Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/321201
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Estado e Desenvolvimento : a indústria de semicondutores no Brasil
Title Alternative: State and Development : the semiconductor industry in Brazil
Author: Filippin, Flavia, 1988-
Advisor: Biancarelli, André Martins, 1978-
Abstract: Resumo: A indústria de semicondutores é um dos setores mais dinâmicos e relevantes da economia global. Em função do seu caráter estratégico, o governo brasileiro vem incentivando o renascimento do setor desde o início dos anos 2000 através de diversas políticas. Como resultado, há hoje embriões de uma indústria de semicondutores no Brasil: são mais de 40 instituições atuando em todas as etapas da cadeia de valor e em diversos segmentos de componentes semicondutores. Esta dissertação busca descrever e analisar a indústria de semicondutores no Brasil, bem como as políticas públicas implementadas pelo governo, de forma a verificar qual é o papel desempenhado pelo Estado no desenvolvimento desta indústria. Atenção especial é dada às três iniciativas na etapa de front-endde circuitos integrados e componentes fotônico. Para atingir seus objetivos, este trabalho tem como ponto de partida a revisão da literatura nacional e internacional sobre desenvolvimentismo. Esta discussão acerca do papel do Estado na promoção do desenvolvimento busca evidenciar as lacunas existentes no debate brasileiro sobre o tema e apontar linhas de ação possíveis. Analisa-se também a literatura específica sobre a indústria de semicondutores tanto para expor os fatos mais relevantes acerca da organização deste setor no mundo, quanto para analisar o diagnóstico existente sobre o setor no Brasil. Indo além da literatura, entretanto, este trabalho examina também uma série de fontes primárias. Por um lado, são analisados diversos documentos oficiais com o intuito de colher informações sobre políticas públicas e outras ações estatais. Por outro lado, faz-se uma pesquisa de campo através de questionários com as empresas da indústria de semicondutores identificadas no Brasil e entrevistas com autoridades ligadas ao setor. Por fim, utiliza-se também notícias veiculadas na impressa nacional e internacional. As principais conclusões dizem respeito, em primeiro lugar, ao processo de construção da política de incentivo à indústria de semicondutores no Brasil: foi a burocracia intermediária e estável do governo federal que carregou a bandeira do setor e agiu em seu favor. Em segundo lugar, a participação direta e comprometida do Estado é fundamental para a viabilização de empreendimentos na etapa de fabricação de componentes semicondutores mais complexos. Entretanto, ainda que muitos resultados já tenham aparecido, o sucesso deste esforço depende da continuidade e atualização desta política. Dessa forma, é preciso que a indústria de semicondutores seja continuamente considerada estratégica e prioritária, ou seja, que recupere a posição de destaque de que gozou no passado

Abstract: The semiconductor industry is one of the most dynamic and relevant sectors of the global economy. Because of its strategic status, the Brazilian government has encouraged the revival of the sector since the early 2000s through various policies. As a result, today there are early-stage initiatives of a semiconductor industry in Brazil: more than 40 institutions operating in all stages of the value chain and in various product segments. This dissertation seeks to describe and analyze the semiconductor industry in Brazil and the public policies implemented by the government in order to investigate the role of the state in the development of this industry. Special attention is given to three initiatives of front-end fabrication. To achieve its objectives, this work starts by reviewing the Brazilian and international literature on developmentalism. This discussion about the state's role in promoting development seeks to highlight the gaps in the Brazilian debate on the issue and identify possible courses of action. It also analyzes the specific literature on the semiconductor industry to both expose the most relevant facts about the organization of this sector in the world, and to analyze the existing diagnosis of the sector in Brazil. Going beyond the literature, however, this study also examines a number of primary sources. On the one hand, several official documents are analyzed in order to gather information on public policy and other state actions. On the other hand, this work promotes a field survey through questionnaires with semicondutor companies identified in Brazil and interviews with authorities from the sector. Finally, the work also uses reports in the national and international press. The main conclusions of this work relate, first, to the way the policy for the semicondutor industry was constructed in Brazil: it was the intermediate and stable bureaucracy of the federal government that defended the interests of this sector and acted on its behalf. Second, direct and committed assistance from the state is essential in order to enterprises in the front-end stage of the fabrication of complex semiconductor components become true. Although many results have already appeared, the success of this effort depends on this policy being continued and updated. Therefore, it is necessary that the semiconductor industry is continuously considered strategic and priority, i.e. to recover the prominent position it experienced in the past
Subject: Desenvolvimentismo
Microeletronica - Indústria
Política industrial - Brasil
Editor: [s.n.]
Citation: FILIPPIN, Flavia. Estado e Desenvolvimento: a indústria de semicondutores no Brasil. 2016. 1 recurso online (266 p.). Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Economia, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/321201>. Acesso em: 31 ago. 2018.
Date Issue: 2016
Appears in Collections:IE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Filippin_Flavia_M.pdf3.28 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.