Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/331353
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Expressão e autonomia através de interfaces assistivas e jogos digitais : uma perspectiva cartográfica
Title Alternative: Expression and autonomy through assistive interfaces and digital games : a cartographic perspective
Author: Araújo, Daniel Paz de, 1977-
Advisor: Hildebrand, Hermes Renato, 1954-
Abstract: Resumo: Indivíduos que possuem graves limitações motoras ou cognitivas raramente têm oportunidade de vivenciar experiências plenas, em que possam se expressar autonomamente ao tomarem suas próprias decisões. Neste contexto, busquei identificar possibilidades de desenvolvimento de interfaces assistivas que oferecessem condições necessárias para este tipo de experiência a um grupo de jovens alunos em situações restritivas. O objetivo está voltado a oferecer uma interface interativa que possibilite a estes sujeitos experimentarem a autonomia na tomada de decisões e a reflexão sobre os efeitos causados, permitindo que tenham total controle sobre o ambiente, o que não ocorre no mundo real devido às suas condições de dependência de terceiros. Para tal, integrei um equipamento de leitura de pupila com um jogo Pong, ambos assistivos, elementos, propondo, implementando e testando melhorias na interatividade e balanceamento do jogo. Este projeto emergiu a partir de uma pesquisa sobre tecnologias assistivas comunicacionais, no momento que identifiquei a relevância da autonomia e necessidade de expressão para o grupo de foco. Assim, sem uma predefinição dos objetivos e atividades a serem realizadas, esta pesquisa não teve planejamento formal nem conclusão, sendo voltado para o processo de construção e avaliação da interface. Por este motivo, optei pelo Método Cartográfico como metodologia de pesquisa, pela perspectiva dinâmica aderente ao processo de design que realizei. Assim, defini um conjunto de dispositivos cartográficos a serem aplicados na pesquisa como mecanismo para apoiar a avaliação do processo. O conjunto tríade de dispositivos que proponho permite o acompanhamento do decurso do trabalho pelas óticas de seus Valores, Princípios e Práticas, e foram posteriormente desdobradas de maneira dicotômica para suportar sua aplicação. A interface assistiva articulada com o jogo posteriormente polido e balanceado se mostraram oportunas para criar o ambiente autônomo, independente das restrições motoras do grupo de foco. Da mesma forma, os dispositivos cartográficos que proponho apresentaram compatibilidade com o Método Cartográfico e promoveram a explicitação dos elementos envolvidos no complexo processo da pesquisa

Abstract: Individuals who have a severe motor or cognitive limitations rarely have the opportunity to experience full experiences in which they can express themselves autonomously when making their own decisions. In this context, I tried to identify possibilities for the development of assistive interfaces that offered the necessary conditions for this type of experience to a group of young students in restrictive situations. The objective is to provide an interactive interface that enables these subjects to experience autonomy in decision making, and reflection on the effects caused, allowing them to have total control over the environment, which does not occur in the real world due to their conditions of dependence. For that, I integrated a pupil reading equipment with a Pong game, both assistive, elements, proposing, implementing and testing improvements in interactivity and game balancing. This project emerged from the research on communicational assistive technologies, at which point I identified the relevance of the autonomy and need for expression for the focus group. Thus, without a preset of the objectives and activities to be carried out, this research did not have formal planning nor conclusion, being directed to the process of construction and evaluation of the interface. For this reason, I opted for the Cartographic Method as research methodology, for the dynamic perspective adherent to the design process that I performed. Thus, I defined a set of cartographic devices to be applied in the research as a mechanism to support the evaluation of the process. The trial set of tools that I propose allows the follow-up of the course of work through the optics of its Values, Principles, and Practices, and were later deployed in a dichotomous way to support its application. The assistive interface articulated with the game later polished and balanced were shown to be opportune to create the free environment, independent of the motor restrictions of the focus group. In the same way, the cartographic devices that I propose presented compatibility with the Cartographic Method and promoted the explicitation of the elements involved in the complex process of the research
Subject: Arte e tecnologia
Inclusão digital
Jogos eletrônicos
Interfaces (Computador)
Interfaces de usuário (Sistema de computador)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: ARAÚJO, Daniel Paz de. Expressão e autonomia através de interfaces assistivas e jogos digitais: uma perspectiva cartográfica. 2018. 1 recurso online (103 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Artes, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/331353>. Acesso em: 3 set. 2018.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:IA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Araujo_DanielPazDe_D.pdf2.67 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.