Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/331336
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Indicações clínicas, variações com a idade e proporção entre os eletrólitos do teste de suor para o diagnóstico de fibrose cística
Title Alternative: Clinical indications, variations with age and proportion between sweat test electrolytes for the diagnosis of cystic fibrosis
Author: Faria, Alethea Guimarães, 1976-
Advisor: Ribeiro, José Dirceu, 1952-
Abstract: Resumo: Apesar da busca constante de um biomarcador único de alta especificidade e sensibilidade, o teste do suor (TS), desde sua implantação e padronização, há 69 anos, por Gibson & Cooke em 1959, continua sendo o padrão ouro para o diagnóstico de fibrose cística (FC). Acredita-se que graus variados de disfunção da proteína CFTR de acordo com o comprometimento molecular causado pelas mutações no gene CFTR sejam a as principais determinantes da concentração dos níveis de cloreto de suor. Além disso, a concentração de eletrólitos no TS pode variar de acordo com a variabilidade individual, idade, sexo e fatores ambientais. Apesar dos avanços no campo da biologia molecular com mais de 2.000 mutações identificadas do CFTR, a associação das mutações com os resultados do TS ainda não está bem esclarecida. Objetivo: Apresentar e discutir três estudos relacionados ao TS em três situações: (1) qualidade do exame do TS pela proporção entre os íons cloreto e sódio no exame; (2) variação no valor do cloreto no suor de acordo com a idade; (3) análise descritiva do TS e associação do mesmo com indicações, dados epidemiológicos, mutações do CFTR, assim como, a correlação entre as concentrações de cloreto e sódio. Métodos: Os estudos foram desenvolvidos por modelos retrospectivos e descritivos com variáveis obtidas do banco de dados do Centro de Referência em FC da Unicamp dos últimos 30 anos. A inclusão dos indivíduos foi baseada nos dados clínicos relacionados a indicação do exame de TS e para aqueles nos quais se conhecia as mutações do CFTR. Resultados: Foram obtidas e analisadas 5.721 amostras do TS. Estudo 1: considerando a qualidade do TS pela diferença entre os níveis de cloro e sódio, o exame foi realizado corretamente em 5.023/5.692 (88,2%) das amostras, e em 669/5.692 (11,8%), incorretamente. As amostras foram agrupadas de acordo com os níveis de cloreto no TS (mEq/L): (i) < 30: 3.651/5.692 (64,1%); (ii) ? 30 a < 40: 652/5.692 (11,5%); (iii) ? 40 a < 60: 673/5.692 (11,8%); (iv) ? 60: 716/5.692 (12,6%). Estudo 2: houve variação do cloreto no suor com a idade, sendo que nos pacientes com FC, os níveis de cloreto no TS aumentaram no primeiro ano de vida e, a partir do segundo ano de vida, reduziram gradualmente. Estudo 3: a associação do TS com dados epidemiológicos mostrou que os sintomas digestivos apresentaram maior razão de prevalência para o diagnóstico de FC, assim como, associação entre indivíduos mais jovens e valores mais elevados de cloreto no suor. A indicação de TS devido a sintomas respiratórios foi maior nos pacientes com idade entre seis meses e 18 anos. O sexo, idade e mutações do CFTR alteram os valores do TS. Conclusões: Os resultados do TS mostraram variabilidade dependente da idade, sexo, razão para a indicação do exame, mutações do CFTR e peso da amostra. A concentração de sódio no suor está correlacionada com os níveis de cloreto e pode ser usada como parâmetro de qualidade no TS

Abstract: Despite the constant search for a unique biomarker of high specificity and sensitivity, sweat test (ST) since its implantation and standardization 69 years ago by Gibson & Cooke in 1959, continued the standard for the diagnosis of cystic fibrosis (CF). It is believed that varying degrees of CFTR protein dysfunction according to the molecular impairment caused by mutations of CFTR gene are the main determinants of the concentration of sweat chloride levels. In addition, the concentration of ST electrolytes may vary according to individual variability, age, gender, and environmental factors. Despite advances in the field of molecular biology with more than 2,000 CFTR mutations identified, an association of mutations with ST results is still unclear. Objective: To present and discuss three studies related to ST in three situations: (1) quality of ST examination by proportion of chloride and sodium ions in the exam; (2) change in the value of chloride in sweat according to age; (3) descriptive analysis of ST and its association with indications, epidemiological data, CFTR mutations, as well as a correlation between chloride and sodium concentrations. Methods: The studies were developed by retrospective and descriptive models with variables obtained from the database of the Reference Center in CF from Unicamp, including the data from the last 30 years. The subjects inclusion was based on the clinical data related to the ST exam indication and for those in whom the CFTR mutations were known. Results: We analyzed 5,721 ST samples. Study 1: considering the ST quality by the difference between chloride and sodium levels, the test was performed correctly in 5,023/5,692 (88.2%) of the samples, and in 669/5,692 (11.8%), incorrectly. The samples were clustered according to the levels of chloride (mEq/L) in ST: (i) < 30: 3,651/5,692 (64.1%); (ii) ? 30 at < 40: 652/5,692 (11.5%); (iii) ? 40 at < 60: 673/5,692 (11.8%); (iv) ? 60: 716/5,692 (12.6%). Study 2: there was variation of the chloride in the sweat with the age. In the group of patients with CF, the chloride levels in the ST increased in the first year of life and, from the second year of life, gradually reduced. Study 3: the association of ST with epidemiological data showed that digestive symptoms had a higher prevalence rate for the diagnosis of CF, as well as, association between younger individuals and higher values ??of chloride in sweat. The indication of ST due to respiratory symptoms was higher in patients aged between six months and 18 years. It was observed that sex, age and CFTR mutations alter ST values. Conclusions: The ST variability showed values depending on age, sex, indication to perform of the test, CFTR mutations and sample weight. The concentration of sodium in sweat is correlated with chloride levels and can be used as a quality parameter in ST
Subject: Suor
Cloreto de sódio
Diagnóstico
Fibrose cística
Language: Multilíngua
Editor: [s.n.]
Citation: FARIA, Alethea Guimarães. Indicações clínicas, variações com a idade e proporção entre os eletrólitos do teste de suor para o diagnóstico de fibrose cística. 2018. 1 recurso online (95 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/331336>. Acesso em: 3 set. 2018.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Faria_AletheaGuimaraes__D.pdf6.54 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.