileira utilizando radiografias panorâmicas : Applicability of age estimation methods for a brazilian sample using panoramic radiographs
Title Alternative: Applicability of age estimation methods for a brazilian sample using panoramic radiographs
Author: Dezem, Thaís Uenoyama, 1981-
Advisor: Daruge Junior, Eduardo, 1960-
Abstract: Resumo: A estimativa de idade tem importância na investigação forense, tanto na área civil e criminal, em que seja necessário estabelecer a idade de um indivíduo sendo um importante instrumento em situações como alegação de menoridade, casos de pensão alimentícia, aposentadoria e entre outros. Buscando solucionar tais questões, surgiram métodos e adaptações utilizando exames por imagem para que se observe a involução dental e consequentemente se estime a idade dos indivíduos. O objetivo deste estudo foi verificar a aplicabilidade do método de Olze et al. (2012) e Timme et al. (2017) em 503 radiografias panorâmicas de uma amostra de brasileiros para estimar a idade, no contexto forense, a partir da avaliação de parâmetros de involução dental, com idades entre 20 a 70 anos, em ambos os sexos, provenientes do banco de dados de uma clínica de radiologia odontológica de pacientes que realizaram seus exames nos últimos 5 anos. A involução dental foi classificada de acordo com os parâmetros estabelecidos nos dentes 34, 35, 44 e 45 e a idade estimada a partir das fórmulas propostas por Olze et al. (2012) e Timme et al. (2017). Procedeu-se a análise estatística descritiva e inferencial, por meio de regressão linear. Verificou-se que para ambos os métodos os coeficientes de determinação foram inferiores a 3% na faixa de 15-40 anos e inferiores a 17,8%, na faixa de 15-70 anos, quando são usadas as fórmulas específicas para cada dente. Ao utilizar a média da idade estimada pelos dentes índices, o coeficiente de determinação alcança os valores de 1,5% e 2,8%, na faixa de 15-40 anos, e de 22,7% e 22,8%, na faixa de 15-70 anos, respectivamente para cada método, ainda indicando um baixo poder preditivo para os métodos na amostra brasileira. Com isso foi possível concluir que o método é limitado para a população estudada, sendo as fórmulas de Timme et al. (2017) mais assertivas para a faixa de 15 a 40 anos e, para a faixa etária de 15 a 70, ambas as fórmulas possuem resultados similares com baixa correlação entre a idade real e estimada

Abstract: Age estimation methods are an important in forensic investigation, both in the civil and criminal area, where it is necessary to establish the age of an individual. In order to solve these questions, methods and adaptations were developed using imaging for dental observation and consequently to estimate the age. The aim of this study was to verify the applicability of the method of Olze et al. (2012) and Timme et al (2017) in 503 panoramic radiographs of Brazilians sample to estimate age in the forensic context, from the evaluation of dental involution parameters, aged between 20 and 70 years, of both sexes, from the database of a dental radiology clinic, of patients who underwent their examinations in the last 5 years. Dental involution was classified according to the parameters established on the teeth 34, 35, 44 and 45 and the age estimated from the formulas proposed by Olze et al. (2012) and Timme et al. (2017). Descriptive and inferential statistical analysis was performed using linear regression. Although the analyzes did not meet the necessary assumptions, it was found that for both methods, the determination coefficients were less than 3% in the 15-40 years group and less than 17,8% in the 15-70 year age group, when used the specific formulas for each tooth. Using the mean age estimated by the index teeth, the coefficient of determination reached values of 5.59% and 2.8%, in the range of 15-40 years, and of 22.7% and 22.8%, in the range of 15-70 years, still indicating a low predictive power for the methods in the Brazilian sample. With this, it was possible to conclude that the method is limited for the studied population, the formulas of Timme et al (2017) being more assertive for the range of 15 to 40 years and in the age range of 15 to 70 both formulas have similar results with low correlation between the actual and estimated age
Subject: Determinação da idade pelos dentes
Odontologia legal
Antropologia forense
Language: Inglês
Editor: [s.n.]
Citation: DEZEM, Thaís Uenoyama. Aplicabilidade de métodos de estimativa de idade para uma amostra brasileira utilizando radiografias panorâmicas: Applicability of age estimation methods for a brazilian sample using panoramic radiographs. 2019. 1 recurso online (32 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Dezem_ThaisUenoyama_D.pdf1.59 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.