Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/32957
Type: Artigo de periódico
Title: Women and AIDS: gender relations and condom use with steady partners
Title Alternative: Mulheres e AIDS: relações de gênero e uso do condom com parceiro estável
Author: Hebling, Eliana Maria
Guimarães, Isaura Rocha Figueiredo
Abstract: An educational project on sexuality, STDs, and AIDS was conducted for four years with some 500 women. As a result, changes were observed in HIV-related knowledge and attitudes, but not in risk behaviors for infection. This fact motivated the development of a qualitative study to learn the reasons why women failed to incorporate HIV preventive behaviors into their daily lives. Six focus groups were conducted with women who had participated in the educational project. The analysis was thematic. Women were familiar with HIV transmission routes and preventive measures. They admitted not using condoms due to fear of being suspected of infidelity and because this might lead to separation of the couple. Women reported that relationships with their partners had been difficult because of lack of dialogue and that men always had the final word. Although women had information about AIDS, they did not use preventive measures in steady relationships because they did not wield decision-making power. Gender inequality and fidelity were two significant issues related to the increase in AIDS among women.
Um projeto educativo sobre sexualidade, DST e AIDS foi realizado durante quatro anos com cerca de quinhentas mulheres. Como resultado, houve mudanças em conhecimentos e atitudes em relação ao HIV, mas não em comportamentos de risco para a infecção. Isto motivou a realização de um estudo qualitativo para conhecer as razões pelas quais as medidas de prevenção de AIDS não são incorporadas ao cotidiano das mulheres. Foram realizados seis grupos focais com mulheres que haviam participado do projeto educativo citado. A análise foi temática. As mulheres citaram todas as vias de transmissão e prevenção de AIDS. Reconheceram que não usavam condom porque tinham medo de despertar suspeita de infidelidade e provocar a separação do casal. Relataram que a relação a dois era difícil por falta de diálogo e que a palavra final era sempre do homem. Apesar das mulheres terem informação e conhecerem os riscos, não usavam medidas preventivas em relacionamento estável porque não tinham poder de decisão. Relações desiguais de gênero e questões relacionadas à fidelidade foram apontadas como fatores que contribuem para a disseminação do HIV nas mulheres.
Subject: Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
Preservativos
Mulheres
Relações Entre os Gêneros
Acquired Immunodeficiency Syndrome
Condoms
Women
Gender Relations
Editor: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0102-311X2004000500014
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2004000500014
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2004000500014
Date Issue: 1-Oct-2004
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0102-311X2004000500014.pdf70.87 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.