Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/334826
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Do nacional-popular ao popular latino-americano : Milton Nascimento e o discurso latino-americanista na música popular brasileira
Title Alternative: From the national-popular to the popular Latin American : Milton Nascimento and the Latin Americanist discourse in Brazilian popular music
Author: Cunha, Letícia Alves da, 1991-
Advisor: Nicolau Netto, Michel, 1978-
Abstract: Resumo: O presente trabalho procura investigar a relação entre música popular brasileira e latino-americana nas décadas de 1960 e 1970, a partir da atuação de Milton Nascimento. Na década de 1960, o campo da música popular brasileira assiste ao surgimento da chamada MPB. Sob o guarda-chuva estético da bossa nova e intrinsecamente relacionada ao desenvolvimento do mercado fonográfico brasileiro e de uma cultura política nacional-popular, a MPB se estabelece enquanto uma "instituição cultural" capaz de fornecer os parâmetros da produção engajada autenticamente "nacional" e "popular". No mesmo período, em diversos outros países da América Latina, surgem movimentos de renovação da música popular. Esses movimentos, genericamente classificado como nueva canción latino-americana, serão muito fortemente influenciados pelo folclore tradicional e centrarão sua produção em um tipo de canção engajada, comprometida com as causas sociais e com a defesa de uma identidade latino-americana. Dado que a relação dos brasileiros com esses movimentos de canção engajada na América Latina não é óbvia, este trabalho procura demostrar sua existência, ao mesmo tempo em que busca identificar os condicionantes sociais que ajudam a explicar sua peculiaridade. Nossa tese é a de que a centralidade na questão nacional, a influência estética da bossa nova e a alta absorção do mercado fonográfico nacional contribuíram para que a produção da canção engajada brasileira se mantivesse distante dos movimentos da nueva canción, em um primeiro momento. Com um rearranjo do cenário musical nacional no final da década de 1960, há, no entanto, uma abertura para o diálogo com a canção produzida em outros países do continente. Contribui para esse diálogo, entre outras coisas, a semelhança semântica observada entre os universos simbólicos que informavam a produção dentro de um e outro campo musical ¿ a saber, o nacional-popular na MPB e o popular latino-americano na nueva canción. Por meio centralmente da trajetória de Milton Nascimento, analisada à luz da atuação de outros artistas latino-americanos engajados em projetos de integração da América Latina através da canção, procuramos discutir as particularidades do latino-americanismo que se desenvolve em solo brasileiro

Abstract: This work aims to investigate the relationship between the Brazilian popular music and the Latin-American popular music in the 1960s and 1970s, following Milton Nascimento¿s position in it. In the 1960s, the Brazilian Music scene sees the emergence of the so called MPB. Under the aesthetical umbrella of bossa nova and intrinsically related to the development of Brazilian phonographic market and to the cultural politics of national-popular, the MPB establishes itself as a "cultural institution", able to provide the standards to the engaged production of what was authentically considered "national" and "popular". In the same period, movements of renovation of the popular music pop up in many other countries of Latin America. These movements, on the whole classified as nueva canción latino-americana [new song movement], will strongly be influenced by the traditional folklore and will center their productions in a particular kind of engaged song, committed to social causes and to the defense of a Latin-American identity. Since the relationship of Brazilian artists with the new song movement is not taken for granted, this thesis seeks to demonstrate its very existence and, at the same time, to identify the social conditions that helps to explain its peculiarity. Our hypothesis is that the centrality of the national matter, the influence of bossa nova¿s aesthetics and the high capacity of absorption of the national phonographic market contributed, at first, to distancing the production of Brazilian engaged song from the new song movement. With the rearrange of the national music scene at the end of the 1960s, there is, nonetheless, an opening to songs produced in Latin-America. Among other things, this approach was due to the semantics similarities observed within the symbolic background underlying each musical scene ¿ namely, the national-popular in the MPB and the Latin-American-popular in the new song movement. Following chiefly the trajectory of Milton Nascimento, analyzed in the light of other Latin-American artists engaged in the integration of the Latin America throw means of the music scene and the song production, we seek to discuss the particularities of the Latin-Americanism that evolved in Brazil
Subject: Nascimento, Milton, 1942-
Música popular - Brasil
Música popular - América Latina
Identidade
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: CUNHA, Letícia Alves da. Do nacional-popular ao popular latino-americano: Milton Nascimento e o discurso latino-americanista na música popular brasileira. 2019. 1 recurso online (184 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Campinas, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Cunha_LeticiaAlvesDa_M.pdf1.28 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.