Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/321107
Type: TESE DIGITAL
Title: Arqueologia da imagem : buscando outros significados na fotografia analógica e digital no século XXI
Title Alternative: Archaeology of the image : seeking other meanings to analogic
Author: Freitas, Simone Alcantara, 1964-
Advisor: Boccara, Ernesto Giovanni, 1948-
Abstract: Resumo: Assim como a Arqueologia delimita seu "espaço" para um estudo, delimitamos aqui, como mídia a ser estudada, a fotografia: da analógica à digital. Escolhemos a fotografia porque se apresenta como um marco para a multiplicação de outros meios de comunicação desde o século passado, sendo a proposta desta pesquisa explorar uma afinidade possível entre a Arqueologia e a Semiótica (proposta por Charles S. Peirce), a qual se dá, em princípio, pela sequência permanente de hipóteses e processos de semiose que ocorrem em ambas. Com base nas teorias contemporâneas adotadas pela Arqueologia e suas metodologias aplicáveis, e com o olhar proposto por Zielinski, buscaremos outros significados possíveis no estudo da fotografia analógica/digital. O objeto da pesquisa é a volatização da imagem: uma quantidade cada vez maior de imagens a que estamos expostos e que não deixam vestígios aparentes. Chamamos de "desmaterialização" este fenômeno de perda de vestígio material pelo qual a fotografia vem passando nas últimas décadas, e assim buscamos compreender que imagens são estas, se indiciais, icônicas, ou se está surgindo um novo tipo de imagem, efêmera e volátil. Pretendemos, ainda, indicar outros elementos e aspectos que possam interferir/potencializar/alimentar este processo de semiose. O quadro teórico epistemológico de referência para o desenvolvimento da tese se apresenta pelos apontamentos sobre arqueologia e, em seguida, o porquê da arqueologia das mídias (como referência mais contemporânea) e de que modo esta pode ser aplicada aos meios de comunicação, especialmente a fotografia. Apresentamos, ainda, elementos de discussão sobre fotografia analógica e digital e de que modo podem ser esclarecidos à luz de parâmetros dados pela semiótica e pela arqueologia sensorial. Nesta pesquisa foram utilizados, essencialmente, os seguintes autores: Renfrew, Funari, Pellini, McLuhan, Zielinski, Baitello, Flusser, além de Peirce e dos teóricos da fotografia

Abstract: In the same way Archaeology bounds its "space" for a study, so do we, bounding photography as media to be studied: from analogic to digital. We chose photography because it presents itself as a milestone to multiply other means of communication since last century, being the proposal of this research to explore a possible affinity between archaeology and semiotics (proposed by Charles S. Peirce), that occurs, in principle, by permanent sequence of hypotheses and processes of semiosis which take place in both sciences. Based on contemporary theories adopted by Archaeology and its applicable methodologies, and also through the look proposed by Zielinski, we looked for other possible meanings in the study of analogic/digital photography. The object of the research is the volatilization of the image: an increasing amount of images to which we are exposed and that leaves no traces. We name "dematerialization" this phenomenon of loss of material vestige to which photography has been exposed in the last decades, and then we intend to understand what these images are, if evidences, icons, or if it is emerging a new type of ephemeral and volatile image. We also plan to indicate other elements and aspects that can interfere/enhance/feed this process of semiosis. The epistemological theoretical panorama of reference for the development of the thesis is presented through the clarification about archaeology and, after, the cause of media archaeology (as contemporary reference) and how it can be applied to the means of communication, especially the photography. We also introduce elements of discussion about analogue and digital photography and how it can be cleared by the light of semiotics parameters and by sensory archaeology. Essentially, this research was based on the following authors: Renfrew, Funari, Pellini, McLuhan, Zielinski, Baitello, Flusser, besides Peirce and the photography theorists
Subject: Fotografias
Fotografia - Técnicas digitais
Semiótica e arte
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2016
Appears in Collections:IA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Freitas_SimoneAlcantara_D.pdf2.88 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.