Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/321884
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito da concentração de fluoreto na redução da desmineralização do esmalte de acordo com o desafio cariogênico = Effect of fluoride concentration on reduction of enamel demineralization according to the cariogenic challenge
Title Alternative: Effect of fluoride concentration on reduction of enamel demineralization according to the cariogenic challenge
Author: Noronha, Mayara dos Santos, 1987-
Advisor: Tabchoury, Cinthia Pereira Machado, 1969-
Abstract: Resumo: dental. No entanto, em indivíduos de alto risco de cárie, que consomem açúcar diariamente em frequências acima de 7 ou 8 vezes, esse efeito pode ser limitado. Considerando que exposição a açúcares é a principal causa da cárie dental e que o efeito do fluoreto é dependente de sua concentração, um aumento nas concentrações de fluoreto (5.000 µg F/g) poderia compensar o incremento de cárie dental em condições de alto risco de cárie. Desta forma, o objetivo deste estudo foi avaliar, em um modelo de ciclagens de pH, o efeito da concentração de fluoreto, relacionado ao dentifrício, na redução da desmineralização do esmalte dental sob condições de maior desafio cariogênico, simulando uma exposição ao açúcar de 8 e 16 vezes por dia. Um estudo experimental in vitro, randomizado e cego foi realizado. Blocos de esmalte dental bovino foram selecionados de acordo com a dureza de superfície pré-determinada e submetidos a um regime de ciclagens de pH, simulando dois níveis de desafios cariogênicos (4 e 8 h de imersão em solução desmineralizante, simulando exposição diária ao açúcar de 8 e 16 vezes, respectivamente). Em seguida, os blocos dentais foram submetidos duas vezes ao dia a tratamentos com soluções contendo: 0 (controle negativo), 275 ou 1.250 µg F/mL, resultando em 6 grupos de tratamento: 4-h/0-F; 8-h/0-F; 4-h/275-F, 8-h/275-F; 4-h/1.250-F e 8-h/1.250-F. A duração da imersão dos blocos dentais nas soluções foi determinada em estudo piloto. As concentrações de fluoreto nos grupos de tratamento simulam diluição de 1:3 (p/p) que ocorre na cavidade bucal quando dentifrícios de 1.100 e 5.000 µg F/g são utilizados. O estudo teve duração de 8 dias e, ao final do regime de ciclagens de pH, a desmineralização dos blocos dentais foi estimada pela porcentagem de perda de dureza de superfície (%PDS) e área da lesão cariosa (?S). As concentrações de fluoreto presente no esmalte e de fluoreto nas soluções des e remineralizantes também foram determinadas. Os resultados foram analisados por Análise de Variância One-Way seguido de comparações múltiplas de teste de Tukey. A solução contendo 1.250 µg F/mL reduziu significativamente os valores de %PDS e promoveu maior incorporação de fluoreto no esmalte (p<0,05) sob maior desafio cariogênico (8-h). Além disso, diferiu significativamente do grupo de 275 µg F/mL quanto à %PDS em ambos desafios cariogênicos (4- e 8-h). Em relação ao ?S, não houve diferença significativa entre os grupos tratados com fluoreto em ambos desafios cariogênicos (p>0,05). Adicionalmente, maiores concentrações de fluoreto nas soluções des e remineralizantes dos grupos tratados com solução contendo 1250 µg F/mL foram observadas (p<0,05). Em conclusão, os dados sugerem que o efeito protetor do fluoreto foi influenciado pelo nível do desafio cariogênico e o fluoreto em alta concentração apresentou maior efeito na redução da iniciação da perda mineral quando de um maior desafio cariogênico

Abstract: Fluoride (F) present in toothpaste with conventional concentration (1,000-1,500 µg F/g) is effective on the control and prevention of dental caries. However, in high caries risk individuals, who daily consume sugar at frequencies above 7 or 8 times, this effect can be limited. Considering that exposure to sugar is the main cause of dental caries and that the effect of fluoride is concentration-dependent, an increase in fluoride concentration (5,000 µg F/g) could compensate the increment of dental caries in conditions of high-risk caries. Therefore, the aim of this study was to evaluate, in a pH-cycling model, the effect of fluoride concentration, related to toothpaste, on the reduction of enamel demineralization under conditions of higher cariogenic challenge, simulating sugar exposure of 8 and 16x/day. An experimental in vitro, randomized and blind study was conducted. Enamel bovine slabs were selected according to surface hardness and subjected to pH-cycling regimens, simulating two levels of cariogenic challenge (4- and 8-h immersion in demineralizing solution, simulating 8 and 16x/day sugar exposure, respectively). Then, the slabs (n=20/group) were exposed 2x/days to treatments with solutions containing: 0 (negative control), 275 or 1,250 µg F/mL, resulting in 6 groups of treatments: 4-h/0-F; 8-h/0-F; 4-h/275-F; 8-h/275-F; 4-h/1,250-F and 8-h/1,250-F. The duration of the immersion of the dental slabs in the solutions was determined in a pilot study. The fluoride concentration in treatments groups simulated a dilution of 1:3 (w/w) occurring in oral cavity when the toothpastes containing 1,100 and 5,000 µg F/g are used. The study lasted 8 days and, at the end of the pH-cycling regimen, demineralization of dental slabs was estimated by the percentage of surface hardness loss (%SHL) and area of the carious lesion (?S). The concentrations of fluoride present in enamel and fluoride in de and remineralizing solutions were also determined. The results were analyzed by One-Way ANOVA followed by Tukey's test multiple comparison. The solution containing 1,250 µg F/mL significantly reduced the values of %SHL and promoted higher incorporation of fluoride in enamel (p<0.05) under the higher cariogenic challenge (8-h). Furthermore, it significantly differed from the group of 275 µg F/mL with regard to %SHL in both cariogenic challenges (4- and 8-h). In relation to ?S, there was no significant differences between the groups treated with fluoride in both cariogenic challenges (p>0.05). Additionally, higher F concentrations in de and remineralizing solutions of the groups treated with solution containing 1,250 µg F/mL (p<0.05). In conclusion, the data suggest that the protective effect of fluoride was influenced by the level of cariogenic challenge and high fluoride concentration had the highest effect on the reduction of the initiation of mineral loss under higher cariogenic challenge
Subject: Fluoretos
Desmineralização
Esmalte dentário
Dentifrícios
Cárie dentária
Language: Multilíngua
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2016
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Noronha_MayaradosSantos_M.pdf1.3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.