Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/322163
Type: TESE DIGITAL
Title: Relações entre processos paleopedogenéticos e sedimentares na formação Marília da Serra de Echaporã (Grupo Bauru, Cretáceo Superior)
Title Alternative: Relations between paleopedogenetics and sedimentary processes in Marília formation of the Echaporã Saw (Bauru Group, Upper Cretaceous)
Author: Oliveira, Emerson Ferreira, 1986-
Advisor: Basilici, Giorgio, 1959-
Abstract: Resumo: Paleossolos são representados por um corpo geológico que se encontra nas sucessões sedimentares e corresponde a um solo enterrado coberto por rochas ou por outros paleossolos mais recentes. A Formação Marília (Grupo Bauru) é constituída por uma porção relevante de perfis de paleossolos, em alguns afloramentos a espessura dos paleossolos supera 95% da sucessão. A alternância entre os processos paleopedogenéticos e sedimentares é um dos fatores fundamentais de controle para o desenvolvimento dos paleossolos. Esta pesquisa tem como objetivo a interpretação paleoambiental da porção superior do Grupo Bauru na região dos municípios de Marília e Echaporã do estado de São Paulo. Durante o trabalho de campo os paleossolos foram identificados e separados dos sedimentos mediante observação e descrição das estruturas pedogenéticas, horizontes, marcas de raízes, mosqueamentos e ausências de estruturas sedimentares. Os sedimentos foram identificados mediante a presença de estruturas sedimentares. Análises geoquímicas possibilitaram caracterizar os diferentes tipos de horizontes como Bw, Bk e Btk, o material de origem, hidrólise, calcificação e lixiviação. Os perfis de paleossolos analisados indicam condições ambientais de clima semiárido, com pouca vegetação. A maioria dos perfis de paleossolos são poucos desenvolvidos e possuem estruturas incipientes, alguns outros possuem estruturas pedogenéticas mais evidentes e contém um bom grau de desenvolvimento. O paleoambiente é identificado como clima semiárido, caracterizado pela alternância cíclica temporal entre depósitos subaquáticos não confinados

Abstract: Paleosols are represented by a geological body that is found in sedimentary successions and corresponds to a buried ground covered by rocks or other newer paleosols. The Marília Formation (Bauru Group) is composed of a relevant portion of paleosols profiles, in some outcrops of paleosols the thickness exceeds 95% of the sequence. Switching between paleopedogenetics and sedimentary processes were fundamental in the development of paleosols. This research aims to make paleoenvironmental interpretation of the upper portion of the Bauru Group in the area of the cities of Marilia and Echaporã the state of São Paulo, analyzing the builders factors of geological bodies. During fieldwork for the identification and description of the structures of paleosols, horizons, roots traces, mottling. sedimentary structures of absences. The sediments were identified by the presence of sedimentary structures. Geochemical laboratory made it possible to characterized the different types of horizons as Bw, Bk and Btk, provenance, hydrolysis, calcification and leaching. The analyzed profiles indicate conditions in an environment with semiarid climate, with little vegetation. Some profiles are few developed and have few incipient structures, others have more obvious structures and contains a good level of development, in all. The paleoenvironment is identified as desert, with semi-arid climate, characterized by temporal cyclical alternation between unconfined underwater
Subject: Paleopedologia
Sedimentos (Geologia)
Rochas - Formação
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2016
Appears in Collections:IG - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_EmersonFerreira_M.pdf7.8 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.