Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/330310
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Efeitos da manobra de recrutamento alveolar e da manobra de compressão e descompressão torácica em comparação a fisioterapia convencional em pacientes submetidos a cirurgia bariátrica por videolaparoscopia
Title Alternative: Effects of alveolar recruitment maneuver and thoracic compression and decompression maneuver in comparison to conventional physiotherapy in patients undergoing videolaparoscopic bariatric surgery
Author: Via, Fabiana Della, 1983-
Advisor: Dragosavac, Desanka, 1951-
Abstract: Resumo: Introdução: Pacientes submetidos à cirurgia bariátrica apresentam no pós-operatório uma frequente piora da função pulmonar favorecendo o desenvolvimento de complicações respiratórias como atelectasias e pneumonias. Objetivo: Avaliar e comparar o impacto da manobra de recrutamento alveolar (MRA) realizada no intraoperatório e da manobra de compressão e descompressão torácica (MCDT) realizada no pós-operatório com a fisioterapia convencional realizada no pós-operatório, na função pulmonar e incidência de complicações pulmonares pós-operatórias em pacientes submetidos à cirurgia bariátrica por videolaparoscopia. Método: Foi realizado estudo clínico, prospectivo, randomizado com 105 pacientes, divididos em três grupos: grupo controle (GC) submetidos à fisioterapia convencional no pós-operatório (n = 34), grupo manobra de recrutamento alveolar (GR) submetido à MRA no intraoperatório (n = 36) e grupo manobra de compressão e descompressão (GD) submetidos à MCDT no pós-operatório (n = 35). Foram analisadas variáveis espirométricas, respiratórias e hemodinâmicas. A manobra de recrutamento foi realizada com aumento progressivo da pressão positiva expiratória final até 20 cmH2O e da pressão inspiratória até 40 cmH2O. Resultados: Os grupos foram homogêneos em relação à idade, gênero e índice de massa corporal. No pós-operatório imediato houve piora nas medidas espirométricas nos três grupos estudados. Os GR e GD apresentaram melhor saturação periférica de oxigênio no pós-operatório imediato em comparação ao grupo controle. A frequência cardíaca e pressão arterial média não apresentaram alterações em nenhum grupo estudado. A mobilidade torácica no pós-operatório foi melhor no GD e nos pacientes que não apresentaram dor no pós-operatório. Conclusão: Os três grupos, GC submetido à fisioterapia convencional, GR submetido à manobra de recrutamento alveolar e o GD da manobra de compressão e descompressão torácica foram efetivos na prevenção de complicações respiratórias no pós-operatório

Abstract: Introduction: Patients undergoing bariatric surgery often present decrease of pulmonary function in the postoperative, favoring the development of respiratory complications such as atelectasis and pneumonia. Objective: To evaluate and compare the impact of the intraoperative alveolar recruitment maneuver (ARM) and the thoracic compression and decompression maneuver (TCDM) performed postoperatively with conventional postoperative physiotherapy on pulmonary function and the incidence of postoperative pulmonary complications in patients submitted to videolaparoscopic bariatric surgery. Method: A prospective, randomized clinical study was conducted with 105 patients divided into three groups: control group (CG) submitted to conventional postoperative physiotherapy (n = 34), alveolar recruitment group (RG) submitted to intraoperative alveolar recruitment (n = 36) and thoracic compression and decompression maneuver group (DG) submitted to TCDM in the postoperative (n = 35). Spirometric, ventilatory and hemodynamic variables were analyzed. The recruitment maneuver was performed with progressive increase in positive end expiratory pressure of 20 cmH2O and inspiratory pressure of 40 cmH2O. Results: The groups were homogeneous in relations to age, gender and body mass index. In the immediate postoperative there was worsening in the spirometric measurements in the three groups studied. RG and DG presented better peripheral oxygen saturation in the immediate postoperative compared to the CG. Heart rate and mean arterial pressure did not change in any of the studied groups. Postoperative thoracic mobility was better in the DG and in patients who did not present postoperative pain. Conclusion: The three groups: CG submitted to conventional postoperative physiotherapy, RG submitted to intraoperative alveolar recruitment, DG submitted to compression and decompression maneuver were effective in the prevention of postoperative respiratory complications
Subject: Obesidade mórbida
Cirurgia bariátrica
Atelectasia pulmonar
Fisioterapia
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2017
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
DellaVia_Fabiana_D.pdf1.62 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.