Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/325223
Type: Dossiê
Title: As Relações De Escopo Entre Tempo E Aspecto Em Línguas Indígenas Da Família Pano
Author: Paulo Henrique da Silva Pereira
Abstract: O objetivo do artigo é analisar, com base no modelo teórico da Gramática Discursivo-Funcional (Hengeveld e Mackenzie 2008), as formas de expressão das categorias de tempo e aspecto em línguas indígenas da família Pano (matis, shanenawa, shawã, arara, katukina, yawanawá e huariapano), considerando-se o princípio de ordenação dessas categorias gramaticais com relação ao predicado da oração, bem como as relações semânticas de escopo entre tais categorias quanto aos níveis e as camadas de organização da gramática. Como resultados, verificamos que a ordenação das categorias de tempo e aspecto nas línguas da amostra tende a respeitar as relações semânticas de escopo entre elas (Hengeveld 2011), mantendo o seguinte padrão: v(erbo)-a(specto)-t(empo)-m(odo). Notamos ainda que o aspecto qualitativo tende a se colocar mais próximo do predicado verbal, por funcionar como operador qualitativo, ao passo que o aspecto quantitativo tende a se posicionar um pouco mais distante do predicado, por funcionar como modificador do estado de coisas como um todo. Essas duas noções aspectuais estão, em geral, sob o escopo da categoria de tempo e a categoria de modo (ilocução), por sua vez, coloca-se mais distante da base, escopando tempo e aspecto.
Subject: Aspecto
Tempo
Línguas Indígenas Pano
Gdf
Hierarquias Implicacionais
Citation: LIAMES: Línguas Indígenas Americanas, v. 17, n. 2
Rights: aberto
Address: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/LIAMES/article/view/8649548
Date Issue: 2017
Appears in Collections:Unicamp - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.