Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/324308
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Uma análise do papel de sistemas computacionais como mediadores em redes sociotécnicas científicas sob a ótica da Actor-Network Theory
Title Alternative: An analysis of the role of computer systems as mediators in scientific socio-technical networks from the point of view of the Actor-Network Theory
Author: Prado, Alysson Bolognesi, 1975-
Advisor: Baranauskas, Maria Cecilia Calani, 1954-
Abstract: Resumo: A Sociedade Brasileira de Computação definiu para o decênio 2006-2016 grandes desafios para a comunidade brasileira de pesquisa em computação. Entre eles, a "Gestão da Informação em grandes volumes de dados multimídia distribuídos" foi abordada, entre outros, por pesquisadores voltados para o estudo de sistemas de suporte a atividades de pesquisa científica, área conhecida como e-science. O tipo de software assim estudado e desenvolvido trouxe a possibilidade de promover o compartilhamento e reuso de dados científicos, algo benéfico para a ciência sob vários aspectos. Entretanto, o uso destas ferramentas que facilitariam o compartilhamento de subprodutos de pesquisa não foi seguido do aumento esperado na disponibilidade destes dados. Este comportamento inesperado dos usuários perante uma funcionalidade dos sistemas constitui-se claramente um problema de pesquisa para a área de Interação Humano-Computador. Para entender como cientistas interagem com artefatos tecnológicos durante o processo de construção de conhecimento científico, o estudo sociológico de Bruno Latour sobre o trabalho de cientistas alinha-se à necessidade, além de ser o ponto de partida para o desenvolvimento do referencial teórico conhecido como Actor-Network Theory ¬¿ ANT. Posteriormente, esta teoria foi expandida para compreender a participação de artefatos tecnológicos em fenômenos sociais em geral. Considerando-se também que comunidades científicas podem ser entendidas como grupos de pessoas organizadas para um propósito, buscamos nas bases teóricas da Semiótica Organizacional ¿ SO ¿ e da Socially Aware Computing ¿ SAC ¿ os fundamentos que apoiam a compreensão dos processos internos às organizações e entre estas e as sociedades das quais fazem parte. Esta tese objetiva articular os referenciais teóricos da ANT e da SAC, permitindo, por um lado, compreender uma comunidade científica pelo ponto de vista organizacional, e por outro, entender o papel que diversos elementos não-humanos desempenham na mediação de interesses entre cientistas. Foi proposto um método para clarificar os interesses envolvendo o desenvolvimento e uso de um software, e um mecanismo de visualização de grupos sociais que possibilita uma interpretação qualitativa da participação conjunta de pessoas e elementos não-humanos. A proposta foi aplicada no estudo de um software voltado ao gerenciamento de dados de produção de pesquisa, no mapeamento de diversas comunidades científicas por meio de suas produções bibliográficas, e construindo um sistema para apoio ao processo científico de revisão de literatura ¿ o Quid. Os resultados obtidos demonstram a viabilidade da proposta de união das teorias e métodos. Os caminhos das influências e interesses divergentes no desenvolvimento de sistemas usados em e-science revelam a não-neutralidade dos desenvolvedores de software ¿ contrariamente a como são tradicionalmente enxergados. A abordagem de rede heterogênea permitiu visualizar comunidades científicas como um fenômeno social coeso, onde os participantes mais importantes são ressaltados, com menor suscetibilidade a vieses comuns em abordagens bibliométricas tradicionais, como a auto-referência e a relevância restrita a sub-comunidades. Como resultado final, acreditamos ter demonstrado a necessidade da compreensão do papel de artefatos digitais como participantes em fenômenos humanos, e validado a possiblidade desta compreensão por meio do ferramental conjunto da ANT com SAC

Abstract: The Brazilian Computer Society has defined grand research challenges in Computer Science for the period 2006-2016, one of them being the management of very large multimedia and distributed databases. This task is being tackled by researchers interested in the study of systems for support of science activities - the so-called e-science research area - who studied and developed a kind of software which brings forth the possibility to promote sharing and reuse of scientific data - a behavior that is, under many aspects, beneficial for science. However, the availability and use of these tools were not followed by the expected increase in the data sharing rates. This unexpected behavior of software users clearly constitutes a Human-Computer Interaction research problem. To understand how scientists interact with technological devices during the construction of scientific knowledge, the sociological studies of Bruno Latour about the work of scientists meet our needs, also being the starting point for the development of a theoretical framework named Actor-Network Theory ¬¿ ANT. Afterwards, this theory was extended to encompass the role of technological artifacts in all kinds of social phenomena. Assuming that a scientific community can be seen as a group of people organized for a purpose, we seek on the theoretical roots of Organizational Semiotics ¿ OS ¿ and Socially Aware Computing ¿ SAC ¿ the fundamentals to support the understanding of the internal processes of organizations and how they interact with the society they belong. This thesis aims to combine the theoretical basis from ANT and SAC in order to, on the one hand, understand a scientific community from an organizational point of view and, on the other hand, comprehend the role that many non-human entities fulfill when mediating interests among scientists. We propose a method to clarify the interests related to the development and use of software, as well as a tool for the visualization of social groups, allowing a qualitative understanding about the joint contribution of human and non-human entities. These proposals were applied to the study of a piece of software intended to manage research data, to depict some scientific communities based on their publications, and to build a program ¿ named Quid ¿ to support systematic literature reviews. Results show the feasibility of the proposed ensemble of theories and methods. The paths taken by divergent influences and interests involved in development of e-science software unveil the non-neutrality of software developers ¿ in spite of how they are traditionally regarded. The heterogeneous network approach allows the visualization of scientific communities as a single social phenomenon, highlighting the most important participants and therefore being less prone than traditional bibliographic methods to biases such as self-reference and localized relevance. As a final contribution, we believe we have provided a demonstration of the need for acknowledgement of digital artifacts as participants in social phenomena, also showing that this understanding can be achieved by applying ANT and SAC together
Subject: Interação humano-máquina
Tecnologia da informação - Aspectos sociais
Semiótica e computação
Ciência e tecnologia
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2017
Appears in Collections:IC - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Prado_AlyssonBolognesi_D.pdf4.94 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.