Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/334385
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação da marcha em indivíduos saudáveis através de baropodometria associada a sistema sem fio
Title Alternative: Assessment of the gait in healthy individuals with a wireless baropodometry system
Author: Oliveira, Larissa Barbosa, 1989-
Advisor: Pagnano, Rodrigo Gonçalves, 1967-
Abstract: Resumo: Introdução: A marcha é a forma mais natural e prática de nos deslocarmos. Os pés são um dos seus principais componentes, responsáveis por uma grande versatilidade de movimentos, bem como pela adaptação aos diversos tipos de solo, irregularidades e inclinações. Dois tipos básicos de sistemas são mais frequentemente utilizados para a aferição da pressão plantar: os baropodômetros do tipo esteira ou tapete e os do tipo palmilha. Ambos utilizam sensores de pressão acoplados a um sistema computadorizado para visualização e análise dos dados obtidos. As vantagens de se utilizar uma palmilha para detectar pressões plantares incluem oferecer informações de forma portátil, objetiva, quantitativa, contínua e em diferentes tipos de ambiente, se assemelhando mais a uma marcha fisiológica. Os usos clínicos principais diretamente relacionados ao monitoramento da pressão plantar são a avaliação dos efeitos de um determinado tratamento, o seguimento de um indivíduo ou grupo de indivíduos ao longo do tempo e a confecção e avaliação de órteses. Os dispositivos construídos para esse tipo de análise envolvem um processo de validação e uma avaliação da confiabilidade e da viabilidade de sua aplicação. Uma palmilha associada a um sistema sem-fio desenvolvida pelo Departamento de Engenharia Elétrica e Computação da USP em associação com o Laboratório de Biomecânica e Reabilitação do Aparelho Locomotor do HC-UNICAMP foi utilizada como baropodômetro para avaliação de pressão plantar. O objetivo do estudo foi avaliar a confiabilidade da palmilha desenvolvida. Casuística e Métodos: foram avaliados 41 indivíduos saudáveis. Os participantes utilizaram uma palmilha de monitoramento da pressão plantar acoplada a sistema sem-fio e conectada a um aplicativo Java. Cada participante foi submetido a 3 coletas em cada um dos pés, na velocidade de 4,0 km/h em uma esteira. Os pontos de pressão analisados foram calcanhar, primeiro metatarsal, quinto metatarsal e o pé inteiro. Cada indivíduo foi submetido à avaliação dos pés; os dados obtidos na coleta foram analisados e, com os valores médios de pressão obtidos, analisadas as comparações das variáveis clínicas, demográficas, dominância e lateralidade. O Coeficiente de Correlação Intraclasse (ICC) foi utilizado para avaliar a confiabilidade dos dados entre as coletas. Resultados: A média de idade dos participantes foi de 34,0 ± 13,0 anos, sendo 63,4% do sexo masculino. As médias da altura, do peso e do IMC foram 1,73 ± 0,09 metros, 75,9 ± 16,4 Kg e 25,3 ± 4,80 Kg/m², respectivamente. Dos voluntários, 63,4% praticavam atividade física regularmente. Os participantes que apresentavam lado dominante direito corresponderam a 87,8%. A mediana da numeração dos calçados foi 40. Foi obtido um ICC = 0,453 entre todas as coletas, ICC=0,467 entre a primeira a segunda coleta, o que caracteriza baixa confiabilidade e ICC=0,664 entre a segunda e a última coletas, demonstrando moderada confiabilidade. Houve diferença significativa (p<0,05) na pressão avaliada no calcanhar e no pé inteiro em voluntários com sobrepeso e nos praticantes de atividades físicas. Conclusão: A palmilha desenvolvida foi capaz de avaliar a pressão plantar com confiabilidade moderada a partir do período de adaptação

Abstract: Introduction: The gait is the most natural and practical form of moving, and the feet is one of the main components. They are responsible for great versatility of movements, as well as adaptation to all types of surface, irregularities, and inclinations. Two systems can be used for measuring plantar pressure: a mat or treadmill and an insole. Both use load sensors coupled to a computer system for visualization and analysis of the data obtained. The advantages of using insoles to detect plantar pressure are that it can be achieved through digital, objective, quantitative, continuous molding and in different types of environments, besides being a physiological measure. The primary clinical uses directly related to the monitoring of plantar pressure are the evaluation of the effects of a given treatment, the follow-up of an individual or group of individuals over time and the manufacturing and evaluation of orthoses. The devices built for analysis involve a validation process and reliability analysis and the feasibility of its application. An insole for the assessment of plantar pressure developed by the Department of Electrical and Computing Engineering, USP, São Carlos, and Biomechanics Laboratory of HC-Unicamp was used as a baropodometry. The objective of the study was to assess the reliability of the developed insole. Methods: We evaluated 41 healthy individuals. The subjects wear a pressure monitoring insole coupled to a wireless system connected to the Java application. Each subject was submitted to 3 trails in each of the feet, at a speed of 4.0 km/h on a treadmill. The pressure points analyzed were the heel, first metatarsus, fifth metatarsus, and the entire foot. Each patient had the data analyzed and mean values of pressure obtained and compared to clinical and demographic variables, dominance and laterality. We used the Intraclass Correlation Coefficient (ICC) to test the reliability of the data between trails. Results: The participants had a mean age 34.0 ± 13.0 years, and 63.4% were males. The mean height, weight, and BMI were 1.73 ± 0.09 meters, 75.9 ± 16.4 kg and 25.3 ± 4.80 kg/m², respectively. Among the participants, 63.4% practiced regular physical activity. Participants with the dominant right side accounted for 87.8%. The median number of footwear was 40. We found an ICC = 0.453 between all the three trials, ICC = 0.467 between the first and second trial, which defines low reliability and ICC = 0.664 between the second and last trials, demonstrating moderate reliability. There was a significant difference (p <0.05) in the heel and the entire foot pressure in overweight volunteers and the ones who practiced physical activity. Conclusion: The insole can evaluate plantar pressure with moderate reliability after an adaptation period
Subject: Transdutores de pressão
Pe
Monitoramento
Marcha
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: OLIVEIRA, Larissa Barbosa. Avaliação da marcha em indivíduos saudáveis através de baropodometria associada a sistema sem fio. 2019. 1 recurso online (68 p.) Dissertação (mestrado profissional) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP. Disponível em: http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/334385. Acesso em: 16 Dec. 2020.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_LarissaBarbosa_M.pdf915.61 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.