Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/325444
Type: TESE DIGITAL
Title: Antecipação do conhecimento de propriedades da madeira utilizando ensaio em mudas = Early evaluation of wood properties using test os seedlings
Title Alternative: Early evaluation of wood properties using test os seedlings
Author: Lorensani, Rafael Gustavo Mansini, 1983-
Advisor: Gonçalves, Raquel, 1961-
Abstract: Resumo: A seleção antecipada de árvores é de grande interesse, tanto paras as empresas de papel e celulose, quanto para as que visam a utilização da madeira em estruturas, mobiliário ou outras aplicações. Essa antecipação permite acelerar os processos de melhora genética, bem como aqueles relacionados com o manejo florestal visando a melhoria da qualidade da madeira produzida. No entanto, para antecipar a seleção da madeira utilizando parâmetros que podem ser obtidos em árvores mais jovens ou até mesmo em mudas, é necessário conhecer como estes parâmetros se propagam com a idade e como eles se relacionam com propriedades de árvores de mais idade. Dentre as propriedades mensuráveis em mudas, estão as geométricas (diâmetro e altura), as físicas (densidade), as mecânicas (resistência e rigidez) e as acústicas (propagação de ondas) e, dentre as propriedades de interesse da madeira em árvores estão a densidade básica, a resistência e a rigidez. Assim, o objetivo principal da pesquisa foi analisar a viabilidade de obtenção de modelos que permitam predizer propriedades de interesse da madeira de árvores à partir de propriedades mensuráveis em mudas. Para atingir esse objetivo, primeiramente foi analisado o comportamento, com a idade, de propriedades mensuráveis em mudas. A pesquisa foi realizada utilizando 391 mudas e árvores provenientes de 3 clones comerciais de eucalipto e de 4 progênies de Pinus Pinaster, variando de 3 a 6 meses (mudas) até 72 meses (árvores). Dentro da faixa de variação de idade analisada, todos os parâmetros mensurados nas mudas apresentaram potencial para serem utilizados em modelo preditivo da antecipação da seleção genética de clones, mas o grau dessa antecipação não seria o mesmo. A velocidade de propagação de ondas de ultrassom foi a única propriedade que manteve, na idade de corte (6 anos), a coerência da diferenciação entre clones obtida ainda na muda. A resistência, a rigidez, o diâmetro e a altura mantiveram coerência desde 12 meses até a idade de corte, enquanto a densidade desde os 24 meses. O modelo de regressão múltipla mais adequado para a predição da rigidez da madeira da árvore envolveu a altura e a velocidade de propagação de ondas nas mudas. A predição do módulo de ruptura foi adequada com modelo de regressão simples, utilizando a relação entre o módulo de elasticidade e a resistência obtidos no ensaio de tração da muda. A densidade básica da madeira da árvore não pode ser predita por nenhum modelo envolvendo parâmetros obtidos em mudas das mesmas espécies

Abstract: The early selection of trees is of great interest, both for pulp and paper companies, as well as for those that use wood in structures, furniture or other applications. This anticipation allows to accelerate the processes of genetic improvement, as well as those related to the forest management aiming to improve the quality of the wood produced. However, to anticipate the selection of wood using parameters that can be obtained in younger trees or even in seedlings, it is necessary to know how these parameters propagate with age and how it is related with wood from trees. Among the properties measurable in seedlings are those geometrics (diameter and height), physics (density), mechanicals (strength and stiffness) and acoustics (propagation of waves) and, among properties of the wood in trees are the density, strength and stiffness. Thus, the main goal of this research was to analyze the feasibility of obtaining models that allow predicting tree wood properties from measurable properties in seedlings. To achieve this goal, the behavior with age of measurable properties in seedlings was first analyzed. The research was carried out using 391 seedlings and trees from three commercial eucalyptus clones and four progenies of Pinus Pinaster, varying from 3 to 6 months (seedlings) up to 72 months (trees). Within the analyzed range of age, all the parameters measured in the seedlings presented potential to be used in a predictive model to anticipate properties of wood from older trees, but the degree of this anticipation is not the same. The velocity of ultrasound waves was the only property that maintained, at the cutting age (6 years), the coherence of the differentiation between clones obtained still as seedling. The strength, stiffness, diameter and height maintained coherence from 12 months to the cutting age, while the basic density from 24 months. The most suitable multiple regression model for the prediction of the stiffness of the tree wood was that involving the height and the velocity of wave propagation on seedlings. The prediction of the modulus of rupture was adequate with a simple regression model, using the relation between the modulus of elasticity and the rupture strength obtained in seedling steam tension test. The basic wood density of the tree could not be predicted by any model involving parameters obtained in seedlings of the same species
Subject: Madeira
Densidade
Ondas ultrassônicas
Flexão (Engenharia civil)
Arvores - Mudas
Language: Inglês
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2017
Appears in Collections:FEAGRI - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Lorensani_RafaelGustavoMansini_D.pdf3.01 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.