Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/32472
Type: Artigo de periódico
Title: Desigualdade ambiental no município de São Paulo: análise da exposição diferenciada de grupos sociais a situações de risco ambiental através do uso de metodologias de geoprocessamento
Title Alternative: Desigualdad ambiental en el municipio de San Pablo: análisis de la exposición diferenciada de grupos sociales a situaciones de riesgo ambiental a través del uso de metodologías de geoprocesamiento
Environmental inequality in the City of São Paulo, Brazil: analysis of differential exposure of social groups to situations of environmental risk by using geoprocessing methodologies
Author: Alves, Humberto Prates da Fonseca
Abstract: This article represents an effort at making operational the concept of environmental inequality, in order to identify and analyze situations of environmental inequality in the City of São Paulo, Brazil, by using geoprocessing methodologies. The objective is to identify and measure the association between unfavorable socioeconomic conditions and greater exposure to environmental risks, by analyzing the level of risk exposure of different social groups in São Paulo. The results show that, in all social groups, people living in risky areas have much lower socioeconomic conditions than those who living in other places. The results also show that environmental inequality in São Paulo has been increasing in recent years.
Este trabalho procura operacionalizar empiricamente o conceito de desigualdade ambiental, para identificar e caracterizar situações de desigualdade ambiental no município de São Paulo, através da utilização de metodologias de geoprocessamento. O objetivo é verificar e medir a existência (ou não) de associação entre piores condições socioeconômicas e maior exposição ao risco ambiental. Assim, são analisados os diferentes grupos sociais expostos a situações de risco ambiental, no município de São Paulo. A hipótese é de que os riscos ambientais são distribuídos de maneira desigual entre os diferentes grupos sociais, assim como a renda e o acesso a serviços públicos. Para testar essa hipótese, realizou-se uma análise comparativa da dinâmica demográfica e socioeconômica entre as populações residentes em áreas de risco ambiental e aquelas não residentes nestes tipos de área, com base em uma tipologia da distribuição espacial dos habitantes do município de São Paulo em três grupos sociais (pobres, classe média e classe alta). Os resultados mostram que, em todos os grupos sociais, as populações residentes em áreas de risco ambiental apresentam condições socioeconômicas significativamente piores do que as não residentes nessas áreas. Os resultados também revelam um aumento da desigualdade ambiental, no período recente.
Este trabajo procura operacionalizar empíricamente el concepto de desigualdad ambiental, para identificar y caracterizar situaciones de desigualdad ambiental en el municipio de San Pablo, a través de la utilización de metodologías de geoprocesamiento. El objetivo es verificar y medir la existencia (o no) de asociación entre peores condiciones socioeconómicas y mayor exposición al riesgo ambiental. De esta forma, son analizados los diferentes grupos sociales expuestos a situaciones de riesgo ambiental, en el municipio de San Pablo. La hipótesis es que los riesgos ambientales son distribuidos de manera desigual entre los diferentes grupos sociales, así como el ingreso y el acceso a servicios públicos. Para comprobar esta hipótesis, se realizó un análisis comparativo de la dinámica demográfica y socioeconómica entre las poblaciones residentes en áreas de riesgo ambiental y aquéllas no residentes en estos tipos de área, con base en una tipología de la distribución espacial de los habitantes del municipio de San Pablo en tres grupos sociales (pobres, clase media y clase alta). Los resultados muestran que, en todos los grupos sociales, las poblaciones residentes en áreas de riesgo ambiental presentan condiciones socioeconómicas significativamente peores que las no residentes en esas áreas. Los resultados también revelan un aumento de la desigualdad ambiental, en el período reciente.
Subject: Desigualdade ambiental
Risco ambiental
Grupos sociais
Município de São Paulo
Populações em situação de risco
Geoprocessamento
Environmental inequality
Environmental risk
Social groups
São Paulo
Populations at risk
Geoprocessing
Editor: Associação Brasileira de Estudos Populacionais
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0102-30982007000200008
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-30982007000200008
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-30982007000200008
Date Issue: 1-Dec-2007
Appears in Collections:Unicamp - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0102-30982007000200008.pdf389.25 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.