Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/334609
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: O papel dos vídeos de ciência na divulgação científica : o caso do projeto ScienceVlogs Brasil
Title Alternative: The role of science videos in science communication : a case study of the ScienceVlogs Brasil project
Author: Velho, Raphaela Martins Guedes de Azevedo, 1991-
Advisor: Barata, Germana Fernandes, 1974-
Abstract: Resumo: A racionalidade econômica capitalista atua profundamente sobre diversas instituições humanas, como a ciência e a comunicação, tendo como alguns dos mais notáveis resultados respectivamente a ênfase na comunicação da ciência e o surgimento das plataformas digitais. Assim, a divulgação científica que acontece em websites de compartilhamento de conteúdo e de redes sociais também é afetada por tal racionalidade, gerando desafios e oportunidades para os divulgadores atuantes nestes meios. O objetivo desta pesquisa é compreender como divulgadores do projeto ScienceVlogs Brasil ¿ uma aliança brasileira de canais do YouTube que produzem conteúdo de divulgação científica ¿ lidam com tais pressões e possibilidades. Através da metáfora da plataforma YouTube como um cinema algorítmico, localizado no coração da cibercidade (a totalidade da Web), são investigadas as motivações para divulgar, as estratégias utilizadas pelos youtubers para capturar e prender a atenção de suas audiências em um ambiente altamente competitivo, e as perspectivas de profissionalização na área da divulgação científica. Narra-se também a história do projeto e investiga-se o que compõe a "cientificidade" atestada pela aliança, que tem como um de seus principais propósitos ratificar a qualidade das informações científicas veiculadas. Adicionalmente, realizou-se uma pesquisa quantitativa para tentar identificar alguns dos fatores responsáveis por aumentar a popularidade de vídeos de divulgação científica no YouTube, utilizando para isso uma amostra de 441 vídeos pertencentes ao projeto ScienceVlogs Brasil. Utilizou-se um questionário online e entrevistas com o diretor e coordenador do projeto para responder às perguntas de cunho qualitativo, e uma análise estatística descritiva e inferencial para verificar a relação entre certos fatores (tema, formato, número de recursos de edição dos vídeos; tamanho do vídeo, idade do vídeo, produtividade do canal, número de likes, número de comentários e canal ao qual o vídeo pertence) com a popularidade dos vídeos, e o impacto relativo de cada uma sobre tal popularidade, calculada como o número de visualizações por dia de publicação do vídeo. Os resultados mostraram que o projeto ScienceVlogs Brasil, composto principalmente por homens jovens, com alto nível educacional e atuantes em ambientes educacionais (escolares ou universitários), funciona tanto como um centro de curadoria de conteúdo, sendo o controle de conteúdo feito de maneira informal pelo público ou por outros divulgadores; quanto como um sistema para canais compartilharem públicos e tornarem-se mais relevantes individualmente como um grupo na plataforma. Em geral, os divulgadores compreendem a divulgação científica como uma maneira de educar cientificamente a população, e são motivados pelo desejo de "empoderá-la" e oferecer-lhe ferramentas para que tenha uma "atuação mais cidadã", estando a maioria deles também disposta a profissionalizar-se na área da popularização da ciência. Os resultados quantitativos mostraram que as variáveis likes, produtividade do canal, idade e formato do vídeo foram estatisticamente relevantes para explicar a maior popularidade de alguns vídeos de ciência, abrindo caminhos para diversas investigações futuras

Abstract: Capitalist economic rationality deeply affects many human institutions, such as science and communication, being some of the most notable results the new impulse given to science communication and the emergence of digital platforms. Thus, science communication practices occurring in content sharing websites and social networks are also affected by such rationality, spawning challenges and opportunities for the communicators working in these media. The purpose of this research is to understand how the communicators of the project ScienceVlogs Brasil - a Brazilian alliance of YouTube channels that produce content of science communication - deal with such pressures and possibilities. Through the metaphor of the YouTube platform as an algorithmic cinema, located at the heart of cybercity (the whole Web), we investigate the motivations to publicize, the strategies used by youtubers to capture and keep the attention of their audiences in a highly competitive environment, and the prospects of professionalization in the area of ??science communication. We also report the history of the project and investigate the "cientificidade" attested by the alliance is investigated, one of whose main purposes is to ratify the quality of the scientific information disseminated. In addition, a quantitative survey was conducted to try to identify some of the factors responsible for increasing the popularity of scientific communication videos on YouTube, using a sample of 441 videos belonging to the ScienceVlogs Brasil project. An online questionnaire and interviews with the director and coordinator of the project were used to answer the qualitative questions, and a descriptive and inferential statistical analysis was used to verify the relation of factors (among subject, format, number of video editing features, video size, video age, channel productivity, number of likes, number of comments and channel to which the video belongs) with the popularity of the videos, and the relative impact of each on such popularity, calculated as the number of views per video age in days. The results show that the project ScienceVlogs Brasil, composed mainly of young men, with high educational level and active in educational environments (school or university), works both as a content curation center, in which content control is done informally by the public or by other communicators; as well as a system for channels to share audiences and become more relevant individually and as a group on the platform. In general, science communicators understand scientific communication as a way of educating the lay public about science, and are motivated by the desire to "empower" people and offer them tools to become more involved in decision making in public and private settings. It has also been shown that most of them are willing to become professionalized in the area of science popularization. Quantitative results showed that the likes, channel productivity, age, and video format variables were statistically relevant to explain the increased popularity of some science videos, paving the way for a variety of interesting future research
Subject: Divulgação científica
Vídeos para Internet
YouTube (Recurso eletrônico)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: VELHO, Raphaela Martins Guedes de Azevedo. O papel dos vídeos de ciência na divulgação científica: o caso do projeto ScienceVlogs Brasil. 2019. 1 recurso online (174 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Estudos da Linguagem, Campinas, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Velho_RaphaelaMartinsGuedesDeAzevedo_M.pdf4.22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.