Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/331103
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Pluviosidade e limiares de estabilidade : uma revisão para a Região Metropolitana da Baixada Santista
Title Alternative: Raifall and stability thresholds : a review for the Metropolitan Region of Baixada Santista
Author: Santos, Beatriz Barbi de Oliveira, 1989-
Advisor: Nunes, Luci Hidalgo, 1961-
Abstract: Resumo: Esta pesquisa apresenta uma proposta de avaliação do comportamento dominante da pluviosidade na Região Metropolitana da Baixada Santista ¿ RMBS, por meio da análise da distribuição espacial e temporal dos eventos pluviométricos e seus impactos no período compreendido entre 1980 e 2015. Não foi possível determinar a existência de padrões temporais lineares de aumento ou redução da pluviosidade na análise dos totais anuais, embora seja possível observar que ocorreram mais chuvas abaixo da média geral do período desde o ano 2000, com grandes picos positivos, o que assinala aumento na variabilidade. No setor central e especialmente ao norte da Baixada Santista, onde está localizado o município de Bertioga, foram encontrados os montantes mais elevados de precipitação, em seus totais, máximas e mínimas de precipitação. Foi observada manutenção da tendência de concentração pluviométrica nos meses de dezembro a março, embora tenha sido possível verificar o prolongamento do período mais úmido até abril em alguns municípios. Foram obtidos resultados interessantes a partir da aplicação do Coeficiente de Variação (CV): houve similaridade na variabilidade entre os municípios no setor sul da RMBS, como Itanhaém, Mongaguá e Peruíbe; já no setor central Cubatão e São Vicente apresentaram índices similares; Guarujá, Santos e Praia Grande também apresentaram índices homogêneos com relação à variabilidade no litoral central e Bertioga permaneceu como uma unidade heterogênea que apresentou totais pluviométricos e variabilidades bastante distintas do restante dos municípios. Foi realizada aplicação de duas técnicas estatísticas para estimar os episódios extremos, ou seja, eventos que ocorreram fora do padrão habitual. A classificação em quantis demonstrou ser mais sensível em sua aplicação que o grau de anomalia obtido a partir dos valores de chuva padronizados. A aplicação do Índice de Mudança (IM) sinalizou que não há tendência de aumento dos totais pluviométricos anuais, mas os resultados encontrados avaliados em conjunto com o Coeficiente de Variação (CV), são indicativos de aumento da variabilidade intra anual e ocorrência de episódios de chuva cada vez mais concentrados, o que tende a contribuir para o aumento dos impactos à população. Sob a perspectiva dos impactos, foi avaliada a correlação entre a ocorrência de eventos pluviométricos e impactos que frequentemente afetam Santos (movimentos gravitacionais de massa) a partir da aplicação da técnica de envoltória desenvolvida por Tatizana et al (1987), com o objetivo de estimar os limiares de estabilidade locais decorrentes de precipitação acumulada. Essa técnica foi adaptada para o município de Santos e testada com três critérios diferentes para acumulados de chuva em 24, 48 e 72 horas. Os resultados demonstraram que há maior correlação entre precipitação e movimentos de massa quando consideramos um acumulado de chuva de 75,0 mm em 48 horas (critério "A", correlação de 0,36). Adicionalmente aos movimentos de massa, inundações e danos em imóveis decorrentes de precipitações intensas também se destacam como os impactos mais recorrentes segundo o banco de dados utilizado

Abstract: This research presents a proposal for evaluating the dominant behavior of rainfall in the Metropolitan Region of Baixada Santista - RMBS, through the analysis of the spatial and temporal distribution of raifall events and their impacts in the period between 1980 and 2015. It was not possible to determine the existence of linear temporal patterns of increase or reduction of rainfall in the analysis of annual totals, although it is possible to observe that there were more rains below the general average of the period since 2000, with large positive peaks, which indicates an increase in variability. In the central sector and especially to the north of the Baixada Santista, where the municipality of Bertioga is located, the highest amounts of precipitation were found, in their total, maximum and minimum precipitation. The pluviometric concentration trend was observed in the months of December to March, although it was possible to verify the prolongation of the wetter period up to April in some municipalities. Interesting results were obtained from the Coefficient of Variation (CV) application: there was similarity in the variability among the municipalities in the southern sector of the RMBS, such as Itanhaém, Mongaguá and Peruíbe; already in the central sector Cubatão and São Vicente presented similar indexes; Guarujá, Santos and Praia Grande also presented homogeneous variability in the central coast and Bertioga remained as a heterogeneous unit that presented pluviometric totals and variabilities quite different from the rest of the municipalities. Two statistical techniques were applied to estimate the extreme episodes, that is, events that occurred outside the usual pattern. The statistical technique of quantiles was more sensitive in its application than the degree of anomaly obtained from standardized rainfall values. The application of the Index of Change (IC) indicated that there is no tendency to increase annual rainfall totals, but the results found together with the Coefficient of Variation (CV) are indicative of increased intra-annual variability and occurrence of increasingly concentrated, which tends to contribute to the increase of the impacts to the population. From the perspective of impacts, the correlation between the occurrence of pluviometric events and impacts that frequently affect Santos (mass movements) from the application of a technique witch associate daily accumulated rainfall with the total amount that triggered landslides in the past (TATIZANA et al, 1987), with the objective of estimating the local stability thresholds due to accumulated precipitation. This technique was adapted for the municipality of Santos and tested with three different criteria for accumulated rainfall in 24, 48 and 72 hours. The results showed that there is a greater correlation between precipitation and mass movements when we consider a rainfall accumulation of 75.0 mm in 48 hours (criterion "A", correlation of 0.36). In addition to the mass movements, floods and damage to real estate due to heavy rainfall, they also stand out as the most recurrent impacts according to the database
Subject: Chuvas
Banco de dados
Estabilidade
Baixada Santista (SP) - Aspectos ambientais
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: SANTOS, Beatriz Barbi de Oliveira. Pluviosidade e limiares de estabilidade: uma revisão para a Região Metropolitana da Baixada Santista. 2017. 1 recurso online (125 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/331103>. Acesso em: 3 set. 2018.
Date Issue: 2017
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Santos_BeatrizBarbiDeOliveira_M.pdf3.83 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.