Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/331060
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.CRUESPUNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINASpt_BR
dc.descriptionOrientador: Maria Suely Kofespt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanaspt_BR
dc.format.extent1 recurso online (372 p.) : il., digital, arquivo PDF.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relation.requiresRequisitos do sistema: Software para leitura de arquivo em PDFpt_BR
dc.typeTESE DIGITALpt_BR
dc.title"Vida de filho de criação" na Zona da Mata de Minas Geraispt_BR
dc.title.alternative"Filho de criação life" in Zona da Mata, Southeast of Minas Geraispt_BR
dc.contributor.authorAzevedo, Priscila Gomes de, 1981-pt_BR
dc.contributor.advisorKofes, Suely, 1949-pt_BR
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual de Campinas. Instituto de Filosofia e Ciências Humanaspt_BR
dc.contributor.nameofprogramPrograma de Pós-Graduação em Ciências Sociaispt_BR
dc.subjectFilhos de criaçãopt_BR
dc.subjectFamíliapt_BR
dc.subjectNarrativaspt_BR
dc.subjectSocializaçãopt_BR
dc.subject.otherlanguageFoster childrenen
dc.subject.otherlanguageFamilyen
dc.subject.otherlanguageNarrativesen
dc.subject.otherlanguageSocializationen
dc.description.abstractResumo: Este trabalho procura acessar e compreender as formas morais e costumeiras por meio das quais os habitantes da Zona da Mata de Minas Gerais reconhecem os filhos de criação e estabelecem o imaginário dos princípios e regras que lhes define o perfil da própria identidade e a gramática dos relacionamentos. Filho de criação é a categoria nativa utilizada para se referir a pessoas que foram dadas, ainda bebês ou durante a infância, pela família consanguínea para outra família criar. O desempenho de algumas funções para a família de criação e a divisão sexual destas funções estruturam a prática de pegar para criar. A família de criação apresenta a criança acolhida como filho de criação, como se fosse da família, suprimindo qualquer diferença com relação aos filhos consanguíneos. Contudo, apenas os filhos consanguíneos têm direito ao estudo de modo sistemático, têm tempo livre para brincadeiras, passeiam, viajam, namoram, trabalham fora de casa, se casam etc. A vida de filho de criação é dedicada desde a mais tenra idade ao cuidado da casa e dos pais. A articulação da pesquisa etnográfica e de narrativas biográficas revelou o cuidado dos pais até a morte como uma espécie de missão que o filho de criação deve cumprir em retribuição à "dádiva da vida" que o acolhimento representa para ser reconhecido socialmente e, no limite, merecer a graça divina da salvaçãopt
dc.description.abstractAbstract: This study aims at access and understanding of the moral and customary ways by means of which the inhabitants of Zona da Mata in the southeast of Minas Gerais recognise filhos de criação and establish the imaginary of principles and rules which defines the profile of their own identity and the grammar of relationships. Filho de criação is the native category used to refer to people who have been given, even babies or during childhood, by the inbred family to another family to be raised. The performance of some roles by the foster family and the sexual division of these roles structure the practice of pegar para criar (picking a child to raise). The foster family introduces the welcomed child as being part of the family suppressing any differences between them and the inbred children. However, only inbred children are entitled to systematic schooling, have free time to play, walk, travel, date, work outside home, get married etc. The life of a filho de criação is dedicated from a very early age to take care of the house and their parents. The articulation of ethnographic research and biographical narratives revealed this parent care till death as a sort of mission that filhos de criação must comply with in return to the "gift of life" that this welcoming represents so as to be socially recognized and, at the limit, to deserve the salvation by graceen
dc.publisher[s.n.]pt_BR
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.citationAZEVEDO, Priscila Gomes de. "Vida de filho de criação" na Zona da Mata de Minas Gerais. 2017. 1 recurso online (372 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/331060>. Acesso em: 3 set. 2018.pt_BR
dc.description.degreelevelDoutoradopt_BR
dc.description.degreedisciplineCiencias Sociaispt_BR
dc.description.degreenameDoutora em Ciências Sociaispt_BR
dc.contributor.committeepersonalnameVandenberghe, Fredericpt_BR
dc.contributor.committeepersonalnameComerford, John Cunhapt_BR
dc.contributor.committeepersonalnameManica, Daniela Tonellipt_BR
dc.contributor.committeepersonalnameRodrigues, Carolina Cantarinopt_BR
dc.date.defense2017-12-18T00:00:00Zpt_BR
dc.description.sponsordocumentnumber11836-13-0pt_BR
dc.date.available2018-09-03T07:36:46Z-
dc.date.accessioned2018-09-03T07:36:46Z-
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2018-09-03T07:36:46Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Azevedo_PriscilaGomesDe_D.pdf: 4479771 bytes, checksum: ef5c74f03f400994a8ba2634b6cfee58 (MD5) Previous issue date: 2017en
dc.identifier.urihttp://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/331060-
dc.description.sponsorCAPESpt_BR
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Azevedo_PriscilaGomesDe_D.pdf4.37 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.