Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/325789
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Comparação das taxas de fertilização in vitro de oócitos e o desenvolvimento embrionário utilizando duas técnicas de processamento seminal = Comparation of in vitro fertilization rates of oocytes and embryo development using two techniques of semen processing
Title Alternative: Comparation of in vitro fertilization rates of oocytes and embryo development using two techniques of semen processing
Author: Lopes, Ana Luiza Rossi de Castro, 1981-
Advisor: Bahamondes, Luis Guillermo, 1946-
Abstract: Resumo: Avaliar e comparar as taxas de fertilização de oócitos durante a fertilização in vitro (FIV) e a qualidade dos embriões obtidos com espermatozoides selecionados pela técnica de Sperm Selection Assay (SSA) with progesterone (P) versus com espermatozoides obtidos pela técnica de SSA sem P. MÉTODOS: Foi realizado um estudo randomizado duplo cego no período de Maio a Junho de 2017, comparando duas técnicas de capacitação espermática de pacientes submetidos ao tratamento de FIV na Huntington ¿ Centro de Medicina Reprodutiva. Foi usado como critério de inclusão mostras seminais com concentração espermática ? 25,0 milhões/mL e morfologia estrita de Kruger ?4% após realização do processamento da amostra. Consideramos critérios de exclusão mulheres com diagnóstico de endometriose Grau III e IV e amostras seminais que após o preparo não atingiram os parâmetros necessários. As amostras de sêmen foram obtidas por masturbação, após um período de 3 a 5 dias de abstinência sexual. A análise seminal foi feita de acordo com os critérios da Organização Mundial da Saúde, 2010. Em todos os casos, foram realizadas as técnicas de preparo seminal usando-se o gradiente descontínuo de densidade (Isolate, Irvine Scientific), e posteriormente a técnica de swim up. Após o preparo convencional, realizamos a técnica de SSA, com as amostras randomizadas previamente. O end point do estudo foi desenvolvimento embrionário no terceiro dia de desenvolvimento (D3), e analisamos a clivagem e formação de embriões Top Quality em D3, considerando embriões de 6 a 10 células, Grau 1 (Ausência de fragmentação). Foi realizada a técnica de ICSI para o procedimento de fertilização de todos os casos. RESULTADOS: Realizamos um total de 35 casos, sendo 19 casos no grupo com Progesterona e 16 casos no grupo de controle. A média de idade das pacientes foi 36.5 anos Todos os embriões foram cultivados sob as mesmas condições de cultivo. A taxa de formação de embriões Top Quality em D3 no grupo de controle foi de 48% e no grupo com P de 36.6%. CONCLUSÕES: A partir do presente estudo, não observamos diferenças nos resultados apresentados empregando-se as duas técnicas

Abstract: To evaluate and compare oocyte fertilization rates during in vitro fertilization (IVF) and the quality of the embryos obtained with spermatozoon selected using the sperm selection assay (SSA) technique with progesterone (P) compared to the same technique without P. METHODS: A double-blind randomized study with couples undergoing IVF was conducted between May to June 2017 to compare two sperm capacitation methods. Inclusion criteria consisted of sperm concentration ?25.0 x 106 and Kruger strict morphology ?4% following preparation of the semen sample. The exclusion criteria consisted of women with a diagnosis of stage 3 or 4 endometriosis and semen samples that failed to meet the required criteria following preparation. Semen samples were obtained by masturbation following a 3-5-day period of sexual abstinence and semen analysis was performed according to the 2010 World Health Organization guidelines. In all cases, the semen preparation techniques were performed using discontinuous density gradient (ISolate, Irvine Scientific, Santa Ana, CA) and the swim-up technique. Following randomization, the SSA technique was performed. The end-point of the study was embryo development on the third day (D3). Cleavage and formation of top-quality embryos were evaluated on D3, taking embryos of 6-10 cells, grade 1 (absence of fragmentation) into consideration. The intracytoplasmic sperm injection (ICSI) technique was the fertilization procedure used in all cases. RESULTS: Thirty-five couples were enrolled, 19 to the "P" group and 16 to the control group. The mean age of the female patients was 36.5 years. All the embryos were cultivated under the same culture conditions. The rate of top-quality embryo formation at D3 was 48% in the control group and 36.6% in the P group. CONCLUSIONS: No differences were found between the two techniques used in the present study
Subject: Fertilização in vitro
Espermatozóides
Análise do sêmen
Progesterona
Editor: [s.n.]
Citation: LOPES, Ana Luiza Rossi de Castro. Comparação das taxas de fertilização in vitro de oócitos e o desenvolvimento embrionário utilizando duas técnicas de processamento seminal = Comparation of in vitro fertilization rates of oocytes and embryo development using two techniques of semen processing. 2017. 1 recurso online (69 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/325789>. Acesso em: 2 set. 2018.
Date Issue: 2017
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Lopes_AnaLuizaRossiDeCastro_M.pdf7.22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.