Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/322738
Type: TESE DIGITAL
Title: Autorregulação, autoeficácia, abordagens à aprendizagem e a escrita de universitários
Title Alternative: Self-regulation, self-efficacy, approaches to learning and writing of university students
Author: Emilio, Eduarla Resende Videira, 1986-
Advisor: Polydoro, Soely Aparecida Jorge, 1966-
Abstract: Resumo: O sucesso acadêmico do estudante do ensino superior depende substancialmente da maneira como este percebe e desenvolve a sua habilidade de escrita frente às exigências desse contexto. No que tange a essas exigências, o estudante deve ser capaz de escrever utilizando vocabulários próprios das áreas do conhecimento, de adequar a sua escrita aos diferentes objetivos e aos diferentes formatos de textos exigidos nas disciplinas e de utilizar de forma apropriada as citações de obras consultadas. É possível observar na literatura uma variedade de pesquisas que mostram que variáveis comportamentais, cognitivas e motivacionais desempenham um papel significativo na escrita dos estudantes. Dentre essas variáveis destacam-se: a autorregulação da aprendizagem, a autoeficácia para autorregulação da escrita e as abordagens à aprendizagem. Por isso, o presente trabalho propôs-se a analisar o impacto dessas variáveis sobre o desempenho em escrita de resumos em uma amostra de estudantes universitários. Foram desenvolvidos dois estudos relacionados: 1) Tradução, adaptação e validação da Escala de Autorregulação da Escrita (EAARE) para a realidade brasileira e; 2) Identificação, descrição e análise da natureza das relações entre autorregulação da aprendizagem, autoeficácia para autorregulação da escrita, abordagens à aprendizagem e desempenho em escrita de resumos. Participaram do primeiro estudo 430 universitários e do segundo 105, todos matriculados em uma instituição pública de ensino localizada em uma cidade do estado de São Paulo. Foram utilizados quatro instrumentos de autorrelato no formato de escala Likert, um questionário de caracterização e uma planilha de desempenho em escrita de resumos. Os estudos psicométricos baseados nas análises fatoriais exploratórias, nas análises da relação com variáveis externas convergentes e na verificação da consistência interna indicaram que a EAARE se constitui como um instrumento com evidências de validade e de fidedignidade apropriados para o uso no contexto brasileiro. Sobre o estudo 2, os resultados apontaram uma correlação estatisticamente significativa e positiva entre autorregulação da aprendizagem, autoeficácia para autorregulação da escrita, abordagem profunda e desempenho em escrita de resumos. Por outro lado, não foi possível observar uma correlação significativa entre abordagem superficial e desempenho em escrita de resumos. No estudo de regressão, comprovou-se que somente a variável autorregulação da aprendizagem foi significativa na predição da variância do desempenho em escrita de resumos na amostra estudada. Portanto, assegurou-se o importante papel autorregulação da aprendizagem sobre a escrita de resumos. À luz da literatura da área foram discutidos esses achados. Ademais, foram apresentadas algumas implicações teóricas, práticas e metodológicas dessa investigação, bem como as limitações e uma proposta de agenda de pesquisa. Espera-se que este estudo provoque o interesse de pesquisadores a prosseguir com investigações sobre variáveis que influenciam a escrita de estudantes e que contribua para o desenvolvimento de intervenções que visem auxiliar os estudantes a lidar com as exigências de escrita do ensino superior com o foco no desenvolvimento de competências autorregulatórias

Abstract: The higher education student¿s academic success depends substantially on the way one perceives and develops one's writing skills against the demands from this context. With regard to these requirements, the student should be able to write using the specific vocabulary correspondent to the areas of knowledge. Also, he should adapt his writing to the different objectives and the different formats of texts required in the disciplines, and use the quotes from the consulted papers in a proper way. It is possible to observe in the literature a variety of research that shows that behavioral, cognitive and motivational variables play a significant role in students¿ writing. These variables include: learning self-regulation, self-efficacy for writing self-regulation, and approaches to learning. Hence, the present work aimed at analyzing the impact of these variables on the performance in the writing of summaries in a sample of university students. Two related studies were developed: 1) Translation, adaptation and validation of the Self-Regulation for Writing Scale (EAARE) for the Brazilian reality; 2) Identification, description and analysis of the nature of the relationships between learning self-regulation, self-efficacy for writing self-regulation, approaches to learning and performance in the writing of summaries. 430 university students participated in the first study, and 105 in the second one. All of them were enrolled in a public educational institution located in a city in the state of São Paulo. There were four self-report instruments in the Likert scale format, a characterization questionnaire, and a performance spreadsheet for summaries writing. The psychometric studies based on exploratory factor analysis, on the analysis of the relationship with external convergent variables, and on the verification of the internal consistency indicated that the EAARE is an instrument with evidence of validity and reliability for the Brazilian context. Regarding study 2, the results pointed to a statistically significant and positive correlation between learning self-regulation, self-efficacy for writing self-regulation, deep approach and performance in the writing of summaries. On the other hand, it was not possible to observe a significant correlation between superficial approach and performance in the writing of summaries. In the regression analysis, it was verified that only the variable learning self-regulation was significant in the prediction of the variance of the performance in the writing of summaries. Therefore, the important role of learning self-regulation for writing of summaries was ensured. These findings were discussed in consonance with the literature of the area. In addition, some theoretical, practical and methodological implications of this research were presented, as well as its limitations and a proposal of research agenda. It is expected that this study raises interest in researchers in pursuing investigation on the variables that influence student writing. Moreover, that it contributes to the development of interventions focusing on the development of self-regulatory skills aimed at helping students cope with higher education writing requirements
Subject: Aprendizagem - Autorregulação
Autoeficácia
Ensino superior
Escrita
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2017
Appears in Collections:FE - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Emilio_EduarlaResendeVideira_D.pdf2.72 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.