Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/333627
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Conhecimento, prática e atitude para diagnóstico e prevenção de doenças zoonóticas em pacientes imunodeprimidos atendidos no Hospital de Clínicas da Universidade Estadual de Campinas  
Title Alternative: Knowledge, practice and attitude for the diagnosis and prevention of zoonotic diseases in immunocompromised patients attended at the Clinical Hospital of the State University of Campinas  
Author: Pereira, Andréa de Lima Rodrigues Alves, 1985-
Advisor: Angerami, Rodrigo Nogueira
Abstract: Resumo: As zoonoses são definidas como infecções ou doenças infecciosas transmissíveis, sob condições naturais, de animais a seres humanos. Estima-se que 75% das doenças emergentes sejam de origem zoonótica. A crescente exposição do homem a diferentes animais, seja pelo convívio doméstico, pelo contato ocupacional ou alimentar, ressaltam os potenciais riscos de exposição, infecção e adoecimento por esse grupo de agravos de seres humanos, sobretudo os de maior vulnerabilidade como os pacientes imunodeprimidos. Dentro da lógica da Saúde Única (One Health) distintas estratégias de prevenção e controle das zoonoses se fazem necessárias. Neste contexto, o objetivo principal do presente estudo é identificar entre pacientes imunodeprimidos e equipes de profissionais da saúde responsáveis pelo atendimento desse grupo de indivíduos o nível de conhecimento acerca dos riscos e adesão a estratégias de prevenção de doenças zoonóticas. Para tanto, foi realizado um estudo transversal, descritivo, avaliando, por meio de análise de prontuários e entrevistas com questionários estruturados, os conhecimentos e práticas sobre zoonoses (riscos, medidas de prevenção e proteção) de dois grupos de pacientes imunodeprimidos - um de transplantados hepáticos e outro de pacientes vivendo com HIV/aids - e os respectivos profissionais de saúde responsáveis pelo atendimento/seguimento clínico ambulatorial. Verificou-se que uma parcela significativa de pacientes imunodeprimidos estudados - independentemente de sexo, faixa etária, ocupação, local de residência, grau de imunossupressão, tempo de diagnóstico - desconhecia os riscos das zoonoses, mas apresentava exposição, sobretudo em ambiente doméstico, a animais - notadamente cães e gatos - que podem atuar - enquanto reservatórios e/ou hospedeiros - como fontes de infecções zoonóticas. A mídia, mais que profissionais da saúde e médicos veterinários, se mostrou a principal fonte de informação sobre as doenças zoonóticas para os pacientes. Todos os profissionais da saúde na equipe multidisciplinar atuam como fonte de informações acerca tanto dos riscos de infecção quanto das medidas de prevenção e proteção em relação às zoonoses. No entanto, uma parcela de profissionais desconhece potenciais associações entre zoonoses específicas e respectivos animais reservatórios/hospedeiros e não inclui a oferta de informações sobre riscos, prevenção e proteção individual na prática clínica. Em conclusão, diante dos riscos identificados de infecções zoonóticas aos quais estão expostos indivíduos imunodeprimidos, se faz necessário a adoção de medidas que qualifiquem e potencializem uma abordagem multidisciplinar, envolvendo tanto profissionais da saúde humana quanto médicos veterinários

Abstract: Zoonoses are defined as infectious or transmissible infectious diseases, under natural conditions, from animals to humans. It is estimated that 75% of emerging diseases are of zoonotic origin. The increasing exposure of humans to different animals, whether through domestic contact, occupational or food contact, highlights the potential risks of exposure, infection and illness by this group of human diseases, especially those of greater vulnerability such as immunodepressed patients. Within the logic of the One Health, different strategies of prevention and control of zoonoses are necessary. In this context, the main objective of the present study is to identify among immunocompromised patients and teams of health professionals responsible for providing medical care to this group of patients the level of knowledge about the risks and adherence to zoonotic disease prevention strategies. A descriptive cross-sectional study was carried out, evaluating the knowledge and practices on zoonoses (risks, prevention and protection measures) of two groups of immunosuppressed patients - one from liver transplants and the other from patients living with HIV/aids - and the respective health professionals responsible for the care / outpatient clinical follow-up. A significant number of immunocompromised patients - irrespective of sex, age, occupation, place of residence, degree of immunosuppression, time of diagnosis - were unaware of the risks of zoonoses but exhibited, mainly in the domestic environment, animals - especially dogs and cats - that can act as reservoirs or hosts - as sources of zoonotic infections. The media, more than health professionals and veterinarians, have proven to be the main source of information on zoonotic diseases. All health professionals in the multidisciplinary team act as a source of information about both the risks of infection and the prevention and protection measures related to zoonoses. However, a number of health professionals do not know potential associations between specific zoonoses and their reservoir/host animals and does not include the provision of information on risks, prevention and individual protection in clinical practice. In conclusion, in view of the identified risks of zoonotic infections to which immunocompromised individuals are exposed, it is necessary to adopt measures that qualify and potentiate a multidisciplinary approach, involving both human health professionals and veterinarians
Subject: Zoonoses
Imunidade
HIV
Transplante
Saúde única
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: PEREIRA, Andréa de Lima Rodrigues Alves. Conhecimento, prática e atitude para diagnóstico e prevenção de doenças zoonóticas em pacientes imunodeprimidos atendidos no Hospital de Clínicas da Universidade Estadual de Campinas  . 2019. 1 recurso online (89 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP.
Date Issue: 2019
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Pereira_AndreaDeLimaRodriguesAlves_M.pdf2.18 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.