Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/324319
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: As multifaces da relação universidade-sociedade e a construção do conceito de terceira missão
Title Alternative: The multiple facets of the of the university-society relationship and the construction of the third mission concept
Author: Gimenez, Ana Maria Nunes, 1968
Advisor: Bonacelli, Maria Beatriz Machado, 1962-
Abstract: Resumo: Diversos estudiosos têm reiteradamente afirmado que as universidades possuem um grande potencial para interagirem de forma mais intensa e duradoura com o seu entorno, assumindo um papel mais ativo na sociedade, para além das missões ensino e pesquisa. A terceira missão é justamente esta interface que liga a universidade de forma mais direta à sociedade a partir da disseminação do conhecimento e de todo um conjunto de relacionamentos que promovem a articulação das duas primeiras missões com o mundo exterior. Estes envolvimentos ocorrem em função do ensino e da pesquisa, bem como da estrutura física e das capacidades de conhecimento que as universidades dispõem. Assume-se que a terceira missão é constituída por três dimensões, a saber: inovação e transferência de tecnologia, educação continuada, compromisso social, que comportam um número bastante amplo de possibilidades de ação, definidas conforme o porte, o perfil, os recursos disponíveis, entre outros fatores. Em face dessas evidências, a tese trata da terceira missão da universidade, partindo-se do pressuposto de que esta temática ainda carece de elucidação e compreensão, não apenas do ponto de vista conceitual, mas principalmente no que se refere ao seu alcance. Essa falta de compreensão pode dificultar a formulação, aplicação e gerenciamento de políticas, programas e práticas relacionadas à terceira missão, o que justifica a presente pesquisa. O objetivo geral da tese voltou-se à análise da evolução do conceito de terceira missão, no mundo e no Brasil, levando-se em consideração concepções e práticas adotadas por universidades selecionadas. Interessou à pesquisa o estudo da relação universidade-sociedade, a partir de uma abordagem holística que possibilitasse uma visão multidimensional da relação universidade-sociedade. Foram enviados questionários a instâncias que conduzem a relação universidade-sociedade em universidades selecionadas da Europa, dos Estados Unidos da América Latina e do Brasil, com atenção especial à Unicamp. A tese apresenta um panorama da evolução dos papéis da universidade, das primeiras experiências com a extensão universitária até os envolvimentos com empreendedorismo, inovação, transferência de tecnologia, e o engajamento com demandas locais/regionais. Realizou-se também um estudo terminológico para compreensão dos conceitos atrelados aos principais termos comumente utilizados para expressar a relação universidade-sociedade: third mission, third stream, outreach, extensão, vinculación, engagement ¿ community e civic. Além da evolução do conceito de terceria missão, das concepções e práticas, a problemática estabelecida para esta pesquisa também visou apurar os principais desafios para a condução e consolidação dessa missão. Os resultados indicam que a falta de comunicação e de intercâmbio de informações, as visões estreitas da relação universidade-sociedade, as concepções estreitas da extensão universitária e da terceira missão, a ênfase em ações assistencialistas, estão entre as realidades que limitam e impedem o estabelecimento de uma compreensão holística da terceira missão na universidade brasileira. O desafio, portanto, é criar um ambiente propício à convivência harmônica e simbiótica das missões universitárias para que estas possam coevoluir, para que sejam enriquecidas e aperfeiçoadas, numa via de mão dupla

Abstract: Several scholars have repeatedly stated that universities have a great potential to interact more intensively and permanently with their surroundings, taking a more active role in society, in addition to teaching and research missions. The third mission is precisely this interface that connects the university more directly to society from the dissemination of knowledge and a whole set of relationships that promote the articulation of the first two missions with the outside world. These involve both teaching and research, as well as the physical structure and knowledge capacities that universities have. It is assumed that the third mission is made up of three dimensions: innovation and technology transfer, continuing education and social commitment, dimensions with a very wide range of possibilities for action, defined according to the profile, size, the available resources, the environment, among other factors. In the face of these evidences, the thesis deals with the third mission of the university, starting from the assumption that this theme still lacks elucidation and understanding, not only from the conceptual point of view, but as far as its scope is concerned. This lack of understanding can make it difficult to formulate, apply and manage policies, programs and practices related to the third mission, which justifies the present research. The general objective of the thesis was to analyze the evolution of the concept of third mission, in the world and in Brazil, taking into account conceptions and practices adopted by selected universities. The research was interested in the study of the university-society relationship, based on a holistic approach that allowed a multidimensional view of the university-society relationship. Questionnaires were sent to instances that lead the university-society relationship of selected universities in Europe, the United States of Latin America and Brazil, with special attention to Unicamp. The thesis presents an overview of the evolution of the university's roles, from the first experiences with university extension to engaging with entrepreneurship, innovation, technology transfer, and engagement with local / regional demands. A terminological study was also carried out to understand the concepts related to the main terms commonly used to express the university-society relationship: third mission, third stream, outreach, extension, linking, engagement - community and civic. Besides the evolution of the concept of third mission, conceptions and practices, the problem established for this research was also aimed at ascertaining the main challenges for the conduction and consolidation of this mission. The results indicate that the lack of communication and exchange of information, the close visions of the university-society relationship, the restricted conceptions of university extension and the third mission, the emphasis on welfare actions, are among the realities that limit and hinder the establishment of a holistic understanding of the third mission in Brazilian universities. The challenge, therefore, is to create an environment conducive to the harmonious and symbiotic coexistence of university missions so they can co-evolve, be enriched and perfected, in a two-way street, and, finally, to bring the university closer to society
Subject: Gestão do conhecimento
Sistema de Inovação
Terceira missão
Extensão universitária
Comunidade e universidade
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2017
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Gimenez_AnaMariaNunes_D.pdf5.38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.