Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/325354
Type: TESE DIGITAL
Title: Vení, vamos hamacar el mundo, hasta que te asustes = uma terapia do desejo de escolarização moderna = Venha, vamos balançar o mundo, até que você se assuste: uma terapia do desejo de escolarização moderna
Title Alternative: Venha, vamos balançar o mundo, até que você se assuste : uma terapia do desejo de escolarização moderna
Author: Osorio, Carolina Tamayo, 1988-
Advisor: Miguel, Antonio, 1953-
Abstract: Resumo: Cada forma de vida inventa modos de organizar a vida comunitária através da participação de seus membros numa multiplicidade de jogos de linguagem ou práticas culturais diferenciadas que mobilizam propósitos, crenças, saberes, valores, desejos, memórias e relações de poder. Dentre as diferentes formas de vida em interação no mundo, esta pesquisa focaliza a instituição escolar e, particularmente, a educação (matemática) que nela se processa. Partindo da constatação de que a educação escolar - e, por extensão, a educação matemática escolar - constituiu e constitui um problema para os Estados nacionais que a instalaram, após terem sido submetidos a processos de colonização. O propósito que orientou a escrita da tese foi o de descrever terapeuticamente aspectos do desejo de escolarização moderno a partir das diferentes significações que eles apresentam, tanto para a Comunidade indígena Gunadule de Alto Caimán (Colômbia) ¿ junto à qual realizamos o trabalho de campo que orienta a referida descrição terapêutica -, quanto para outras formas de vida a que fomos remetidos no percurso investigativo. Orientada por uma atitude terapêutico-desconstrucionista baseada em um diálogo ¿ ainda que em alguns aspectos tensional ¿ procuramos estabelecer entre os pensamentos de Ludwig Wittgenstein e de Jacques Derrida, procuraremos esclarecer e legitimar a nossa constatação de partida. Alinhando-nos à crítica desconstrucionista da tradição metafísica do pensamento ocidental realizada de modos distintos tanto por Wittgenstein quanto por Derrida, procuramos articular as impossibilidades de estar plenamente dentro ou inteiramente fora das formas de vida e questionar as instabilidades entre as supostas fronteiras que separam um dentro de um fora. A escrita da tese se dá sob a forma de um jogo ficcional de cenas que se transcorre em um espaço da comunidade Gunadule, com base em aspectos dos jogos de linguagem constitutivos do arquivo da pesquisa

Abstract: Each forms of life invents ways of organizing community life through the participation of its members in a multiplicity of language games or differentiated cultural practices that mobilize purposes, beliefs, knowledge, values, desires, memories and power relations. Among the different forms of life in interaction in the world, this research focuses on the school institution and, particularly, the education (mathematics) that takes place in it. Based on the observation that school education - and, by extension, school mathematics education - constituted and constitutes a problem for the national states that installed it, after having undergone colonization processes. The purpose of writing the thesis was to describe therapeutically aspects of the desire for modern schooling from the different meanings they present, both for the Gunadule Indigenous Community of Alto Caimán (Colombia) - where we performed the fieldwork that Directs the aforementioned therapeutic description - as well as other forms of life to which we have been referred in the course of research. Guided by a therapeutic-deconstructionist attitude based on a dialogue - albeit in some tensional aspects - we try to establish between the thoughts of Ludwig Wittgenstein and Jacques Derrida, we will try to clarify and legitimize our starting point. Aligning with the deconstructionist critique of the metaphysical tradition of Western thought carried out in different ways by both Wittgenstein and Derrida, we seek to articulate the impossibilities of being fully within or entirely outside life-forms and to question the instabilities between the supposed boundaries separating an inside from an outside. The writing of the thesis takes the form of a fictional set of scenes that takes place in a space of the Gunadule community, based on aspects of the language games constituting the archive of the research
Subject: Wittgenstein, Ludwig, 1889-1951
Derrida, Jacques, 1930-2004
Indisciplinaridade
Educação indígena
Educação matemática
Terapia gramatical
Desconstrução
Language: Espanhol
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2017
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Osorio_CarolinaTamayo_D.pdf12.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.