Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/334369
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Protagonismo ambiental em práticas de arborização : elementos motivacionais, saberes e fazeres de atores sociais
Title Alternative: Environmental protagonism in practices of treatment : motivacional elements, knowledges and pratices of social actors
Author: Nascibem, Fábio Gabriel, 1993-
Advisor: Viveiro, Alessandra Aparecida, 1980-
Abstract: Resumo: A sociedade ocidental e capitalista apresenta valores como o patriarcado, a valorização do ter em detrimento ao ser, o consumismo, a elitização do saber científico, a visão de ser humano à margem da natureza, entre outros, que afetam fortemente o ambiente. Faz-se urgente uma mudança paradigmática, que se contraponha a esse movimento. Nesse cenário, chamam a atenção ações de protagonismo ambiental, muitas vezes realizadas por sujeitos que estão à margem na sociedade, com saberes e fazeres igualmente marginalizados, que se mostram centrais quando olhamos questões de conservação ambiental. Tomando como foco as práticas de arborização, voltamos o olhar para o estudo das motivações que levam sujeitos ao plantio de árvores em espaços públicos e privados, tais como praças, terrenos baldios, margens de córregos, áreas de nascentes, entre outros, bem como saberes e fazeres relacionados a essas práticas. O problema de pesquisa foi identificar se as práticas de protagonismo ambiental relacionadas à arborização realizadas por diferentes atores sociais estão inseridas em uma racionalidade ambiental. Assim, a pesquisa teve por objetivo investigar quais as motivações, saberes e fazeres envolvidos em práticas de arborização, promovidas por atores sociais em diferentes espaços. Foram utilizadas histórias orais e os critérios de análise foram emersos do processo. Os plantadores foram identificados por meio de reportagens da grande mídia, em uma comunidade no Facebook, denominada "Plantadores de Árvores" ou por meio de indicações. Foram selecionados plantadores residentes em pequena, média e grande mancha urbana. Há indícios, de acordo com os principais resultados, que parece haver relação entre a motivação central dos plantadores com a sensação de pertencimento à causa de plantar e que o entendimento das relações entre saberes e fazeres parece ser importante neste processo, além de que a prática possa ser preponderantemente masculina. Tais apontamentos sinalizam que a pluralidade de saberes, fazeres, culturas e ópticas estão presentes, constituindo indícios de uma racionalidade ambiental

Abstract: Western and capitalist society presents values ??such as patriarchy, the valorization of having to the detriment of being, consumerism, the elitism of scientific knowledge, the vision of being human on the fringes of nature, among others, that strongly affect the environment. A paradigm shift is urgently needed to counteract this movement. In this scenario, attention is drawn to actions of environmental protagonism, often carried out by individuals who are marginalized in society, with equally marginalized knowledges and practices that are central when we look at environmental conservation issues. Focusing on the practices of afforestation, we turn our attention to the study of the motivations that lead subjects to the planting of trees in public and private spaces, such as squares, vacant lots, banks of streams, areas of springs, among others, as well as knowledge and practices related to these practices. The research problem was to identify if the practices of environmental protagonism related to the afforestation carried out by different social actors are inserted in an environmental rationality. Thus, the research had as objective to investigate the motivations, knowledge and practices involved in afforestation practices, promoted by social actors in different spaces. Oral histories were used and the analysis criteria emerged from the process. The planters were identified through media reports in a Facebook community called "Tree Planters" or through nominations. Planters resident in small, medium and large urban areas were selected. There are indications, according to the main results, that there seems to be a relationship between the central motivation of planters with the sense of belonging to the cause of planting and that the understanding of the relations between knowledge and actions seems to be important in this process, may be predominantly male. Such notes indicate that the plurality of knowledges, practices, cultures and optics are present, constituting evidence of an environmental rationality
Subject: Educação ambiental
Meio ambiente
Arborização
Ecologia humana
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: NASCIBEM, Fábio Gabriel. Protagonismo ambiental em práticas de arborização: elementos motivacionais, saberes e fazeres de atores sociais. 2019. 1 recurso online (154 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Física Gleb Wataghin, Campinas, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:IFGW - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Nascibem_FabioGabriel_M.pdf1.5 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.