Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/330532
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Tornar-se cirurgiã no Brasil : um estudo sobre a construção das disposições de gênero quanto à aspiração profissional e à escolha da especialidade médica
Title Alternative: To become a woman surgeon in Brazil : a study on the construction of gender dispositions regarding professional aspirations and choice of medical specialty
Author: Avila, Rebeca Contrera, 1965-
Advisor: Almeida, Ana Maria Fonseca de, 1963-
Abstract: Resumo: Esta tese teve como objetivo promover um maior entendimento sobre o processo de construção da identidade médica em articulação com a "socialização de gênero" que leva à interiorização de disposições quanto às aspirações profissionais e à escolha da especialidade médica por parte das mulheres egressas do curso de Medicina no Brasil. Os esforços de pesquisa foram direcionados, primeiramente, para o estudo da trajetória de formação de residentes e cirurgiãs que ocupam posições estatisticamente improváveis para mulheres. Ao mesmo tempo, tentou-se entender as razões por trás das escolhas que levam muitas profissionais da medicina a se absterem das carreiras cirúrgicas. Fundamentada em estudos que buscam entender os determinantes da ação na construção das disposições individuais, a pesquisa articulou-se a partir de uma tríplice abordagem metodológica: (i) entrevistas com estudantes de Medicina, residentes e cirurgiãs em diferentes níveis da hierarquia do processo de formação e de inserção profissional; (ii) observação de caráter etnográfico em hospitais-escola nos quais algumas residentes e docentes de cirurgia foram acompanhadas em diferentes espaços do processo de formação; (iii) análise documental do relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito que investigou violações dos direitos humanos no cotidiano acadêmico de faculdades de Medicina localizadas no estado de São Paulo. A tese está estruturada em três partes. A primeira, examina o lugar ocupado pelas mulheres no campo da Medicina no Brasil por meio de um levantamento histórico-demográfico e de uma revisão bibliográfica que aborda as questões que envolvem a permanência da desigualdade de gênero na Medicina no atual contexto da feminização da profissão. A segunda, explora o lugar das práticas esportivas e de sociabilidade enquadradas pelas Atléticas como um espaço no qual também se dá o aprendizado de disposições importantes para a carreira. A terceira parte, por fim, examina os processos de formação enquadrados pelo currículo. Entre os resultados obtidos por essa pesquisa, sublinha-se a demonstração de como as relações de gênero contribuem para estruturar relações de poder que, por sua vez, atuam como uma das forças que contribuem para estruturar o acesso de homens e mulheres aos diferentes espaços nos quais se desenvolve a formação médica. Recorrente nas diferentes fases do curso, a clivagem de gênero acaba por influenciar significativamente a experiência de formação, contribuindo para definir padrões de escolha da especialidade que se perpetuam apesar do aumento recente da proporção de mulheres nos cursos de Medicina

Abstract: The aim of this thesis is to promote a greater understanding on the process of constructing the medical identity in conjunction to the "gender socialization" which interiorizes provisions regarding professional aspirations and the choice of a medical specialty among women who graduated from medical school in Brazil. The efforts of this project were mainly focused on the training trajectory of women residents and surgeons that occupy statistically unlikely positions for women. At the same time, the reasons behind the choices that make many women medical doctors abstain from surgical careers were addressed. Grounded in studies that seek to understand the determinants of action in the construction of individual dispositions, this project is articulated on a triple methodological approach: (i) interviews with women medical students, residents and surgeons in different hierarchy levels of the training process and professional insertion; (ii) ethnographic observation in academic hospitals where several women residents and surgery faculty were followed in different areas of the training process; (iii) documentary analysis of the final report issued by the Parliamentary Inquiry Commission that investigated violations of human rights in medical schools in the state of Sao Paulo. This thesis is structured in three parts. The first examines the place occupied by women in the field of medicine in Brazil through a historic-demographic review of the literature that addresses the issues involving gender inequality in medicine in the current context of feminization in this occupation. The second explores the importance of sports training and the sociability structured by athletic organizations as an environment where there is also learning about important provisions for the career. Finally, the third part examines the training process within the curriculum. One highlighted result obtained by this research is the demonstration of how gender relations contribute to structure power relationships. These in turn, act as one of the forces that structure the access of men and women to the different spaces in which medical training occurs. Recurrent in the different phases of medical school, the gender cleavage ultimately influences the training experience, helping to define patterns of specialty choice that are perpetuated despite the recent increase in the proportion of women in medical school
Subject: Sociologia da educação
Residentes (Medicina)
Medicina - Especialidades e especialistas
Educação médica
Editor: [s.n.]
Citation: AVILA, Rebeca Contrera. Tornar-se cirurgiã no Brasil: um estudo sobre a construção das disposições de gênero quanto à aspiração profissional e à escolha da especialidade médica. 2017. 1 recurso online (429 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/330532>. Acesso em: 2 set. 2018.
Date Issue: 2017
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Avila_RebecaContrera_D.pdf3.41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.