Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/322668
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Desenvolvimento agrícola e distribuição de renda : um comparativo entre o Paraguai e o Brasil
Title Alternative: Agricultural development and income distribution : a comparison between Paraguay and Brazil
Author: Alvarez, Larissa Carolina Barboza, 1993-
Advisor: Maia, Alexandre Gori, 1972-
Abstract: Resumo: A dinâmica agrária recente no Paraguai parece estar reproduzindo o comportamento observado no Brasil: crescimento da produção e da produtividade na agricultura e redução dos elevados índices de pobreza rural acompanhados do acirramento da desigualdade. A década de 2000 foi extremamente favorável para o desenvolvimento agrícola em ambos os países. No Brasil, a dinâmica da renda agrícola manteve e, em certo grau, acentuou o quadro de extremas diferenças entre as regiões mais pobres, associadas à pequena produção familiar, e as regiões mais ricas, associadas à agricultura moderna. A dinâmica da agricultura no Brasil parece estar se observando em países vizinhos do bloco Mercosul, o que autorizaria formular uma hipótese sobre traços comuns do processo de desenvolvimento agrário que seria caracterizado pelo dinamismo econômico localizado em alguns segmentos ao lado da exclusão de um grande grupo de produtores, sem condições de se inserir nas cadeias do agronegócio global. No mesmo período a economia paraguaia cresceu a taxa elevadas, com melhoras nos indicadores gerais de pobreza. A hipótese principal é que no Paraguai o processo de desenvolvimento agrícola e rural também é bifronte, marcado pela consolidação de sistemas produtivos intensivos em capitais e por uma dinâmica que exclui e marginaliza grande número de famílias dos benefícios gerados pelo polo mais dinâmico. O objetivo central do trabalho é analisar: i) a dinâmica da produção e produtividade do trabalho na agricultura, em comparação aos demais setores da economia; ii) a evolução na configuração do mercado de trabalho agrícola e a apropriação da renda gerada pelo aumento da produtividade agrícola; iii) os impactos dessas mudanças na distribuição de renda. Os resultados destacam que o desenvolvimento agrícola nos dois países favoreceu ao grupo de rendimentos mais elevados nas regiões mais ricas, onde se desenvolve a agricultura moderna. As análises baseiam-se em informações de pesquisas domiciliares oficiais dos dois países, entre os anos 2002 e 2014, período caracterizado por substanciais mudanças na economia e sociedade rural

Abstract: The recent agrarian dynamics in Paraguay seems to be reproducing the behavior observed in Brazil: growth of production and productivity in agriculture and reduction of high rates of rural poverty accompanied by the increase of inequality. The decade of 2000 was extremely favorable for agricultural development in both countries. In Brazil, the dynamics of agricultural income continued and, to a degree, accentuated extreme differences between the poorer regions associated with small family production and the richer regions associated with modern agriculture. The dynamics of agriculture in Brazil seems to be being observed in neighboring countries of the Mercosur bloc, which would allow to formulate a hypothesis on common traces of the process of agrarian development that would be characterized by the economic dynamism located in some segments along with the exclusion of a large group of producers, without being able to enter the chains of global agribusiness. In the same period the Paraguayan economy grew at a high rate, with improvements in general poverty indicators. The main hypothesis is that in Paraguay the process of agricultural and rural development is also two-way, marked by the consolidation of capital-intensive productive systems and by a dynamic that excludes and marginalizes large numbers of families from the benefits generated by the more dynamic pole. The main objective of the study is to analyze: i) the dynamics of production and labor productivity in agriculture, in comparison with other sectors of the economy; ii) the evolution in the configuration of the agricultural labor market and the appropriation of the income generated by the increase of agricultural productivity; iii) the impacts of these changes on income distribution. The results highlight that agricultural development in both countries favored the higher income group in the richer regions where modern agriculture is developed. Analyzes are based on information from official domiciliary surveys of the two countries between 2002 and 2014, a period characterized by substantial changes in the economy and rural society
Subject: Agricultura
Desenvolvimento rural
Renda - Distribuição
Produtividade do trabalho
Editor: [s.n.]
Citation: ALVAREZ, Larissa Carolina Barboza. Desenvolvimento agrícola e distribuição de renda: um comparativo entre o Paraguai e o Brasil. 2017. 1 recurso online ( 61 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Economia, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/322668>. Acesso em: 1 set. 2018.
Date Issue: 2017
Appears in Collections:IE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Alvarez_LarissaCarolinaBarboza_M.pdf1.17 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.