Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/331237
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Representação da morte na arte contemporânea : um olhar para os retratos como "vanitas"
Title Alternative: Representation of death in contemporary art : a look at portraits as "vanitas"
Author: Ribeiro, Thiago Fernandes, 1986-
Advisor: Farina, Mauricius Martins, 1961-
Abstract: Resumo: Esta proposta de pesquisa toma por base parte de minha produção visual, buscando tentar compreender as eventuais relações e os respectivos desdobramentos ao verificar as formas de como a morte é, foi e pode ser representada na arte. Seu desenvolvimento se dá a partir da produção de uma série de imagens radiográficas de crânios, além da análise sobre a representação da morte na história da arte, mais especificamente sobre "vanitas", verificando-se, assim, as possibilidades de aproximação do tema com a minha poética que permeia o retrato. Na produção contemporânea, as relações existentes entre o retrato ¿ fotográfico ou pictórico ¿ como um "memento mori" remetem-nos às fragilidades e vulnerabilidades do tempo e da morte. O crânio representa essa ponte de um "memento mori" que se encontra em meus trabalhos: retratos que são um símbolo das "vanitas", ou mesmo a quase dissecação do rosto, aparente através das radiografias. Os trabalhos estão divididos em três séries: as radiografias apresentadas em (Des)Figuração, as gravuras da série Impressão Radiográfica e as cianotipias da série Crânio Revelado. Este texto percorre um traçado histórico, desde a tradição da "vanitas" até a arte contemporânea e de como este caminho se relaciona com a minha poética visual, ampliando de forma teórica e prática essas relações, juntamente com seus aspectos formais e simbólicos

Abstract: This research proposal will take as a basis part of my visual production, possible relationships and their consequences to understand the ways of how death is, has been and can be represented in art. Its development happens in the form of a production of a series of radiographic images of skulls, in addition to the analysis of the representation of death in the history of art, more specifically about "vanitas", as well, the theme¿s approximation within my portrait based poetic work. In contemporary production, the existing relations between the ¿ photographic or pictorial portrait ¿ as a "memento mori" refer us to the weaknesses and vulnerabilities of time and death. The skull represents a bridge that is a "memento mori" in my works: pictures that are a symbol of "vanitas", or even almost face dissections, apparent through the x-rays. The works are divided into three series: x-rays presented in (Des)Figuration [(Des)Figuração], the engravings of Radiographic Imprint [Impressão Radiográfica] series, the cyanotype series Skull Revealed [Crânio Revelado]. This text provides a historical path, going though since the tradition of "vanitas" to contemporary art and how this relates to my visual poetic, broadening the theoretical and practical form of those relationships, along with their formal and symbolic aspects
Subject: Vanitas (Arte)
Arte e radiografia
Retratos
Morte na arte
Morte - Aspectos simbólicos
Arte contemporânea - Séc. XXI
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: RIBEIRO, Thiago Fernandes. Representação da morte na arte contemporânea: um olhar para os retratos como "vanitas". 2018. 1 recurso online ( p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Artes, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/331237>. Acesso em: 3 set. 2018.
Date Issue: 2018
Appears in Collections:IA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ribeiro_ThiagoFernandes_M.pdf12.13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.