Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/32248
Type: Artigo de periódico
Title: Estudo da influência de diferentes parâmetros na produção de enzimas líticas
Title Alternative: Study of different parameters in the production of lytic enzymes
Author: Fleuri, Luciana Francisco
Sato, Hélia Harumi
Abstract: The aim of this work was to study the effects of different parameters in the production of β-1,3 glucanases, proteases and chitinases by Cellulosimicrobium celulans 191, in culture media A, B and C, respectively. The experimental designs employed were 2³ factorial designs, and the factors studied were: initial pH, temperature and rotary shaker speed. The experimental results for the production of β-1,3 glucanase in culture medium A showed maximum activity (0.64 U.mL-1) with an initial pH of 8.5 after 24 hours of fermentation at 33 ºC and 200 rpm. The parameters pH, rotary shaker speed and the interaction of all the parameters presented statistical significance. The experimental results for protease production in culture medium B showed maximum activity (4.25 U.mL-1) with an initial pH of 6.5 after 30 hours of fermentation at 20 ºC and 200 rpm. The pH was the only parameter that presented statistical significance. The experimental results for chitinase production in culture medium C showed maximum activity (7.06 U.mL-1) at an initial pH of 5.5 after 72 hours of fermentation at 25 ºC and 200 rpm. All the parameters and their interactions presented statistical significance. The determination coefficients of the analysis of variance and F tests demonstrated that the linear regression models obtained were significant at a confidence level of 95%.
O presente trabalho visou o estudo do efeito de diferentes variáveis na produção de β-1,3 glucanases, proteases e de quitinases pela linhagem Cellulosimicrobium cellulans 191, em meios de cultivo A, B e C, respectivamente. Foram realizados planejamentos fatoriais 2³, e os fatores estudados foram: pH inicial, temperatura e agitação dos frascos. No planejamento experimental para a produção de β-1,3 glucanase em meio de cultivo A foi verificada maior produção da enzima (0,64 U.mL-1) com pH inicial de 8,5 após 24 horas de fermentação a 33 ºC e 200 rpm. Os parâmetros pH, agitação dos frascos e interação entre todos os parâmetros foram estatisticamente significativos. No planejamento experimental para a produção de protease em meio de cultivo B foi verificada maior produção da enzima (4,25 U.mL-1) com pH inicial de 6,5 após 30 horas de fermentação a 20 ºC e 200 rpm. O pH foi o único parâmetro estatisticamente significativo. No planejamento experimental para a produção de quitinase em meio de cultivo C foi verificada maior produção da enzima (7,06 U.mL-1) com pH inicial de 5,5 após 72 horas de fermentação a 25 ºC e 200 rpm. Todos os parâmetros estudados e suas interações foram estatisticamente significativos. Os coeficientes de determinação, as análises de variância e os teste F demonstraram que os modelos de primeira ordem obtidos foram considerados estatisticamente significativos adotando um nível de confiança de 95%.
Subject: β-1,3 glucanases
proteases
quitinases
Cellulosimicrobium cellulans 191
β-1,3 glucanases
proteases
chitinases
Cellulosimicrobium cellulans 191
Editor: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0101-20612008000200006
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0101-20612008000200006
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612008000200006
Date Issue: 1-Jun-2008
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0101-20612008000200006.pdf438.63 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.